Publicidade

quinta-feira, 1 de julho de 2010 Eleições | 15:08

Freire diz que decisão do TSE “zera o jogo” entre Dilma e Serra

Compartilhe: Twitter

Foi feita pelo PPS a consulta que resultou na resolução do Tribunal Superior Eleitoral proibindo que candidatos a presidente apareçam nos programas de TV dos estados ao lado de aliados que fecharam coligações com partido concorrente ao Planalto.

O presidente nacional do PPS, Roberto Freire, disse ao Poder Online que tinha intenção de fazer retornar a verticalização, mas que não se sente culpado por embaralhar a campanha:

– Culpado é o PT, que em setembro forçou a aprovação, às pressas, de uma lei para beneficiar sua candidata à Presidência, mas que estava mal redigida. Culpado, no máximo, é o TSE que interpretou a lei desta forma.

Mas o PPS vai reagir à decisão do TSE?

– Não. Decisão da Justiça tem que ser cumprida e pronto.  Também não pensamos em mudar nossas coligações. Zerou o jogo. Nem Lula num programa, nem Serra no outro e nem Marina. Já tivemos eleições com verticalização antes e vamos apenas voltar a tê-las. Nada demais.

Autor: Tags: , , , , ,