Publicidade

sexta-feira, 1 de outubro de 2010 Eleições | 09:04

O perigo mora ao lado

Compartilhe: Twitter

José Serra (Foto: AE)

A campanha do tucano José Serra estava muito apreensiva com a participação do candidato a presidente no evento dos funcionários públicos, anteontem, em São Paulo.

Muitos assessores estavam temerários que Serra fosse cair em uma armadilha já que esse setor sempre foi contra o tucanato – precisamente depois de ficar 8 anos sem reajuste de salário durante o governo Fernando Henrique.

Mas ontem, ao ler o jornal Folha de S.Paulo, e ver a foto de Serra, no fim do evento, sentado sozinho no auditório, supostamente conversando por telefone com o ministro Gilmar Mendes, os assessores perceberam que o perigo morava mesmo era ao lado.

Como se sabe, a suspeita é que a conversa ocorrera durante o julgamento no Supremo Tribunal Federal sobre a exigência de dois documentos para votar. Mendes, na quarta-feira, pediu vistas do processo, decisão que poderia favorecer o PSDB.

Autor: Tags: , , ,

Nenhum comentário, seja o primeiro.

Os comentários do texto estão encerrados.