Publicidade

segunda-feira, 12 de setembro de 2011 Eleições | 08:04

PT compara Haddad com Dilma

Compartilhe: Twitter

Alguns dias depois de divulgada a primeira pesquisa eleitoral para prefeito de São Paulo, a primeira também em que aparece o nome do ministro da Educação, Fernando Haddad, o PT faz uma comparação desvantajosa para o candidato preferido pelo ex-presidente Lula.

A análise dificulta o desempenho de Haddad nas prévias de 27 de novembro. Os petistas comparam o desempenho de Dilma Rousseff na largada da corrida presidencial com a de Haddad e chegam à conclusão de que o ministro apareceu muito fraco (com 2% das intenções de voto) depois de grande exposição na mídia e o apadrinhamento claro de Lula.

Em 16 de agosto de 2009, Dilma tinha 17% no Datafolha contra 38% de José Serra, 14% de Ciro Gomes, 12% de Heloisa Helena e 3% de Marina Silva. Indecisos, nulos, brancos somavam 18%.

Embora Carlos Zarattini, Jilmar Tatto e Eduardo Suplicy, outros pré-candidatos do PT paulistano, não aparecerem na pesquisa do Datafolha, os petistas comentam que os três estariam na mesma faixa de Haddad ou até melhor, no caso de Suplicy. Logo, a pesquisa enterrou definitivamente a chance de negociação com esses contendores para uma desistência em favor de Haddad.

Autor: Tags: , , , , , , , ,

Nenhum comentário, seja o primeiro.

Os comentários do texto estão encerrados.