Publicidade

quarta-feira, 15 de fevereiro de 2012 Eleições | 12:01

Aliados de Serra no PSDB apostam que ele será candidato a prefeito de São Paulo

Compartilhe: Twitter

Antes as pressões sobre o ex-governador de São Paulo José Serra para concorrer à Prefeitura da capital este ano partiam dos seus adversários no PSDB, interessados apenas em tirá-lo da disputa com o senador Aécio Neves pela vaga de candidato do partido à Presidência da República em 2014.

Mas desde que o atual prefeito, Gilberto Kassab (PSD), se aproximou do candidato do PT, Fernando Haddad, a história mudou.

Agora são os aliados de Serra no partido que o têm pressionado a concorrer à Prefeitura.

Pelo menos dois desses aliados o procuraram recentemente com a seguinte argumentação:

Serra seria hoje o único dos possíveis candidatos do PSDB em condições de fazer frente a Haddad depois que o ex-presidente Lula aproximou Kassab do PT. Ainda mais com o governador Geraldo Alckmin (PSDB) recusando-se a apoiar outros dois nomes que os serristas avaliavam como fortes: o vice-governador Guilherme Afif Domingos (PSD), e o senador Aloysio Nunes Ferreira (PSDB).

Segundo esses tucanos têm argumentado com Serra, os nomes do PSDB que anunciaram a disposição de concorrer às prévias do partido para prefeito de São Paulo — José Aníbal, Bruno Covas, Andrea Matarazzo e Ricardo Trípoli — podem levar os tucanos a uma derrota fragorosa. E São Paulo seria, na avaliação destes serristas, a última cidadela importante da oposição contra a hegemonia petista no país.

Eles ainda não convenceram Serra a anunciar sua candidatura. Mas o fato é que, com seus próprios aliados agora defendendo que ele concorra à Prefeitura, será difícil para o ex-governador resistir.

Autor: Tags: , , , , , , ,