Publicidade

quinta-feira, 24 de maio de 2012 Congresso | 06:01

Presidente da Câmara defende liberação dos contas-sujas

Compartilhe: Twitter

O presidente da Câmara, Marco Maia (PT-RS), defende a aprovação pelos deputados — ocorrida na terça-feira à noite — do projeto de lei que autoriza a candidatura de políticos com contas rejeitadas por decisão da Justiça Eleitoral.

O projeto, que também deve ser aprovado pelo Senado, desfaz decisão do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que passou a exigir aprovação das contas de campanhas anteriores para a concessão de registros de candidaturas.

Marco Maia disse ao Poder Online que a aprovação  do texto por voto simbólico não foi feita para esconder o nome dos deputados que concordaram com o projeto, “pois ele teve o apoio de todos” os parlamentares e líderes.

Segundo o presidente da Câmara, o problema é que o TSE mudou a regra do jogo sem avisar aos candidatos. E que estes estavam acostumados, “por exemplo”, a não fazer a prestação de suas contas de campanha quando perdiam eleições.

Veja:

Autor: Tags: ,