Publicidade

terça-feira, 10 de julho de 2012 Estados | 09:29

Se Raul Filho for expulso do PT, esta não será a primeira vez

Compartilhe: Twitter

O prefeito de Palmas, Raul Filho (PT-TO), que presta depoimento nesta terça-feira na CPI do Cachoeira, está enfraquecido dentro da legenda.

Alguns integrantes do PT já falam em expulsá-lo do partido.

Caso essa posição seja levada adiante, não será a primeira vez que Raul Filho será forçado a deixar a legenda.

Em abril de 2011, a Executiva estatual do partido determinou a expulsão do prefeito e sua esposa, a deputada estadual Solange Dauilibe (PT), por infedilidade partidária.

Na ocasião, eles apoiaram o senador João Ribeiro (PR-TO) para chegar ao Senado. Na época, o PT estava fechado com a candidatura própria, de Paulo Mourão.

Em setembro do mesmo ano, a expulsão foi anulada pela Executiva Nacional do partido.

Autor: Tags: , , , ,