Publicidade

quarta-feira, 7 de novembro de 2012 Congresso, Governo | 06:30

Roberto Amaral: “PSB não é Viagra do PSDB”

Compartilhe: Twitter

Vice-presidente nacional do PSB, o ex-ministro Roberto Amaral não quer saber de vincular seu partido à oposição a Dilma Rousseff e rejeita qualquer aproximação com o PSDB.

“Eles (o PSDB)  passam por uma crise de impotência e querem nos usar como Viagra. Os tucanos e a grande mídia não devem contar conosco para quebrar a esquerda, não seremos joguete de ninguém”, dispara.

Amaral não poupa os tucanos. Diz que o partido se confunde “com a figura lamentável” de José Serra, candidato derrotado à Prefeitura de São Paulo. 

“Trata-se um político velho, reacionário, atrasado e provocador”, classifica.

Autor: Tags: , , ,