Publicidade

domingo, 2 de dezembro de 2012 Estados | 10:00

Em ano marcado por falhas da CPTM, secretaria usou somente 46% de sua verba orçamentária

Compartilhe: Twitter

Se a população de São Paulo sofreu com as falhas constantes nos trens da CPTM ao longo de 2012, não parece ter sido uma questão de falta de verbas.

O secretário estadual de Transportes Metropolitanos, Jurandir Fernandes, admitiu que sua pasta registrou uma execução orçamentária “baixa”.

De acordo com ele, somente 46% do orçamento de 2012 foram executados até o final de novembro, mas Fernandes justificou que uma verba da Prefeitura, segundo ele incluída equivocadamente na peça orçamentária, colaborou para o índice.

Jurandir disse que se não fosse isso, a execução alcançaria a casa dos 82%, o que ele próprio classificou como algo que “não é bom”.

Fernandes explicou os motivos para o uso limitado da verba alocada para a secretaria.

Assista:

Autor: Tags: ,

Nenhum comentário, seja o primeiro.

Os comentários do texto estão encerrados.