Publicidade

quarta-feira, 29 de maio de 2013 Política | 19:00

Ministério Público negocia acordo com Assembleia de SP para evitar fechamento de creche

Compartilhe: Twitter

O Ministério Público está negociando um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) com a Assembleia Legislativa de São Paulo para acertar a situação de quatro funcionários irregulares da creche da Casa e evitar o fechamento da escola.

A proposta é que os funcionários -que são comissionados embora haja aprovação em concurso, aguardando para serem chamados- sejam exonerados e realocados, posteriormente, em outros setores da Assembleia. O termo, que está sendo discutido com a mesa diretora e a procuradoria da Casa, deve ficar pronto em 15 dias.

Se mesmo após o acordo, a creche for fechada, a Promotoria da Infância e Juventude poderá ser acionada. O Ministério Público já sinalizou que é contrário à proposta de criação do auxilio-creche para funcionários que não residem em São Paulo.

Leia também: Para explicar auxílio de R$ 1,2 mil, Assembleia de SP diz gastar R$ 3,5 milhões com creche

Autor: Tags: , ,

Nenhum comentário, seja o primeiro.

Os comentários do texto estão encerrados.