Publicidade

terça-feira, 18 de junho de 2013 Política | 17:05

Governo paulista investirá na tese de que protestos são ‘questão nacional’

Compartilhe: Twitter

A governo paulista se empenha em repassar a série de protestos, iniciadas pelo aumento da tarifa do transporte público, para a esfera nacional. Na noite de ontem (17), um grupo de manifestantes tentou invadir o Palácio dos Bandeirantes, sede do governo paulista, e pediu a saída do governador Geraldo Alckmin (PSDB).

Manifestantes chutaram um dos portões de entrada, que acabou sendo derrubado. A polícia usou bombas de gás lacrimogêneo para evitar que as pessoas entrassem no prédio. A cúpula do governo estava no palácio no momento do protesto. A ordem, que será repetida hoje, é para a Tropa de Choque não agir.

Assista:

[kml_flashembed movie="http://www.youtube.com/v/sqtW4ouEpSw" width="640" height="480" allowfullscreen="true" fvars="fs=1" /]

Leia também: Manifestantes pedem saída de Alckmin em frente à sede do governo paulista

Autor: Tags: ,

Nenhum comentário, seja o primeiro.

Os comentários do texto estão encerrados.