Publicidade

quarta-feira, 17 de julho de 2013 Eleições | 10:00

Suplicy tenta garantir reeleição e intensifica agenda em São Paulo

Compartilhe: Twitter

Com a ameaça de perder a vaga de candidato ao Senado em 2014, Eduardo Suplicy (PT-SP) intensificou a participação em atividades em São Paulo após a série de protestos.

Nesta quarta-feira (17), o senador participa da reunião do Conselho da Cidade na Prefeitura de São Paulo, que vai indicar os membros do Conselho Municipal de Transportes e apresentar o Orçamento do Programa de Metas 2013/2016.

No domingo (14), Suplicy foi até Heliópolis visitar os desabrigados por um incêndio que atingiu a favela. E, há dez dias, o senador fez um tour por terminais de ônibus e estações de trem e metrô.

“Foi numa sexta-feira, no horário de pico, peguei um ônibus na Cidade Jardim e fui até o Capão Redondo, depois passei pelas estações de Pinheiros, da Luz, do Tatuapé. Para entrar no trem, eu e meus dois assessores, só conseguimos na quinta vez, mas felizmente a cada dois minutos passava um trem. Os funcionários e as pessoas quando me viram, me cumprimentaram e agradeceram por estar lá vendo os problemas”, afirmou o senador, que também se reuniu com membros do Movimento Passe Livre no mês passado.

Na semana que vem, o senador irá se encontrar com o pai e o irmão do funkeiro Daniel Pellegrine, de 20 anos, o MC Daleste, morto com um tiro durante um show em Campinas.

A definição do candidato do PT de São Paulo ao Senado sairá no segundo semestre, junto com a indicação do candidato ao governo do Estado. Enquanto isso, Suplicy disse que fica com as palavras do presidente do diretório estadual, Edinho Silva, e do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que garantiram que ele concorreria à reeleição.

 

Autor: Tags: , ,

Nenhum comentário, seja o primeiro.

Os comentários do texto estão encerrados.