Publicidade

quinta-feira, 25 de julho de 2013 Eleições | 06:00

Serra se aproxima do PV, que evita discutir corrida presidencial

Compartilhe: Twitter

O ex-governador José Serra vem buscando uma aproximação com o PV. O partido é tido por nomes próximos ao tucano como um potencial aliado nas eleições do ano que vem, caso ele opte de fato por sair do PSDB.  Embora até o círculo mais próximo a Serra ainda seja cético em relação à possível mudança de partido, o tucano tem dito que está apenas “conversando”, a fim de definir seu destino político.

Leia também: José Serra flerta com PSD de Gilberto Kassab

O presidente do PV, José Luiz Penna, almoçou com Serra recenetemente

O presidente do PV, José Luiz Penna, almoçou com Serra recenetemente

A aproximação com o PV reside no fato de o partido ter boa relação com o PSD do ex-prefeito de São Paulo Gilberto Kassab. Desde que começaram a minguar as negociações para uma fusão entre PPS e PMN, o tucano passou a flertar com o PSD de Kassab e deixa correr nos bastidores a tese de que estaria estudando migrar para a legenda.

Serra e o presidente nacional do PV, José Luiz Penna, almoçaram juntos na semana passada. Na conversa, falaram sobre a cena política em geral e as perspectivas para a eleição. Serra comentou os recentes protestos que atingiram o país e disse acreditar que o quadro eleitoral ainda vai se alterar bastante em decorrência desses movimentos.

Penna, por sua vez, não escondeu o interesse em conversar sobre uma aliança em São Paulo, maior colégio eleitoral do país. Mas, ao menos por enquanto, evitou colocar qualquer tipo de posicionamento sobre uma eventual candidatura de Serra à Presidência da República. O PV, até segunda ordem, trabalha com a ideia de ter candidato próprio. Mas o único nome cogitado é o ex-deputado Fernando Gabeira (RJ), que até agora não fez nenhum movimento nesse sentido.

Autor: Tags: , , ,