Publicidade

quinta-feira, 1 de agosto de 2013 Congresso | 06:00

‘O ideal é manter minirreforma eleitoral como está’, diz Vaccarezza

Compartilhe: Twitter

Articulador da proposta da minirreforma eleitoral, que pode ser votada ainda na segunda semana de agosto, o deputado Cândido Vaccarezza (PT-SP) diz que vai fazer o possível para manter o projeto exatamente como está. O texto, que segundo o deputado é “altamente democratizante”, considera várias mudanças polêmicas nas normas, entre elas as que regem o registro de candidaturas, a prestação de contas, a rejeição de contas de campanha e a propaganda de campanha na internet.

Segundo Vaccarezza, alterar demais o texto neste momento pode colocar em risco sua aprovação a tempo de valerem para a corrida de 2014. O deputado diz que, por enquanto, ainda é tempo de negociar o teor do projeto e afirma estar aberto a conversas. Mas avisa que não quer saber de “colocar coisa demais” na proposta.

Diferentemente da reforma política, cujo debate se debruça sobre mudanças mais profundas no sistema político-eleitoral, a minirreforma eleitoral se debruça sobre alguns pontos específicos da legislação eleitoral.  Vaccarezza está à frente dos dois grupos de trabalho. No da reforma política, ele protagonizou o embate com o PT, que contestou sua indicação para o posto, feita pelo presidente da Câmara, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN). 

 

Autor: Tags: , , ,