Publicidade

terça-feira, 10 de setembro de 2013 Cidades | 18:28

Prefeitura de SP vai criar grupo para discutir fiscalização de obras

Compartilhe: Twitter

O prefeito de São Paulo, Fernando Haddad (PT), vai criar um grupo para discutir propostas de melhorias para fiscalização de obras. Esse grupo também irá participar de reuniões com o titular da Superintendência Regional do Trabalho e Emprego de São Paulo, Luiz Antônio de Medeiros, para traçar estratégias de fiscalização.

Representantes de sindicatos de trabalhadores em construção civil se reuniram nesta quarta-feira (10) com o prefeito para apresentar três projetos, surgidos após o  desabamento de um prédio em construção na zona leste de São Paulo que matou dez pessoas e deixou 26 feridos.

O deputado Antonio de Sousa Ramalho (PSDB-SP), que é presidente do Sintracon-SP (Sindicato dos Trabalhadores da Construção Civil de São Paulo), sugeriu que fosse criado via decreto os Vigilantes da Vida, uma equipe formada por fiscais, sindicatos, representantes da prefeitura e da sociedade que tenha um canal específico -como um site- para denunciar e fiscalizar obras.

Além disso, o o grupo vai analisar outras duas propostas: contratação de estagiários da área para auxiliar os interessados em pedidos de alvará e demais documentações e projetos e a desapropriação do terreno onde desabou o prédio para a criação de um memorial dos trabalhadores em construção civil. Também participaram da reunião o secretário-geral da Força Sindical, João Carlos Gonçalves, o Juruna, e representantes do Sinduscon (Sindicato da Indústria da Construção Civil).

Leia também: Obra havia ameaçado cair nas últimas semanas, diz operário ferido em São Paulo

Autor: Tags: , , , , ,

Nenhum comentário, seja o primeiro.

Os comentários do texto estão encerrados.