Publicidade

quarta-feira, 25 de setembro de 2013 Congresso | 15:27

Paim promete retirar proposta sobre voto aberto para agilizar tramitação

Compartilhe: Twitter

O senador Paulo Paim (PT-RS) irá retirar sua PEC sobre voto aberto no Congresso da pauta quando ela entrar em votação no Senado na semana que vem. A medida visa agilizar o trâmite de uma proposta semelhante, que já foi aprovada na Câmara e está pronta para votação final.

A PEC 20-2013 de Paim está sendo usada por senadores como argumento para não votar a 43-2013, de autoria das mesas da Câmara e do Senado, que tem o mesmo texto da proposta do petista, já passou pela Câmara e está pronta para entrar na pauta do dia, o que deve ocorrer na semana que vem. A PEC 20 foi aprovada em comissão da Câmara, mas precisa passar pelo Senado e ainda retornará à Câmara.

“Na hora que iniciar a votação, se quiserem colocar a minha na frente da outra que já está pronta para ser aprovada, eu retiro a minha, porque não faz sentido. O que importa pra mim é a causa não quem trouxe a coisa. Defendo o fim do voto secreto em todas as situações do Congresso Nacional há 27 anos. Já perdi como deputado, já perdi como senador, agora, se tem uma PEC pronta, igual, não faz sentido atrasar isso ainda mais”, afirmou Paim.

A decisão foi tomada após conversa com o diretora da Avaaz, Michael Mohallem. A instituição promove há mais de um ano uma campanha para mobilizar assinaturas pelo fim do voto secreto e acompanha de perto o trâmite das propostas sobre o assunto no Congresso.  Cerca de 700 mil pessoas já assinaram a petição pedindo o fim do voto secreto.

Autor: Tags: , , , ,

Nenhum comentário, seja o primeiro.

Os comentários do texto estão encerrados.