Publicidade

quarta-feira, 18 de dezembro de 2013 Congresso | 09:00

Na virada para o ano eleitoral, políticos capricham na dieta

Compartilhe: Twitter

A poucas semanas da entrada do ano eleitoral, o que não falta em Brasília é político fazendo dieta. Entre os parlamentares, as receitas vão desde restrições na alimentação e exercícios, até o uso de remédios que ajudam a promover a perda de peso.

Vaccarezza: meta é perder 25 kgs (Foto: José Cruz/ABr)

Vaccarezza: meta é perder 25 kgs (Foto: José Cruz/ABr)

Quem encontrou Cândido Vaccarezza (PT-SP) no Congresso nos últimos dias percebeu que o petista enxugou alguns bons quilos. Foram 13 kgs até agora, segundo o próprio, mas a meta é eliminar pelo menos 25 kgs. O segredo de Vaccarezza é uma injeção administrada originalmente para quem tem diabetes e que passou a ter aplicação também para promoção de emagrecimento.

Outro que perdeu peso foi Anthony Garotinho (PR-RJ). Ele conta que, recentemente, foi abordado pelo assessor especial da Presidência, Marco Aurélio Garcia, que, diz ele, o questionou sobre o “milagre” da transformação. “Não tem milagre. É uma hora de esteira por dia.”

Um dos que ganhou fama entre os colegas foi Arlindo Chinaglia (PT-SP). Segundo os relatos feitos por ele próprio, foram R$ 16 kgs até agora.

Autor: Tags: , ,

Nenhum comentário, seja o primeiro.

Os comentários do texto estão encerrados.