Publicidade

sexta-feira, 7 de fevereiro de 2014 Eleições | 08:00

No PMDB do Paraná, brigas dificultam até reuniões do diretório

Compartilhe: Twitter
Osmar Serraglio (divulgação)

Osmar Serraglio (divulgação)

O deputado Osmar Serraglio, presidente do diretório paranaense do PMDB, desistiu de promover reuniões formais do partido no estado com o objetivo de buscar uma solução para o impasse local acerca da candidatura local.

O partido está longe de uma definição enquanto quatro correntes tentam prevalecer: os apoiadores da candidatura de Roberto Requião, os que preferem lançar Orlando Pessuti, o grupo que defende o apoio ao governador Beto Richa (PSDB) e os que flertam com uma aliança com o PT de Gleisi Hoffmann.

Serraglio trocou as reuniões oficiais por uma abordagem mais informal. O giro pelo estado será feito, mas o presidente pretende ter conversas isoladas e até diálogos telefônicos em busca do consenso.

“Se eu convocar uma reunião pública do PMDB, vai ter briga. Por que vou provocar isso agora? São embates com consequências. Para quê eu vou proporcionar palco de rinha no qual alguém possa sair magoado?”, diz o deputado, dando uma dimensão do impasse local.

Autor: Tags: , , , , , , ,