Publicidade

sexta-feira, 11 de abril de 2014 Eleições | 06:00

PSB culpa Rede por indefinições na campanha de Eduardo Campos

Compartilhe: Twitter
(Foto: Marcello Casal/Agência Brasil)

(Foto: Marcello Casal/Agência Brasil)

A relação entre o PSB do ex-governador de Pernambuco Eduardo Campos e a Rede da ex-senadora Marina Silva ficou mais tensa nas últimas semanas. Socialistas jogam no colo dos aliados de Marina as indefinições que até agora pairam sobre a campanha presidencial socialista.

Reclamam, por exemplo, do fato de, até agora, a equipe de coordenação da campanha não estar montada. De acordo com um socialista próximo a Campos, nem mesmo a área jurídica da equipe, que já deveria estar monitorando a movimentação do ex-governador, foi resolvida. De acordo com o aliado, o resultado é “um Ayrton Senna pilotando um fusca”.

A expectativa, diz ele, é que as definições comecem a sair depois do anúncio da candidatura de Marina a vice na chapa presidencial encabeçada por Campos. O ato está marcado para a próxima segunda-feira, em Brasília.

Autor: Tags: , ,

Nenhum comentário, seja o primeiro.

Os comentários do texto estão encerrados.