Publicidade

quinta-feira, 31 de julho de 2014 Eleições | 17:16

Campanha de Dilma aciona Paulinho e Aécio por adesivos com referência a Collor

Compartilhe: Twitter
Adesivo contra Dilma, produzido por Paulinho da Força (SDD-SP).

Adesivo contra Dilma, produzido por Paulinho da Força (SDD-SP).

A campanha da presidente Dilma Rousseff entrou com uma representação na Justiça Eleitoral contra o deputado Paulo Pereira da Silva, o Paulinho da Força Sindical (SDD-SP), e contra o tucano Aécio Neves, por conta dos 20 mil adesivos impressos pelo sindicalista, com a inscrição “Fora Dillma – Chega de corrupção”.

Os adesivos usaram os dois “ll” que foram marca do ex-presidente Fernando Collor. O material foi encomendado por Paulinho, que é aliado ao senador tucano na corrida presidencial.

Na representação, a campanha petista alega que os adesivos configuram propaganda eleitoral de conteúdo injurioso e negativo. A equipe de Dilma aponta ainda que os adesivos são apócrifos, portanto, não trazem o número do CNPJ e a tiragem, como manda a lei eleitoral.

 

Autor: Tags: , , ,