Publicidade

sexta-feira, 1 de agosto de 2014 Eleições | 07:30

Candidato do PSB em Pernambuco amarga abandono de aliados

Compartilhe: Twitter
Candidato do PSB ao governo de Pernambuco Paulo Câmara. Foto: Divulgação

Candidato do PSB ao governo de Pernambuco Paulo Câmara. Foto: Divulgação

O candidato à sucessão de Eduardo Campos ao governo de Pernambuco, Paulo Câmara (PSB), está sofrendo com a debandada de aliados da coligação e do próprio partido para o palanque do senador Armando Monteiro (PTB), candidato da oposição.

Leia também: Candidato do PSB em Pernambuco ensina receita para um abdome ‘tanquinho’

A ruptura mais emblemática é a do ex-presidente do PROS em Pernambuco e deputado federal, José Augusto Maia, que denunciou recentemente o próprio partido por tentar comprar seu apoio ao PSB. Além do PROS, Monteiro também reúne aliados tucanos – oficialmente no palanque de Câmara -, como o ex-prefeito tucano Sebastião Mendes, da cidade de João Alfredo, na região do Agreste.

Ja no PSB, o principal cabo eleitoral de Monteiro é a vereadora e prima de Campos, Marília Arraes (PSB), que tem participado ativamente da campanha. Aliás, se depender do senador, Marília estará inclusive dos programas televisivos.

Além dela, Monteiro ainda conta com outros aliados socialistas de peso, como o do deputado estadual Raimundo Pimentel (PSB), forte na região do Sertão, e do prefeito do Cabo de Santo Agostinho, Vado da Farmácia, que anunciou sua desfiliação do PSB em julho deste ano para se juntar à campanha.

Autor: Tags: , , , , , , , ,