Publicidade

quarta-feira, 31 de dezembro de 2014 Governo | 09:00

‘É pra fechar contas, não para o trabalhador’, diz dirigente da CUT sobre mudança previdenciária

Compartilhe: Twitter
A diretora executiva da CUT Jandyra Uehara (Foto: Divulgação / Adonis Guerra)

A diretora executiva da CUT Jandyra Uehara (Foto: Divulgação / Adonis Guerra)

Dirigentes das principais centrais sindicais se reunirão na primeira semana de janeiro, para debater o conjunto de mudanças previdenciárias apresentadas pelo governo federal nesta semana.

Leia mais: Governo espera cortar R$ 18 bi com alteração de regras trabalhistas

“É um ajuste para fechar contas, não para os trabalhadores”, criticou a diretora-executiva da Central Única dos Trabalhadores Jandyra Uehara Alves. “Qualquer medida que venha isoladamente, sem contemplar pautas históricas como o fim do fator previdenciário ou as causas que levam à necessidade do seguro-desemprego e do auxílio-doença, por exemplo, são restritivas e, sem dúvida nenhuma, causam prejuízo”, disse.

A diretora da CUT criticou também a falta de diálogo com as centrais sindicais antes do anúncio das medidas. “Continua sendo um governo de coalizão, mas nós vamos ter de cobrar o governo sobre esse compromisso de diálogo, se não a corda sempre arrebenta pro lado mais fraco. Essas mudanças não contemplam em nada a pauta dos trabalhadores”, criticou Jandyra.

Autor: Tags: , , , , , , ,