Publicidade

terça-feira, 28 de abril de 2015 Congresso | 07:00

‘É factoide’, diz petista sobre tentativa do PSDB de expulsar cubanos do Mais Médicos

Compartilhe: Twitter

O deputado federal e idealizador do programa Mais Médicos Odorico Monteiro (PT-CE) reagiu diante da tentativa dos senadores tucanos Cássio Cunha Lima (PB) e Aloysio Nunes (SP) de cancelarem o convênio que permitiu a vinda de cerca de 11,4 mil médicos cubanos para trabalharem no Brasil, por meio do programa do governo federal.

“O programa Mais Médicos hoje é uma realidade, 90% da população brasileira aprovam esses médicos. Os médicos brasileiros que estavam resistindo hoje já percebem que há a perfeita integração entre os médicos cubanos e os médicos brasileiros”, afirmou Monteiro. “Não tem praticamente uma queixa nos conselhos regionais de medicina sobre qualquer tipo de prática desses médicos. Então, isso se trata de uma perseguição política, de criar um factoide político aqui no Congresso, pra fazer oposição”, completou.

Caso aprovado, o projeto de decreto legislativo 33/2015 invalidará o termo de cooperação firmado entre o governo brasileiro e a Organização Pan-Americana da Saúde (Opas), levando à expulsão dos médicos cubanos do programa. O projeto está em tramitação na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania do Senado.

Assista:

Autor: Tags: , , , , ,