Publicidade

terça-feira, 3 de novembro de 2015 Congresso | 18:23

PRB tenta convencer Pinato a não aceitar relatoria de processo de Cunha

Compartilhe: Twitter

Tão logo o nome do deputado Fausto Pinato (PRB-SP) foi sorteado entre os três possíveis relatores do processo contra o presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), o presidente do PRB, Marcos Pereira, pegou um voo de São Paulo para Brasília.

No PRB, legenda ligada à Igreja Universal e base de Cunha, a avaliação é de que Pinato deveria se abster de aceitar a relatoria, caso seja o nome escolhido pelo presidente do Conselho de Ética, deputado José Carlos Araújo (PSD-BA).

Pinato, no entanto, já avisou ao partido que, se for o nome escolhido, aceitará a tarefa e sinalizou que é a favor a admissibilidade da investigação contra Cunha. O nome deverá ser anunciado pelo presidente do Conselho ainda nesta semana.

Após a definição do relator, o Conselho abre 10 dias de prazo para que se apresente um relatório sobre a admissibilidade da representação que foi apresentada pelo PSOL, pela Rede e e assinada por deputados de outros partidos.

O parecer terá que ser votado pelo Conselho de Ética e se for admitido, dá-se inicio ao processo, abrindo prazo de defesa prévia e apresentação de testemunhas, tanto da defesa, quanto da acusação. Ao todo, o Conselho de Ética tem 90 dias para julgar o caso.

 

Autor: Tags: , , ,

Nenhum comentário, seja o primeiro.

Os comentários do texto estão encerrados.