Publicidade

sexta-feira, 11 de dezembro de 2015 Política | 14:43

“Conversamos sobre o Brasil e a Democracia”, diz Ciro Gomes, sobre jantar com Dilma

Compartilhe: Twitter
Ciro Gomes

Ciro Gomes

O ex-ministro Ciro, que ingressou recentemente no PDT e deve ser o candidato da legenda à Presidência da República, disse que a conversa com a presidente Dilma Rousseff durante o jantar de quinta-feira (10) a noite no Alvorada girou em torno do “Brasil e da Democracia”. “Conversamos sobre o Brasil, a conjuntura política, a defesa da Democracia e a Transnordestina”, disse Ciro.

O encontro entre os dois foi incentivado pelo governador do Rio de Janeiro, Luiz Fernando Pezão, que tem sido um dos maiores aliados de Dilma dentro do PMDB e, apesar os ataques frontais feitos pelo ex-ministro ao vice-presidente Michel Temer, identificou nas falas de Ciro um potencial grande de ajuda à presidente. Pezão também participou do jantar.

Ciro, recentemente, disse que não há hipótese de participar de um governo do qual Temer faça parte. Ele taxou o vice de “capitão do golpe” contra a presidente.

Já em relação ao ex-ministro da Secretaria de Aviação Civil (SAC) Eliseu Padilha, aliado de Temer, que deixou o governo na semana passada também se dizendo desprestigiado pela presidente, Ciro lembrou, em entrevista à Rádio Gaúcha, o apelido que ele tinha durante o governo de Fernando Henrique Cardoso. “Ele era chamando de Eliseu Quadrilha”, provocou.

 

 

Autor: Tags: , , ,