Publicidade

Arquivo do Autor

quarta-feira, 25 de julho de 2012 Cidades | 12:48

Em maré ruim, Eike Batista não dá sorte nem para UPP

Compartilhe: Twitter

O empresário bilionário Eike Batista não anda mesmo com sorte.

Depois de perder bilhões na bolsa de valores recentemente, com a desvalorização de ações de suas empresas, e de ver o filho responder a processo por atropelar e matar um ciclista, parece que nada dá certo para ele.

Nem quando quer ajudar.

A UPP da Nova Brasília, atacada a tiros por criminosos no Complexo do Alemão, foi uma de duas sedes construídas com doação de R$ 2,8 milhões feita pelo empresário.

No atentado, morreu Fabiana Aparecida de Souza, 30 anos, primeiro PM a perder a vida em UPPs.

Autor: Tags: , , , ,

sexta-feira, 22 de junho de 2012 Diplomacia | 13:44

Hillary Clinton e a intimidade

Compartilhe: Twitter

Na Rio+20, a secretária de Estado dos EUA, Hillary Clinton demonstrou gostar de chamar seus contatos pelo primeiro nome e apelidos – muito além de, evidentemente, chamar de Bill o marido, William Jefferson Clinton.

Em seu discurso na plenária de chefes de Estado e governo da Rio+20, Hillary chamou apenas de Ban o secretário-geral da ONU, Ban Ki-Moon, e de Sha o secretário-geral da Rio+20, Sha Zukang.

Mais tarde, referiu-se ao embaixador dos EUA no Brasil, Thomas Shannon, como Tom.

Ao citar a presidenta Dilma, porém, optou pelo sobrenome, e a chamou de “presidente Rousseff”.

Autor: Tags: ,

quarta-feira, 20 de junho de 2012 Eleições | 19:33

Marta se recusa a falar sobre “política paulistana”

Compartilhe: Twitter

Presente no penário da Rio+20, a senadora Marta Suplicy (PT-SP) recusou-se na tarde desta quarta-feira a fazer comentários sobre a aliança entre o candidato petista à prefeitura de São Paulo, Fernando Haddad, e a consequente saída da chapa da pré-candidata a vice, Luiza Erundina.

— Sobre política paulistana não falo — proclamou ante o assédio de jornalistas.

Autor: Tags: , , ,

Brasil | 15:44

Ninguém entendeu nada do que Tadjiquistão disse

Compartilhe: Twitter

Após o início formal dos trabalhos da Rio+20, com o secretário-geral da ONU, Ban Ki-Moon, abrindo os trabalhos e a presidenta Dilma Rousseff assumindo a presidência da conferência, houve rebuliço e muita gente se levantou e saiu da sala quando o presidente do Tadjiquistão, Emomali Ramon, começou a falar.

O burburinho das delegações não foi causada por indignação ou nada polêmico que Ramon tenha dito, mas simplesmente porque, falando no idioma natal e sem tradução simultânea, simplesmente ninguém entendia nada do que ele dizia.

No finalzinho do pronunciamento, chegou uma tradução, o que lhe permitiu uns poucos aplausos ao concluir o discurso.

Autor: Tags: , ,

Brasil | 13:28

“Brasil distribuiu açúcar e sofrimento” a todos, na condução da Rio+20

Compartilhe: Twitter

Um diplomata estrangeiro comentou com colegas do Itamaraty que “o Brasil soube distribuir açúcar e sofrimento” a todos, na condução das negociações.

Apesar de os Estados Unidos terem conseguido fazer prevalecer suas posições na maioria das questões polêmicas, na opinião brasileira, não houve vencedores.

Para a diplomacia brasileira, todos os lados saíram vencedores porque houve coisas boas para todos.

Autor: Tags: ,

Brasil | 12:41

Em tempos de Rio +20, índios usam metrô para chegar à Cúpula dos Povos

Compartilhe: Twitter

Durante a Rio+20, os cariocas que pegam metrô de manhã para trabalhar têm encontrado muitos índios a caráter nos trens.

Muitos deles, inclusive, portam arco e flecha.

Alojados pela prefeitura do Rio no Sambódromo, eles entram na estação praça XI e descem na Glória, ponto  mais próxima da Cúpula dos Povos, montada no Aterro do Flamengo.

Autor: Tags: , ,

Brasil | 12:25

Documento da Rio+20 não será modificado por chefes de Estado

Compartilhe: Twitter

Um importante integrante da delegação brasileiro afirmou que o documento da Rio+20, acordado após seis dias de tensas negociações “não vai ser modificado” pelos chefes de Estado.

As discussões em alto nível não pretendem fazer alterações no trabalho dos diplomatas.

O texto está acordado e nem os diplomatas querem mais falar em modificá-lo.

Autor: Tags: ,

segunda-feira, 18 de junho de 2012 Brasil | 15:05

A insustentável filosofia de banheiro da Rio+20

Compartilhe: Twitter

Algum ativista resolveu divulgar uma mensagem pedindo o “fim dos subsídios aos combustíveis fósseis”.

Mas onde e como ele fez o protesto?

Rabiscou à caneta, em inglês, na parede do banheiro do pavilhão 3 do Riocentro. Onde se realiza a Rio+20.

Definitivamente não parece uma defesa politicamente correta da sustentabilidade do planeta.

Veja a foto:

Autor: Tags: ,

Governo | 13:29

Ministro “plebeu”, Patriota entra na fila por yakisoba de R$18 em tigela de papel na Rio+20

Compartilhe: Twitter

Diplomata de modos aristocráticos, o ministro de Relações Exteriores, Antonio Patriota, está demonstrando não se incomodar em viver dias de “plebeu”, na Rio+20.

Na sexta, ele entrou na fila para comprar por R$ 18 um yakisoba (foto ao lado) e precisou até se acotovelar um pouco na fila de um dos estandes mais cheios do evento.

Depois, tranquilamente, pegou a cumbuca de papel cheia de yakisoba e comeu em uma das acanhadas mesas da praça de alimentação, acompanhado de uma jovem assessora.

No outro dia, não resistiu e almoçou no Victoria (prato a R$75).

Autor: Tags: ,

quarta-feira, 4 de abril de 2012 Congresso | 17:28

Stepan Nercessian em momento difícil

Compartilhe: Twitter

Poucos dias depois de ver revelado o recebimento de R$ 179 mil do contraventor Carlinhos Cachoeira, o deputado federal Stepan Nercessian (PPS-RJ) atravessa um momento difícil também na esfera pessoal.

Nesta quarta-feira (4/4), ele passou parte do dia no velório e cremação do corpo de sua irmã, no Rio.

O deputado disse que estava abalado e não quis falar sobre o caso Cachoeira.

Autor: Tags: ,

  1. Primeira
  2. 1
  3. 2
  4. Última