Publicidade

Arquivo da Categoria Estados

quarta-feira, 11 de abril de 2012 Estados | 17:01

Dilma atende demanda e prefeitos

Compartilhe: Twitter

A presidenta Dilma Rousseff atende na manhã desta quinta-feira uma demanda feita por milhares de prefeitos.

Ela vai anunciar a ampliação do programa “Minha Casa Minha Vida” para prefeituras com até 50 mil habitantes.

São esperados dois mil prefeitos no encontro, que acontece em Brasília.

Autor: Tags: , ,

Estados | 12:15

Santinhos da campanha de 2010 com Demóstenes Torres causam desconforto em Goiás

Compartilhe: Twitter

Nos bastidores da política goiana, os santinhos da campanha de 2010 hoje são armas contra determinados caciques do DEM e PSDB no Estado.

O governador Marconi Perillo que o diga (PSDB). Em 2010, ele dividiu palanques e santinhos com o senador Demóstenes Torres (sem partido).

O candidato a deputado federal, “Pedro do Jumento”, que o diga. Ele não se elegeu, mas admitiu:

— Ainda bem. Porque provavelmente me ligariam com o Demóstenes ou o Cachoeira – declarou.

Autor: Tags: , , , ,

terça-feira, 10 de abril de 2012 Estados | 07:33

Violência e Operação Tartaruga derrubam comandante da PM de Brasília

Compartilhe: Twitter

Uma nova vítima se soma aos mais de 100 assassinatos ocorridos em Brasília desde que a Polícia Militar começou a Operação Tartaruga, em meados de fevereiro.

Desta vez o atingido pelo movimento dos policiais foi o comandante da PM, coronel Sebastião Gouveia.

Não perdeu a vida, nem nada assim. Perdeu o cargo. Foi substituído ontem pelo secretário-adjunto de Segurança, coronel Suamy Santana.

Enquanto isso, no Congresso, o senador  Rodrigo Rollemberg (PSB-DF) subiu à tribuna para acusar também o governador Agnelo Queiroz (PT) de omissão em relação à crise:

— A viol~encia toma conta da capital da República e o governador o que faz? Viaja para o exterior.

Autor: Tags: , , , , , , ,

segunda-feira, 9 de abril de 2012 Estados | 06:01

PMs de Brasília comemoram aumento da violência com Operação Tartaruga na capital do país

Compartilhe: Twitter

A figura acima reproduz nota do site Caserna Papa Mike, elaborado para defender reivindicações dos policiais militares de Brasília:

“Demorou, mas efeitos da Operação Padrão chegam ao Plano Piloto”.

À direita, embaixo da manchete, um leitor que se identifica como Oscar Luiz afirma: “A Operação Tartaruga está surtindo efeito, senhores. Não desanimemos, Tartaruga neles!”

O piso salarial dos policiais militares de Brasília é de R$ 4,2 mil, o maior do Brasil.

Apesar disso, a categoria está em Estado de Greve por maiores salários desde o dia 16 de fevereiro, quando foi iniciada uma Operação Tartaruga.

Resultado: em março ocorreram 88 homicídios na capital do país, uma média de quase três assasinatos por dia, 50% acima da média do ano passado.

Na noite de sexta-feira, um analista de informática do Banco Central foi atingido por bala perdida no Plano Piloto, e a PM só chegou uma hora depois. O rapaz chegou a ser reanimado, mas morreu no hospital.

Neste feriado da Semana Santa, entre quinta-feira e sexta-feira, ocorreram pelo menos seis sequestros relâmpagos na cidade.

O final de semana anterior registrou um recorde: 14 homicídios.

O site “Caserna Papa Mike” argumenta:

LINK DO DFTV ONDE A OPERAÇÃO PADRÃO É DEBATIDA PELO COMENTARISTA DE SEGURANÇA DA GLOBO: http://migre.me/8xXgF

NENHUM POLICIAL QUER QUE A BANDIDAGEM TOME CONTA DO DF, O QUE QUEREMOS É RESPEITO POR PARTE DO GOVERNO DO DF QUE SOLENEMENTE NOS IGNORA.

Discrepância entre as categorias

Valor do risco de morte:

Polícia Civil – R$ 2.000,00

Detran/DF – R$ 2.000,00

PM e Bombeiros – R$ 550,00

Salário após 15 anos de Carreira:

Polícia Civil – R$ 12.000,00

Detran/DF – R$ 10.708,87

PM e Bombeiros – R$ 4.100,00

Autor: Tags: , , ,

domingo, 8 de abril de 2012 Estados | 06:01

Enchentes em Teresópolis: Lindbergh Farias defende “intervenção branca” dos governos federal e estadual na Região Serrana do Rio

Compartilhe: Twitter

Senador pelo PT do Rio Janeiro, Lindbergh Farias já está em plena campanha para se candidatar a governador do Estado, em 2014.

Em entrevista ao Poder Online, Lindbergh se disse abalado com a tragédia provocada pelas enchentes na Região Serrana do Rio, especialmente em Teresópolis.

E abalado também com a crise política nas cidades serranas do Estado. Em Teresópolis, por exemplo, sumiu parte das verbas destinadas a desabrigados e à reconstrução da cidade por causa das chuvas do ano passado. O prefeito foi cassado. E o primeiro colocado nas pesquisas também já foi preso.

Daí Lindbergh Farias propor “uma espécie de intervenção branca” dos governos federal e estadual em algumas cidades da Região Serrana do Rio, a fim de tocar a reconstrução física e da economia local.

Lindbergh também admite que a imagem dos políticos não anda boa e que a firmeza da presidenta Dilma Rousseff no trato com a base governista é motivo do aumento de popularidade da presidenta.

No entanto, no caso das denúncias contra o senador Demóstenes Torres, o petista Lindbergh não defende a abertura de  uma Comissão Parlamentar de Inquérito. Ele acha que basta a Comissão de Ética do Senado.

Poder Online – Novamente temos enchentes, deslizamentos  e mortes em Teresópolis e ainda não se sabe o que foi feito com o dinheiro  enviado para a reconstrução da cidade devido  às chuvas do ano passado.

Lindbergh Farias – Realmente é uma situação triste. As chuvas agora atingiram outra área da cidade, perto da região central. Além das mortes, há um prejuízo talvez maior para a economia da cidade. E ainda não se havia curado as feridas das últimas enchentes. O quadro político também não ajuda. O ex-prefeito  Jorge Mário  foi cassado em meio às suspeitas de desaparecimento das verbas contra enchentes. O primeiro colocado nas pesquisas eleitorais para a Prefeitura  era o Mário Tricano, um conhecido bicheiro da região, que também já foi preso.

Poder Online – Se o senhor fosse governador, o que faria?

Lindbergh Farias – O governo do Estado já está atuando. Mas acho que, na Região Serrana, é o caso de uma espécie de intervenção branca. O governo federal e o governo estadual  têm que tomar a frente da situação. Assumir completamente a administração da reconstrução da cidade, do ponto de vista físico e econômico.

Poder Online – Como assim?

Lindbergh Farias – Promoverem-se coisas como, por exemplo, o BNDES fazer um programa de ajuda ao empresariado local, que foi  fortemente atingido.  E, sobretudo, o programa Minha Casa, Minha Vida, do governo federal,  entrar pesado. É preciso que os governos federal e estadual façam uma revolução habitacional em Teresópolis e nas cidades vizinhas, acabando de vez com  residências em áreas de risco, barracos. Podem-se promover  projetos  com aporte de dinheiro federal e estadual sem passar pelas mãos dos administradores locais. Uma intervenção branca em defesa da população,

Poder Online – Esse Tricano é do PP. Mas o Jorge Mário era do seu partido, o PT.

Lindbergh Farias – Foi expulso do partido antes mesmo das denúncias de desvio de verbas das enchentes. Mas o problema ali não é só em Teresópolis, não. Várias Prefeituras da Região Serrana estão com problemas políticos semelhantes.

Poder Online – Pois é. Os políticos não andam com boa fama. Tem também o caso do senador goiano Demóstenes Torres (ex-DEM), ligado ao bicheiro Carlinhos Cachoeira. A Câmara até está tentando abrir uma CPI, mas o Senado não parece muito interessado…

Lindbergh Farias – Não se trata de a Câmara querer e o Senado estar contra. É que o Senado já deve abrir processo contra ele no Conselho de Ética. E o Conselho requisitará os documentos da investigação que já está em curso na Procuradoria-Geral da República.

Poder Online – Mas o senhor é contra ou a favor da CPI?

Lindbergh Farias – Sinceramente, não acho que uma CPI, agora, seria mais rápida e efetiva do que a Comissão de Ética.

Poder Online – O fato é que, enquanto a imagem dos políticos não anda boa, a popularidade da presidenta Dilma Rousseff não para de crescer.

Lindbergh Farias – É verdade, nessa última pesquisa, então, ela bateu recorde de popularidade. As pessoas estão encantadas com a firmeza da presidenta. Inclusive neste episódio em que uma boa parte da base governista derrotou a indicação do Palácio do Planalto para presidente da ANTT (Agência Nacional de Transportes Terrestres). Pensaram que tinham emparedado a Dilma, mas ela reagiu com firmeza, mudando alguns de seus líderes no Congresso. E a população gostou.

Autor: Tags: , , , , , , , ,

quarta-feira, 4 de abril de 2012 Estados | 17:32

Rio revitaliza área próxima ao Centro e à zona portuária

Compartilhe: Twitter

Está previsto para o próximo dia 17 o lançamento do Plano Estratégico 2013-2016 da cidade do Rio de Janeiro.

O documento deverá apresentar os novos projetos da prefeitura carioca, como a proposta de revitalização da Cidade Nova.

A despeito da escassa oferta de serviços, a região tem recebido inúmeras sedes de empresas por conta da saturação do centro da cidade, do qual é vizinha.

O projeto de revitalização da Cidade Nova será feito por meio de uma operação consorciada, nos moldes do projeto Porto Maravilha.

A ideia é integrar a área ao Porto e ao centro da cidade, regiões que já estão em processo de renovação. O orçamento previsto para a iniciativa é de R$ 246 milhões.

Autor: Tags: , , ,

terça-feira, 3 de abril de 2012 Estados | 11:01

Em Brasília, Agnelo Queiroz reformula o governo

Compartilhe: Twitter

Depois de nomear um novo chefe da Casa Civil, Swedenberger Barbosa, como homem forte de seu governo, Agnelo Queiroz deu posse ontem ao novo secretário de Planejamento do Distrito Federal, Luiz Paulo Barreto.

Brasília não tem eleições municipais, portnato não houve necessidade de desincompatibilizações. Mas Agnelo já trocou 13 secretários.

Autor: Tags: ,

segunda-feira, 2 de abril de 2012 Estados | 12:01

Em Alagoas, PM protesta até contra Código de Ética

Compartilhe: Twitter

Sindicatos de policiais militares de Alagoas estão convocando seus filiados para um apitaço amanhã em Maceió, em protesto contra o projeto de novo Código de Ética enviado pelo governo à Assembleia.

Isso mesmo:  protesto contra o Código de  Ética.

O texto, entre outras coisas, proíbe trabalhos extras de PMs, ou seja, os chamados “bicos por fora”, que graçam solto nas Alagoas.

Autor: Tags: , , , ,

segunda-feira, 26 de março de 2012 Estados | 08:01

O novo homem forte do governo de Brasília

Compartilhe: Twitter

Swedenberger Barbosa (Foto José Cruz/Abr)

Hoje às 10h, no Palacio Buriti, acontece a primeira reunião do ano do secretariado do Governo do Distrito Federal.

É tambem a primeira reuniãoo com a participação dos novos secretarios do Gabinete Civil, Swedenberger Barbosa, e do Planejamento, Paulo Barreto.

Swedenberger, conhecido como Berg, chegou a ser sub-chefe da Casa Civil no governo Lula . Deve se tornar o homem forte do governo Agnelo Queiroz.

Ao nomeá-lo, o governador petista pretende atrair a simpatia do comando nacional do PT e do Palácio do Planalto para seu governo.

Autor: Tags: , , ,

sexta-feira, 9 de março de 2012 Estados | 17:04

Cid e Eunício ameaçam o PT do Ceará

Compartilhe: Twitter

De passagem ontem por Brasília, o governador do Ceará, Cid Gomes (PSB), deu uma paradinha no gabinete do senador Eunício Oliveira (PMDB-CE).

Falaram mal, muito mal do PT.

E combinaram o seguinte:

Se Luizianne Lins e os petistas não chegarem ao nome de um candidato a prefeito de Fortaleza palatável ao PSB e ao PMDB, os dois partidos lançarão um candidato comum. Independentemente do PT.

Autor: Tags: , , , , , , ,

  1. Primeira
  2. 10
  3. 18
  4. 19
  5. 20
  6. 21
  7. 22
  8. 30
  9. 40
  10. 50
  11. Última