Publicidade

Arquivo da Categoria Política

terça-feira, 23 de junho de 2015 Brasil, Congresso, Eleições, Governo, Política | 14:40

Renan chama Tófolli e Gilmar Mendes para jantar e discutir reforma política

Compartilhe: Twitter
Presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL) - (Foto: Agência Brasil)

Presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL) – (Foto: Agência Brasil)

O presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), oferecerá um jantar nesta terça-feira (23) aos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF), Gilmar Mendes e José Antônio Dias Toffoli, que preside o Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

O objetivo é conversar sobre a reforma política que começará a ser discutida no Senado.

Para o jantar, também foram convidados senadores que integram a comissão especial que discutirá o assunto. Além disso, os senadores da comissão especial já marcaram uma audiência para amanhã com o presidente do STF, Ricardo Levandowsky.

Alguns senadores já analisam que, com exceção do fim da reeleição, a tendência do Senado é derrubar todas as mudanças feitas na Câmara, inclusive a permissão de doações de empresas para os partidos.

Gilmar Mendes é o responsável por ainda permanecer o financiamento de campanhas por empresas na lei brasileira. Antes das últimas eleições, o STF já havia construído maioria pelo fim das doações de empresas privados com o voto favorável de seis ministros. Na vez de Mendes votar, ele pediu vistas do processo e até hoje não devolveu.

Autor: Tags: , , ,

Brasil, Governo, Partidos, Política | 14:05

Para Randolfe, CPI do HSBC já dá sinais de pizza

Compartilhe: Twitter

O senador Randolfe Rodrigues (PSOL-AP) tem reclamado da condução dos trabalhos da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) do HSBC, que funciona no Senado com o objetivo de investigar as remessas suspeitas de empresários brasileiros para o exterior. Com 39 requerimentos apresentados, pedindo quebra de sigilo bancário e fiscal, Randolfe se irritou com a decisão do presidente da CPI, senador Paulo Rocha (PT-PA) de retirar os requerimentos da pauta. “CPI que não quebra sigilo bancário e fiscal não é CPI”, reclamou Randolfe.

“Não convocamos ninguém, não fomos a França para ouvir Hervé Falciani, que é o principal delator do caso do HSBC, não quebramos sigilo bancário e fiscal de ninguém, mesmo já tendo elementos. A CPI tem que sair do lugar e é isso que vou cobrar na reunião de hoje”, disse o senador.

Autor: Tags: , , , ,

segunda-feira, 22 de junho de 2015 Congresso, Estados, Governo, Partidos, Política | 19:10

Padilha desfaz mal estar com Mercadante sobre nomeações. “Nunca houve paralisação”

Compartilhe: Twitter

Fazendo o papel de articulador político do governo, o ministro da Secretaria de Aviação Civil, Eliseu Padilha, fez questão de desfazer o falado mal estar entre peemedebistas e o ministro da Casa Civil, Aloizio Mercadante que, segundo alguns aliados, estava fazendo corpo mole na análise das nomeações para o segundo escalão do governo

O ministro Eliseu Padilha. (Foto: Agência Brasil)

O ministro Eliseu Padilha. (Foto: Agência Brasil)

.

“Nunca houve e não há nenhuma paralisação na Casa Civil”, disse o ministro.

Ao contrário, Padilha atribuiu uma característica de velocidade à pasta comandada por Mercadante. “O processo entra pela SRI (Secretaria de Relações Institucionais), vai à Casa Civil, que com a velocidade maior possível acelera a liberação”, destacou.

O segundo escalão está praticamente definido de acordo com o ministro e o governo, agora, trabalha para preencher os cargos de terceiro escalão, que são as representações nos estados. Nestes casos, a disputa tem sido acirrada entre parlamentares. “Não é fácil porque nos estados tem disputa. Temos que entender que temos menos cargos e pretensões”, ressaltou.

 

 

Autor: Tags: , ,

sexta-feira, 19 de junho de 2015 Governo, Política | 18:48

Dilma visitará empresas do Vale do Silício, nos Estados Unidos

Compartilhe: Twitter

Em sua viagem aos Estados Unidos, programada para o final deste mês, a presidente Dilma Rousseff incluiu uma passagem pelo Vale do Silício, região do estado da Califórnia, onde se concentram as maiores empresas de alta tecnologia de informação do mundo. O roteiro prevê visitas a duas universidades, Berkeley e Stanford, além da sede da empresa Google.

A viagem tem um tom de reaproximação com o presidente norte-americano, Barack Obama, após o desgaste com as denuncias de espionagem feitas pela agência de segurança dos Estados Unidos (NSA) que atingiram as correspondências pessoais da presidente, em 2013. Na época, devido ao escândalo denunciado pelo ex-agente Edward Snowden, Dilma cancelou a visita de Estado que faria aos Estados Unidos.

Dilma iniciará sua viagem por Nova Iorque, onde deverá chegar no dia 28 de junho. Ela tem encontros previstos com empresários e investidores no dia 29. À noite, ela jantará com Obama, na Casa Branca, em, Washington. No dia seguinte, participará de um “almoço de Estado” oferecido por Obama.

 

Autor: Tags: , , ,

quinta-feira, 18 de junho de 2015 Brasil, Congresso, Governo, Partidos, Política | 17:16

Renan sinaliza que não colocará veto em votação

Compartilhe: Twitter

O presidente do Congresso, senador Renan Calheiros (PMDB-AL), sinalizou que não colocará em votação o veto da presidente Dilma Rousseff ao fim do fator previdenciário.Nesta quinta-feira, o senador fez questão de enfatizar que foi um avanço, a adoção, por parte do governo, do novo cálculo da previdência, a chamada regra 85/95. Falta agora, na opinião de Renan, melhorar a regra da progressividade na tramitação da nova medida provisória.

“O importante é saber como o Congresso vai receber a medida provisória. O congresso, terá oportunidade para melhorá-la. Eu acho que tem que melhorar essa regra da progressividade, mas não podemos deixar de dizer que, em relalão ao 85/95, já houve avanços”, disse.
Renan tem sido pressionado por sindicalistas a cumprir a promessa de colocar o veto à regra que prevê o fim do fator previdenciário ainda neste semestre. De acordo com sindicalistas, Renan, antes da decisão de Dilma, havia prometido marcar a apreciação do veto para o dia 14 de julho, véspera do recesso parlamentar.

Leia também: Fator Previdenciário: sindicalistas pressionam Renan por veto antes do recesso

 

Autor: Tags: , ,

Brasil, Política | 12:22

Humberto Costa inaugura festa junina dos jornalistas no Senado

Compartilhe: Twitter

O líder do PT no Senado, senador Humberto Costa (PE) aproveitou o clima mais ameno desta quinta-feira (18) para declarar aberta a festa junina do comitê de imprensa do Senado. O pernambucano sentiu falta do bolo de rolo, mas prometeu providenciar a iguaria típica de seu estado para os jornalistas.

Autor: Tags: ,

quarta-feira, 17 de junho de 2015 Brasil, Governo, Política | 18:39

Dilma tenta último acordo com Renan e centrais para vetar fim do fator previdenciário

Compartilhe: Twitter

O governo tenta ainda um último acordo com as centrais sindicais e com o presidente do Congresso, Renan Calheiros (PMDB-AL), para que a presidente possa vetar o fim do fator previdenciário, e apresentar uma medida provisória capaz de servir de alternativa à medida aprovada pelo Congresso.
Interlocutores do Planalto dizem que a tendência é que Dilma realmente vete a proposta aprovada pelo Congresso e apresente esta nova medida provisória.
O ministro da Previdência, Carlos Gabas, após passar a tarde em reunião com os demais ministros, apresentou a proposta à presidente Dilma Rousseff e, em seguida, seguiu para uma reunião com Renan, no Senado na tentativa de construir um acordo.
Além de Gabas, também foram para a reunião com Renan, os ministros da Fazenda, Joaquim Levy, e da Secretaria Geral da Presidência da República, Miguel Rossetto.
Segundo o Planalto, o conteúdo já foi apresentado aos sindicalistas. Antes de se reunir com Renan, Gabas ainda ligou para os sindicalistas para tentar acordo.
O governo quer trocar o fim do fator por uma nova medida provisória que garanta que a soma da idade com o tempo de contribuição chegue a 95 anos para homens e 85 anos para mulheres.
Além disso, o governo conseguiu acordo para que haja o escalonamento da implantação da fórmula 85/95, levando em conta a expectativa de vida da população. O que ainda está em desacordo seria o ritmo de implantação dessa regra.
Após a reunião com Renan, os ministros ainda retornam ao Planalto para reportar à Presidente as reações. Dilma tem até a meia noite para vetar a proposta que terá que ser publicada no Diário Oficial de amanhã.

Autor: Tags: , ,

Brasil, Governo, Política | 17:38

Além de mais dinheiro, MST pede que governo reduza burocracia para agricultura familiar

Compartilhe: Twitter

Dando continuidade às “agendas positivas”, o governo marcou para a manhã da próxima segunda-feira (23) o lançamento do Plano Safra específico para a agricultura familiar. Movimentos sociais do campo esperam que o valor a ser anunciado em crédito supere o volume de R$ 24,1 bilhões, anunciado no ano passado e que o governo melhore os critérios para acesso.

“Não adianta nada comemorar volume maior de crédito, sem que o governo não cuide de melhorar o acesso ao crédito. Cada vez menos famílias procuram o Pronaf”, ponderou Alexandre Conceição, coordenador do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST).

Autor: Tags: , ,

terça-feira, 16 de junho de 2015 Brasil, Cidades, Governo, Política | 16:02

Prefeitos querem limite para liminares que obrigam atendimento de alto custo

Compartilhe: Twitter

Os representantes da Frente Nacional de Prefeitos (FNP) querem limites para as liminares que são constantemente concedidas pela justiça, obrigando os municípios a prestarem serviços de alto custo na área de saúde.

O presidente do Fórum de procuradores das capitais, Rúsvel Beltrame, conversou sobre o assunto com os deputados Paulo Teixeira (PT-SP), Bruno Covas (PSDB-SP) e Esperidião Amin (PP-SC), nesta terça-feira (16), véspera do encontro que os prefeitos farão com os presidentes da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), e do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL).

O evento reunirá prefeitos de 40 municípios. Os pontos centrais do encontro serão a discussão de novo pacto federativo que distribua melhor as receitas de impostos hoje concentradas na União, além de formas de financiamento da Saúde. A grande reclamação dos prefeitos é que as liminares obrigam os municípios a arcarem com despesas altas de saúde sem considerar as condições financeiras de cada município.

Autor: Tags: , , ,

segunda-feira, 15 de junho de 2015 Brasil, Congresso, Governo, Partidos, Política | 18:45

Turma que fez “bundalelê” no Congresso organiza protesto em frente ao Planalto

Compartilhe: Twitter

Os sindicalistas que estiveram reunidos com o governo nesta segunda-feira (15) já contam com a “turma do Paulinho” para “fazer barulho” na frente do Palácio do Planalto. O objetivo é de reivindicar que a presidente Dilma Rousseff não vete a regra que acaba com o fator previdenciário.

A reunião para definir como será o protesto já está marcada com os deputados Paulo Pereira da Silva, o Paulinho da Força (SD-SP) e Arnaldo Faria de Sá para terça-feira (16), pela manhã.

“Vamos fazer um barulho lá”, disse o deputado Ademir Camilo (PROS-MG), que participou da reunião. Segundo ele, se Dilma vetar, as centrais não aceitarão participar do fórum criado pela presidente para discutir as regras da Previdência.

“Se ela vetar, nós não teremos motivo algum para sentar com ela novamente e conversar”, disse o deputado, que é vice-presidente da União Geral dos Trabalhadores (UGT).

A “turma do Paulinho” foi responsável pelo “bundalelê” no plenário da Câmara após a aprovação da MP 664, que altera as regras de pensão por morte, entre outros pontos.

Manifestantes fazem bundalelê no Plenário após aprovação da MP 664

Autor: Tags: , , , , , , ,

  1. Primeira
  2. 9
  3. 10
  4. 11
  5. 12
  6. 13
  7. 20
  8. 30
  9. 40
  10. Última