Publicidade

Posts com a Tag Aécio

sexta-feira, 10 de outubro de 2014 Eleições | 16:30

Aécio vai reunir FHC, Serra e Alckmin para ato em SP

Compartilhe: Twitter

Embalado pelas últimas pesquisas de intenção de voto, o tucano Aécio Neves prepara um ato da campanha em São Paulo, na próxima quarta-feira.

A ideia é colocar no palanque tudo quanto é figurão tucano. Na lista de presenças confirmadas, estão Fernando Henrique Cardoso, José Serra e Geraldo Alckmin.

Autor: Tags: , , ,

sexta-feira, 20 de dezembro de 2013 Eleições | 09:00

Na contramão de FHC, aliados de Aécio pedem vice nordestino

Compartilhe: Twitter
O senador Aécio Neves (Foto: Dida Sampaio/AE)

O senador Aécio Neves (Foto: Dida Sampaio/AE)

Enquanto o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso investe na tese de que Aécio Neves (PSDB-MG) deveria buscar um vice em São Paulo, alguns aliados do presidenciável tucano têm insistido que o melhor seria encontrar um nome no Nordeste.

O argumento colocado é o de que pode ser arriscado deixar só por conta do adversário Eduardo Campos (PSB-PE) a tarefa de reduzir a força da presidente Dilma Rousseff na região.

Acham que, em São Paulo, mesmo sem a ajuda do ex-governador José Serra e com uma atuação discreta de Geraldo Alckmin na campanha, Aécio tem condições de ganhar terreno.

Autor: Tags: , , , ,

sexta-feira, 7 de dezembro de 2012 Congresso | 10:00

Lula lá

Compartilhe: Twitter

O grupo de parlamentares que faz pressão nos bastidores para Lula ser candidato à Presidência tem um novo e forte argumento: se Dilma Rousseff disputar a reeleição, o governador de Pernambuco, Eduardo Campos também entrará na briga.

Campos tem potencial para fragmentar a base de apoio ao governo no Congresso: já recebeu sinais claros do PDT e PTB de que, caso se coloque como candidato, as duas bancadas deixariam a base de Dilma ainda no primeiro trimestre do ano que vem.

O governador também provocaria estragos no PSDB. O deputado Roberto Freire, presidente do PPS, afirmou que abriria conversações com o PSB se seu conterrâneo se distanciar do governo federal

A hipótese Lula em 2014 também é reforçada pela leitura de que a oposição não o deixará em paz. Depois do mensalão, virá a CPI da Rosemary e o que mais for possível para estressá-lo.

De um importante senador petista, o ex-presidente ouviu a sugestão de que o único caminho para salvar seu legado é disputar a Presidência em 2014.

Autor: Tags: , , ,

quinta-feira, 6 de dezembro de 2012 Sem categoria | 11:00

A energia de Dilma

Compartilhe: Twitter

Cansado de ouvir críticas por poupar Dilma Rousseff e priorizar Lula como alvo, o PSDB decidiu mudar de tática: o senador Aécio Neves, pré-candidato a presidência em 2014, fará o confronto com a presidente enquanto o resto do partido e congressistas ficam liberados para atacar Lula.

No primeiro embate, escalado para responder ao governo na polêmica sobre a redução dos valores na conta da energia elétrica, Aécio usou um argumento técnico: disse que, se desonerar suas empresas, como fizeram governadores do PSDB, o governo atingiria a meta sem politizar o tema.

Os tucanos avaliaram que a resposta tinha sido à altura. Mas não perceberam que era uma “isca” política e deixaram a bola quicando.

E Dilma não perdoou. Enfatizou que o governo federal bancará os custos que as empresas ligadas aos governos tucanos não querem arcar, mas vai reduzir o valor da energia em 20%.

Por orientação dos marqueteiros, a economia nas contas, que pesa a favor das famílias de menor renda, deve ser “vendida” como um reforço ao Bolsa Família.

O PSDB não percebeu e, em vez da cautela, precipitou-se, bombardeando a proposta e passando a ideia de que é contra a redução do custo da energia.

Autor: Tags: , , , ,

quarta-feira, 25 de janeiro de 2012 Partidos | 09:03

Álvaro Dias: “Nem Serra, nem Aécio. Prévias já!”

Compartilhe: Twitter

Álvaro Dias (Foto: ABr)

Líder do PSDB no Senado, Álvaro Dias (PR) não se impressionou com as declarações do ex-presidente Fernando Henrique Cardodo ao blog Americas View, da revista inglesa The Economist, segundo as quais o candidato natural do partido à Presidência é o senador Aécio Neves (MG).

FHC disse ainda que o ex-governador de São Paulo José Serra (PSDB) perdeu as eleições passadas para a petista Dilma Rousseff porque, com seu temperamento, promoveu o isolamento dos tucanos.

— Fernando Henrique é o líder máximo do partido e tem todo direito de opinar. Mas a questão não é o Serra ou o Aécio. A questão é que temos que escolher o candidato desta vez por prévias partidárias. Isso evita o racha, porque quem perder terá se comprometido, com a própria na campanha das prévias, com a unidade. Perdemos as eleições passadas não por causa do Serra, mas porque não realizamos as prévias, porque a candidatura foi uma decisão de cúpula.

Em tempo: Álvaro Dias tem um projeto, que deve ser discutido em fevereiro na Comissão de Constituição e Justiça do Senado, estabelecendo vantagens e incentivos aos partidos que realizarem prévias.

Autor: Tags: , , , , ,

sexta-feira, 13 de janeiro de 2012 Partidos | 14:03

Aécio sai ganhando no jogo dos novos líderes do PSDB

Compartilhe: Twitter

O PSDB já definiu os líderes para 2012 na Câmara.

O deputado Bruno Araújo (PE) assume a liderança da legenda no lugar de Duarte Nogueira (SP), e Mendes Thame (SP) fica à frente da Minoria, posto que até então era de Paulo Abi-Ackel (MG).

Sobre os que saem: Duarte Nogueira é ligado ao governador de São Paulo, Geraldo Alckmin; Paulo Abi Ackel, ao senador Aécio Neves (MG).

Quanto aos que entram: Bruno Araújo é mais Aécio do que Serra. Mendes Thame, por sua vez, é Serra desde criancinha. Mas o cargo de líder da Minoria é praticamente decorativo.

Autor: Tags: , , , , , , , ,

quarta-feira, 28 de setembro de 2011 Partidos | 20:02

Pesquisa tucana indispõe serristas contra Sérgio Guerra

Compartilhe: Twitter

A divulgação da pesquisa de opinião encomendada pelo PSDB ao sociólogo Antônio Lavareda só fez acirrar a guerra interna entre os presidenciáveis tucanos José Serra e Aécio Neves.

Na reunião de ontem da bancada do PSDB, o deputado Jutahy Magalhães Junior (BA) — um serrista de carteirinha — protestou abertamente contra a pesquisa encomendada pelo presidente do partido, deputado Sérgio Guerra (PE).

Primeiro, criticou o “vazamento seletivo” da informação de que caiu a popularidade de Serra em relação às últimas eleições.

Depois, reclamou do fato de o nome de Aécio Neves não ter figurado na pesquisa, pois os serristas acreditam que ela apontaria um índice de popularidade bem menor do senador mineiro que o do ex-governador de São Paulo.

Autor: Tags: , , , , ,

quinta-feira, 6 de janeiro de 2011 Congresso | 16:28

Bancada de Minas no Senado: nem tão unificada assim…

Compartilhe: Twitter

Com a morte do senador Eliseu Resende (DEM), o governador de Minas Gerais, Antônio Anastasia, perdeu um aliado na bancada de seu Estado no Senado.

É que ele não se bica com o suplente de Eliseu, Clésio Andrade (PR). E vice-versa.

Caberá ao ex-governador Aécio Neves (PSDB), recém-eleito senador, fazer o meio-campo entre os dois sempre que o “interesse de Minas” assim o exigir.

Outra coisa: com Eliseu, a bancada era toda de oposição ao governo federal. Mas o PR de Clésio integra a base de apoio ao governo Dilma Rousseff.

Autor: Tags: , , , , , ,

terça-feira, 31 de agosto de 2010 Eleições | 09:03

Lula não quer briga com Aécio, mas não abandonará Hélio Costa

Compartilhe: Twitter

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva e Hélio Costa

O presidente Lula não pretende se meter num cabo de guerra contra o ex-governador de Minas Gerais Aécio Neves (PSDB), mas também não vai abandonar o seu candidato ao governo, Hélio Costa (PMDB).

Por isso, o presidente planeja ainda voltar a Minas Gerais com Dilma Rousseff para participar de eventos da campanha.

Também porque, se não voltasse, estaria largando o eleitorado do Estado nas mãos do tucano José Serra.

Autor: Tags: , , , ,

terça-feira, 25 de maio de 2010 Eleições | 06:42

Aliado de Aécio volta atrás e diz que mineiro concorre mesmo ao Senado

Compartilhe: Twitter

Depois de provocar barulho na semana passada, o secretário regional do PSDB de Minas Gerais, deputado estadual Lafayette Andrada resolveu voltar atrás. Ele agora afirma que o ex-governador deve disputar o Senado mesmo.

Na semana passada, Andrade havia declarado à imprensa que “os mineiros” queriam o ex-governador como vice da chapa do tucano José Serra a presidente:

– Pinçaram uma frase minha. Há uma parte da bancada de deputados que defende Aécio como vice. Eu estou entre os que preferem que ele dispute o Senado. Mas sou um liderado. Aécio é quem vai decidir.

Autor: Tags: , , , , ,

  1. Primeira
  2. 1
  3. 2
  4. Última