Publicidade

Posts com a Tag Álvaro Dias

terça-feira, 20 de março de 2012 Governo | 17:00

Oposição paquera dissidentes para conseguir criar CPI

Compartilhe: Twitter

Os senadores da oposição intensificaram as conversas com parlamentares dissidentes para conseguir assinaturas suficientes e instaurar a CPI da Saúde.

De acordo com o líder do PSDB no Senado, Álvaro Dias (PSDB-PR), o foco principal é o PR, que recentemente anunciou o desembarque da base aliada para compor a oposição no Senado.

Mas Dias diz também que tenta assinaturas de parlamentares insatisfeitos com o Palácio do Planalto.

Autor: Tags: , , ,

quinta-feira, 23 de fevereiro de 2012 Eleições | 20:12

Tucano faz piada com desempenho de Gaviões Fiel de Lula

Compartilhe: Twitter

O líder do PSDB no Senado, Álvaro Dias (PSDB-PR), fez piada sobre desempenho da escola de samba Gaviões da Fiel no desfile de carnaval deste ano, em São Paulo. A escola homenageou o ex-presidente Lula.

– Se o Lula transferir votos para o Haddad que nem transferiu pontos para a Gaviões, a eleição deste ano em São Paulo já está praticamente definida – afirmou.

Corintiano, o senador revelou que foi a primeira vez que torceu contra o seu time de coração.

Autor: Tags: , , , ,

terça-feira, 7 de fevereiro de 2012 Governo | 06:03

Oposição tenta fazer de Mantega a bola da vez. Palácio não aceita

Compartilhe: Twitter

O ministro da Fazenda, Guido Mantega (Foto: Dorivan Marinho/AE)

O Palácio do Planalto já está instruindo seus líderes: é prioridade absoluta evitar manobras da oposição visando transformar o ministro da Fazenda, Guido Mantega, na bola da vez da Esplanada dos Ministérios.

E a oposição, por sua vez, decidiu mirar no comandante da economia.

Ontem, o líder do PSDB no Senado, Álvaro Dias (PR), protocolou requerimento na Comissão de Assuntos Econômicos para convidar Mantega a explicar a demissão do presidente da Casa da Moeda, Luiz Felipe Denucci.

Em outro requerimento, Álvaro Dias pede o comparecimento do próprio Denucci a fim de explicar as acusações de corrupção que apareceram contra ele.

A ordem entre os líderes governistas é abafar os dois requerimentos e qualquer outro que apareça.

Na oposição, vai ser guerra de guerrilha: sempre que houver uma brecha, a ideia é aparecer com algum tipo requerimento. Vai que uma hora os governistas se distraiam…

Autor: Tags: , , ,

quarta-feira, 25 de janeiro de 2012 Partidos | 09:03

Álvaro Dias: “Nem Serra, nem Aécio. Prévias já!”

Compartilhe: Twitter

Álvaro Dias (Foto: ABr)

Líder do PSDB no Senado, Álvaro Dias (PR) não se impressionou com as declarações do ex-presidente Fernando Henrique Cardodo ao blog Americas View, da revista inglesa The Economist, segundo as quais o candidato natural do partido à Presidência é o senador Aécio Neves (MG).

FHC disse ainda que o ex-governador de São Paulo José Serra (PSDB) perdeu as eleições passadas para a petista Dilma Rousseff porque, com seu temperamento, promoveu o isolamento dos tucanos.

— Fernando Henrique é o líder máximo do partido e tem todo direito de opinar. Mas a questão não é o Serra ou o Aécio. A questão é que temos que escolher o candidato desta vez por prévias partidárias. Isso evita o racha, porque quem perder terá se comprometido, com a própria na campanha das prévias, com a unidade. Perdemos as eleições passadas não por causa do Serra, mas porque não realizamos as prévias, porque a candidatura foi uma decisão de cúpula.

Em tempo: Álvaro Dias tem um projeto, que deve ser discutido em fevereiro na Comissão de Constituição e Justiça do Senado, estabelecendo vantagens e incentivos aos partidos que realizarem prévias.

Autor: Tags: , , , , ,

terça-feira, 29 de novembro de 2011 Congresso | 10:15

Tucano diz que oposição não deseja depoimento de ex-secretário de Lupi

Compartilhe: Twitter

Ezequiel Nascimento (Foto: Ministério do Trabalho)

Um parlamentar do PDT que não reza pela cartilha do ministro do Trabalho, Carlos Lupi, tentou incentivar o líder do PSDB no Senado, Álvaro Dias (PR), a convocar o ex-secretário nacional de Políticas Públicas de Emprego Ezequiel Nascimento a depor no Congresso.

Ezequiel foi apontado por Lupi como quem obteve o jatinho de propriedade de um empresário em que o ministro viajou pelo interior do Maranhão. Seu depoimento poderia ser decisivo para a derrubada do ministro.

Mas o parlamentar pedetista viu-se surpreendido pela frieza de Álvaro Dias, que respondeu não haver interesse na oposição em expor Ezequiel a um depoimento contra a sua vontade.

O ex-secretário hoje é mal visto dentro do PDT tanto pelos aliados como pelos adversários de Lupi. Mas ele foi presidente do Sindilegis (Sindicato dos Servidores do Poder Legislativo Federal), quando estabeleceu bons contatos com políticos de todos os partidos.

E a conversa de Álvaro Dias fez alastrar entre os pedetistas a convicção de que Ezequiel está de malas prontas para o PSDB. Só espera passar a crise.

Autor: Tags: , , , , , ,

quarta-feira, 16 de novembro de 2011 Eleições | 16:02

Álvaro Dias é sondado para disputar governo do Distrito Federal

Compartilhe: Twitter

Álvaro Dias (Foto: AE)

Diante do calvário do governador Agnelo Queiroz (PT) e de falta de opções para disputar a eleição em 2014, setores do PSDB em Brasília querem convencer o senador paranaense Álvaro Dias a mudar seu domicílio eleitoral para a capital e concorrer ao governo do Distrito Federal em 2014.

Líder do PSDB no Senado, Dias tem exposição nacional e chegou a ser anunciado como vice de José Serra em 2010. Acabou desconvidado por pressão do DEM, que indicou o então deputado federal Indio da Costa, hoje no PSD-RJ.

Autor: Tags: , , , ,

segunda-feira, 10 de outubro de 2011 Partidos | 13:43

PSDB muda roteiro de programa de TV

Compartilhe: Twitter

O líder do PSDB na Câmara, deputado Duarte Nogueira, regravou agora há pouco, em Brasília, sua participação no programa nacional do partido, que vai ao ar nesta quinta-feira.

Os tucanos decidiram mudar o roteiro para equilibrar o ataque ao governo e as falas propositivas. No novo script, caberá a Duarte Nogueira cobrar transparência e defender o voto aberto na Câmara e no Senado.

O líder do Senado, Álvaro Dias, falará sobre corrupção.

Autor: Tags: , , ,

terça-feira, 4 de outubro de 2011 Congresso | 15:08

Com 35 líderes, Congresso tenta acordo sobre royalties

Compartilhe: Twitter

O líder do PSDB no Senado, Álvaro Dias (PR), acaba de tuitar:

– O número de lideranças presentes agora na reunião sobre royalties é o retrato do quadro partidário. Partidos demais.

Somando os 14 líderes na Câmara (sem contar o novo PSD), com os 18 do Senado e mais três líderes de governo (Câmara, Senado e Congresso) são 35 cabeças sentadas à mesa.

Vinte e três partidos (com o PSD), atualmente, têm representação no Congresso.

Autor: Tags: ,

quarta-feira, 3 de agosto de 2011 Governo | 18:37

Collor se recusa a assinar CPI da Corrupção

Compartilhe: Twitter
Romero Jucá, Fernando Collor de Mello e Álvaro Dias (Foto: Orlando Brito)

Álvaro Dias, Fernando Collor e Romero Jucá (Foto: Orlando Brito/OBritoNews)

O fotógrafo Orlando Brito surpreende o líder do PSDB no Senado, Álvaro Dias, provocando o ex-presidente Fernando Collor de Mello e o líder do governo Romero Jucá.

Dias pediu que eles assinassem o requerimento de criação da CPI da Corrupção. A resposta foi negativa.

Autor: Tags: , , , , ,

sexta-feira, 22 de julho de 2011 Congresso | 09:02

Ensino superior: senadores do PSDB divergem sobre projeto criticado pela SBPC

Compartilhe: Twitter

Álvaro Dias (Foto: AE)

O senador Aloysio Nunes Ferreira (PSDB-SP) protocolou um requerimento para a Comissão de Educação, Cultura e Esporte do Senado reexaminar, antes de ir ao plenário, o projeto de lei que permite que universidades contratem professores sem titulação de mestre ou doutor (PLS 220/2010).

O projeto foi atacado, com veemência, pela Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC).

Para Aloysio Nunes, trata-se de um “retrocesso, contrário ao interesse público”. A Lei de Diretrizes e Bases trouxe enorme avanço, divulgou o tucano, ao exigir que 30% dos docentes das universidades tenham titulação de mestrado e doutorado, como forma de capacitar os profissionais que serão colocados no mercado de trabalho.

De acordo com o senador, o Estado investe muitos recursos na formação de mestres e doutores, e a eliminação dessa exigência, impede que a sociedade tenha o retorno desse investimento.

O relator do projeto, que deu parecer favorável à eliminação dessa exigência, no entanto, é outro senador do PSDB: Álvaro Dias (PR).

Dias tem como suplente o professor Wilson de Matos, dono de uma das maiores universidades do Paraná. Segundo o senador, essa foi um mera coincidência.

– Meu suplente nem sabia do projeto. O parecer foi elaborado pela consultoria técnica do Senado. Fiz constar que só poderia ser contratado um professor graduado em uma universidade que tenha mestrado e doutorado na área. Eu repudio sequer uma insinuação de que isso tenha a ver com o meu suplente. Fui governador e ampliei o ensino gratuito. O problema é que faltam professores com títulos. Essa ilação é uma insinuação barata – afirma Dias.

A finalidade do projeto é uma antiga reivindicação do Sindicato das Entidades Mantenedoras de Estabelecimentos de Ensino Superior do Estado de São Paulo (Semesp) e de outros estados.

Dias sustenta que seu parecer ainda irá a plenário e o projeto será também votado na Câmara dos Deputados.

Autor: Tags: , , , , ,

  1. Primeira
  2. 2
  3. 3
  4. 4
  5. 5
  6. 6
  7. 10
  8. Última