Publicidade

Posts com a Tag Bancada Feminina da Câmara

segunda-feira, 26 de janeiro de 2015 Congresso | 10:30

Bancada feminina prepara coquetel para ouvir Chinaglia

Compartilhe: Twitter
Coordenadora da bancada feminina, Jô Moraes (PCdoB-MG). Foto: Divulgação.

Coordenadora da bancada feminina, Jô Moraes (PCdoB-MG). Foto: Divulgação.

No próximo sábado, a bancada feminina da Câmara realizará um coquetel para conversar sobre as propostas do candidato petista à presidência da Casa, Arlindo Chinaglia (SP), para as mulheres.

Articulado por apoiadoras do petista, o encontro também pretende reunir as deputadas ainda indecisas na disputa. Na ocasião, será entregue uma plataforma elaborada pela bancada, com demandas específicas sobre projetos voltados para a pauta feminina.

Em dezembro, representantes das mulheres também se reuniram com o candidato peemedebista Eduardo Cunha (RJ), em um café da manhã. De acordo com a coordenadora da bancada, Jô Moraes (PCdoB-MG), o grupo também pretende conversar com os outros dois candidatos declarados – Chico Alencar (PSOL-RJ) e Júlio Delgado (PSB-MG) – até o domingo das eleições.

Leia também: ‘Bancada feminina atuará como bloco’, diz Jô Moraes

 

Autor: Tags: , , , ,

quarta-feira, 11 de setembro de 2013 Política | 18:30

Bancada Feminina da Câmara apresenta moção de repúdio ao Porta dos Fundos

Compartilhe: Twitter

A bancada feminina da Câmara apresentou na presidência da Casa uma moção de repúdio ao vídeo “Oh, Meu Deus”, de autoria do grupo de humor Porta dos Fundos. O vídeo mostra uma mulher, interpretada pela atriz Clarice Falcão, que vai ao ginecologista e o médico diz descobrir, durante exame ginecológico, uma imagem de Jesus Cristo na vagina da paciente. O médico cita a expressão “barba, cabelo e bigode”, referindo-se à falta de depilação da paciente, e chama outros colegas para verem e fotografarem.

A deputada Rosane Ferreira (PV-PR), que levou a questão para a bancada, afirmou que o vídeo é constrangedor e humilhante. “Eu sou enfermeira, nós temos uma luta de 20 anos sobre exames ginecológicos porque muitas mulheres atingem casos avançados de câncer por não fazerem o exame por se sentirem constrangidas. O vídeo expõe a mulher que fica absolutamente constrangida com a situação, numa situação vexatória, expondo o corpo. O humor é importante, mas é preciso ter limites”, afirmou a deputada. O deputado Marco Feliciano (PSC-SP) já havia criticado o mesmo vídeo por “ofender a fé cristã”.

Assista:

Autor: Tags: , , ,