Publicidade

Posts com a Tag Câmara

sexta-feira, 10 de agosto de 2012 Congresso | 09:48

E Chinaglia sobe no muro

Compartilhe: Twitter

Oposição e governistas, liderados pelo presidente da Câmara, Marco Maia (PT-RS), não admitem votar a medida provisória 565 enquanto o governo não cumprir promessa da ministra-chefe da Coordenação política, Ideli Salvatti, de liberação de emendas dos parlamentares ao Orçamento.

A MP 565, que está trancado a pauta de votações da Câmara, trata da repactuação de dívidas agrícolas dos produtores atingidos pela seca no Nordeste.

Ideli Salvatti havia prometido a Marco Maia, antes do recesso, que iria liberar R$ 3 milhões em emendas de cada parlamentar, mas isso até agora não ocorreu.

Perguntado sobre o assunto pelo Poder Online, o líder do governo, Arlindo Chinaglia (PT-SP), parece estar sem resposta:

— Nós estamos conversando com o governo e os partidos para chegar a uma solução. Na próxima semana não estão previstas votações. Temos até a outra para resolver o problema antes que vença o prazo de votação da medida provisória — afirma.

Mas vai haver ou não a liberação dos pagamentos? — insistiu a coluna.

— Isso nós estamos discutindo. Ninguém disse que não haverá a liberação das emendas. Estamos conversando. É o que posso dizer neste momento. — balbucia o líder.

Autor: Tags: , , , , , ,

terça-feira, 7 de agosto de 2012 Congresso | 15:55

Ministros pela agroecologia

Compartilhe: Twitter

Os ministros Pepe Vargas, do Desenvolvimento Agrário, e Isabella Teixeira, do Meio Ambiente, participam nesta quarta-feira do lançamento da Frente Parlamentar pelo Desenvolvimento da Agroecologia e Produção Orgânica.

De acordo com a idealizadora da frente, deputada Luci Choinacki (PT-SC), o Brasil emprega 200 mil famílias ligadas a produção de alimentos orgânicos. A meta é subir para 300 mil até 2014.

Autor: Tags: , ,

quinta-feira, 2 de agosto de 2012 Congresso | 08:42

Na volta do recesso, volta a descoordenação política

Compartilhe: Twitter

O presidente da Câmara, Marco Maia (PT-RS), foi quem decidiu suspender a sessão de ontem na Câmara, quando os deputados começariam a votar medidas provisórias.

O Palácio do Planalto está interessado em votar três MPs que trancam a pauta do Câmara.

Duas delas foram editadas para combater danos da seca no Nordeste à agricultura. Já a terceira MP institui o Brasil Carinhoso, que dá crédito extra para as mães que recebem Bolsa Família e têm filhos na escola.

Para conseguir que o Congresso, antes do recesso, votasse outras medidas provisórias, o governo havia prometido que até agosto liberaria R$ 3 milhões em emendas de cada parlamentar ao Orçamento da União.

Ontem, durante reunião com os líderes, a oposição afirmou que o acordo não foi cumprido.

Irritado, Maia disse que havia sido fiador desse acordo e que não votaria as MPs enquanto a coordenadora Política do Palácio do Planalto, Ideli Salvatti, não mostrasse ter cumprido o prometido.

O líder do governo, Arlindo Chinaglia (PT-SP), ficou de dar uma resposta até o início da semana que vem.

Se a descoordenação permanecer, as MPs podem caducar.

Autor: Tags: , , , , ,

segunda-feira, 30 de julho de 2012 Congresso | 18:57

Governo tenta reunir base na Câmara para votar Medidas Provisórias

Compartilhe: Twitter

O governo passou esta segunda-feira sondando  as lideranças da base aliada se haverá quorum na primeira semana após o recesso parlamentar.

O Planalto está interessado em votar três medidas provisórias que trancam a pauta do Câmara.

Duas delas são de medidas para combater danos da seca no Nordeste à agricultura. Já a terceira MP institui o Brasil Carinhoso, que dá crédito extra para as mães que recebem Bolsa Família e têm filhos na escola.

Autor: Tags: , , , ,

quarta-feira, 25 de julho de 2012 Congresso | 09:03

Comissão de Ciência e Tecnologia da Câmara marca audiência para questionar serviço de telefonia no país

Compartilhe: Twitter

Presidente da Comissão de Ciência e Tecnologia da Câmara, o deputado Eduardo Azeredo (PSDB-MG) já marcou para a segunda semana de agosto — ou seja,  a semana a seguir da volta dos parlamentares do recesso de julho — uma sessão de debate sobre o que chama de má qualidade dos serviços de telefonia no país.

Mesmo integrando um partido de oposição, Azeredo mandou mensagem de apoio ao presidente da Anatel, João Resende, pela suspensão da venda de chips até que melhorem os serviços.

A volta do recesso combinada com um período de véspera de eleições não parece favorecer as empresas.

No Senado, também as comissões do Meio Ambiente e da Ciência e Tecnologia já se articulam para convocar representantes das teles ainda em agosto.

Autor: Tags: , ,

terça-feira, 24 de julho de 2012 Congresso | 12:11

Henrique Eduardo Alves articula blindagem contra bloco parlamentar proposto pelo PSD

Compartilhe: Twitter

O deputado Henrique Eduardo Alves (Foto: José Cruz/ABr)

Candidato a presidente da Câmara, o líder do PMDB, Henrique Eduardo Alves (RN), não vai deixar correr solta a pretensão do PSD de formar bloco com o PSB e o PCdoB para lançar uma candidatura alternativa à sua.

Henrique já está articulando a formação de um bloco com o PSC reunindo 96 deputados — 80 do PMDB mais 16 do PSC.

O bloco PSD-PSB-PCdoB teria 89 deputados.

Além disso o líder peemdebista já procurou o PCdoB, que não se mostrou muito empolgado com a ideia de uma união com o PSD para confrontar o PMDB.

Autor: Tags: , , , , , , , ,

quinta-feira, 12 de julho de 2012 Congresso | 08:38

Deputado Leréia tem mais chances de absolvição do que Demóstenes Torres

Compartilhe: Twitter

Diferentemente do Senado, que cassou o mandato de Demóstenes Torres (sem partido-GO), não há grande disposição dos deputados para cassar o mandato do colega Carlos Alberto Leréia (PSDB-GO), acusado de envolvimento com o bicheiro Carlinhos Cachoeira.

A turma que fez campanha silenciosa e conseguiu a absolvição da deputada Jaqueline Roriz (PSC-DF) — filmada recebendo dinheiro do mesmo Durval Barbosa que protagonizou os vídeos do Mensalão do DF — já começou a trabalhar para livrar Leréia do cadafalso.

Autor: Tags: , , , , ,

Congresso | 08:17

Convocações de Câmara e Senado para sessões no mês de agosto e setembro esvaziam CPI

Compartilhe: Twitter

Por conta da corrida eleitoral, o Congresso fará um esquema especial para realizar sessões de votação nas duas Casas.

No mês de agosto, a Câmara terá sessões nos dias 1 e 2, 7,8 e 9 e 21, 22 e 23. Em setembro, as sessões serão nos dias 4,5 e 6 e 18, 19 e 20.

O Senado marcou as sessões de agosto para os dias 14, 15 e 16, 28, 29 e 30.  No mês de setembro, dias 11,12 e 13.

A estratégia, de fazer sessões das duas Casas sempre em semanas diferentes pode dificultar os avanços na CPMI do Cachoeira.

Quando for a semana dos deputados estarem no Congresso, o quórum no Senado estará reduzido. Já quando for a semana de trabalho dos senadores estiverem, boa parte dos deputados estará ausente de Brasília.

Autor: Tags: , , ,

quarta-feira, 4 de julho de 2012 Congresso | 10:01

Ministros confirmam presença em festa junina de deputado

Compartilhe: Twitter

O deputado Paulo Pereira da Silva, o Paulinho da Força, (PDT-SP), está organizando um “arraiá” entre parlamentares numa quadra residencial de Brasília.

Ele garante que pelo menos três ministros já confirmaram presença na festa.

Devem ser os chefes das pastas do Trabalho, Brizola Neto, da Previdência, Garibaldi Alves, e da Agricultura, Mendes Ribeiro.

Paulinho ainda espera contar com a presença do vice-presidente Michel Temer e o presidente da Câmara, Marco Maia (PT-RS).

Dilma Rousseff, se quiser se divertir, é claro que está convidada.

Autor: Tags: , , ,

sexta-feira, 29 de junho de 2012 Congresso | 09:58

Líder do DEM ameaça levar à Comissão de Ética vídeo com xingamento de presidente da Câmara a deputado

Compartilhe: Twitter

O líder do DEM na Cãmara, Onyx Lorenzoni (RS), ameaça apresentar uma representação com base no Código de Ética contra o presidente da Casa, Marco Maia (PT-RS), por causa do bate boca entre o petista e o deputado Mendonça Prado (DEM-SE) na votação da redução da jornada de trabalho dos enfermeiros.

Lorenzoni já está de posse do vídeo com o momento em que Maia xinga o deputado de “um desqualificado” e afirma que, nem Prado, nem o DEM defenderam os enfermeiros junto à Presidência da Câmara.

Assista cópia do vídeo que está de posse do deputado:

Autor: Tags: , , , , , , ,

  1. Primeira
  2. 3
  3. 4
  4. 5
  5. 6
  6. 7
  7. 10
  8. 20
  9. 30
  10. Última