Publicidade

Posts com a Tag César Maia

quinta-feira, 31 de maio de 2012 Estados | 10:00

Cesar Maia denuncia aditivo a contrato da Delta, de R$ 16 milhões, autorizado há três dias pela Prefeitura do Rio

Compartilhe: Twitter

Do ex-prefeito do Rio de Janeiro Cesar Maia (DEM), agora há pouco em sua newsletter eletrônica “O Ex-Blog do Cesar Maia”:

NO DIÁRIO OFICIAL DE 28 DE MAIO PREFEITURA DO RIO DÁ UM ADITIVO DE R$ 16 MILHÕES À DELTA!

1. E tenta ocultar não citando o nome da empreiteira e querendo enganar, referindo-se a valor do contrato. Mas pouco antes se descobre no Diário Oficial o pedido de aditivo da Delta.

2. D.O. Segunda-feira, 28 de maio de 2012.  DESPACHO DO SECRETÁRIO. EXPEDIENTE DE 25/05/2012 – 06/370.909/2010 – Ref.: Contrato nº 008/2011 – Autorizo a modificação de quantidades, sem alteração do valor contratual, na forma proposta pela O/SUBOP/CGO às folhas 2015/2016, objeto do processo instrutivo nº 06/370.909/2010 de acordo com o disposto no artigo 482, inciso II alínea “a” do Decreto Nº 3.221 de 18 de setembro de 1981.  consolidado pelo Decreto “N” Nº 15.350 de 06 de dezembro de 1996. (RGCAF), bem como AUTORIZO o acréscimo de serviços e a adequação do cronograma físico-financeiro, no valor de R$ 16.699.964,57 (Dezesseis milhões, seiscentos e noventa e nove mil, novecentos e sessenta e quatro reais e cinquenta e sete centavos), com fulcro no art. 65, inciso I, alínea “b”, parágrafos 1º e 2º e no artigo 58, inciso I da Lei.

3. Processo    06/370.475/2012 (APENSO). Requerente    DELTA CONSTRUCOES S.A.(MODIFICAO DE QUANTIDADES)  Assunto    OBRAS PUBLICAS

Informação Complementar    MODIFICACAO DE QUANTIDADES DO PROCESSO 06/370.909/2010.  Data Despacho    07/05/2012. Orgão Origem    O/SUBOP/CGO COORDENADORIA GERAL DE OBRAS. Orgão Destino    *O/SUBOP/CGO/APC SETOR DE EXPEDIENTE. Endereço    CAMPO DE SAO CRISTOVAO 268/4A.- SAO CRISTOVAO

Despacho    ANALISE(ENCAMINHAR P/). Processo Principal      06/370.909/2010. 8.666 de 21/06/1993 e suas alterações, bem como Autorizo a despesa no mesmo valor. Providencie-se a lavratura do Termo Aditivo correspondente.

Autor: Tags: , , , ,

quarta-feira, 16 de maio de 2012 Brasil | 15:02

Do cacique do DEM, Cesar Maia, para a Comissão da Verdade

Compartilhe: Twitter

Da news-letter eletrônica “O Ex-Blog do Cesar Maia”, escrita pelo ex-prefeito do Rio e cacique nacional do Partido Democratas Cesar Maia, também um ex-exilado no Chile durante a ditadura militar:

UMA SUGESTÃO PARA A COMISSÃO DA VERDADE: VER O FILME “CIDADÃO BOISELEN”!

1.(Folha de SP, 14) Membro da Comissão da Verdade –José Carlos Dias: “Tudo isso vai ser analisado”. Em sintonia com outros integrantes da comissão, o ex-ministro afirma não ver barreiras contra a atuação do grupo. “Vamos apurar tudo que pudermos apurar, vamos até o fim. Eu digo que não somos donos da verdade, mas vamos ser perseguidores da verdade”, disse.

2. O CIDADÃO BOISELEN:  “A Oban, como era chamada, foi um centro de informações, investigações e de torturas criada nos anos 1960. O filme deixa claro que era financiada por empresários e banqueiros. O caso de Henning Boilesen, o cidadão Boilesen, é exemplar. Dinamarquês naturalizado brasileiro, ele virou empresário no País. Anticomunista ferrenho, ligou-se a grupos militares e paramilitares. Outros empresários e banqueiros – nomeados no filme – também fizeram isso, mas Boilesen se destacava por uma particularidade fartamente debatida no filme. Sádico, ele tinha um prazer especial em seguir as sessões de tortura, chegando a  fornecer carros da empresa Ultragaz,do grupo Ulbra, que presidia, para operações de repressão.”

3. Trailer.

Autor: Tags: , ,

sexta-feira, 30 de março de 2012 Partidos | 13:26

De Cesar Maia para Demóstenes Torres: “O dano de mentir é mortal”

Compartilhe: Twitter

O ex-prefeito do Rio de Janeiro Cesar Maia, pai do deputado Rodrigo Maia, que é candidato do DEM à Prefeitura da capital fluminense, postou em sua news letter eletrônica “O Ex-Blog do Cesar Maia” um recado para o senador Demóstenes Torres.

Cesar Maia utiliza-se de conselhos do escritor norte-americano Nick Morris, no livro “O Novo Príncipe”, para fazer o que parece um diagnóstico dos problemas por que passa o senador de seu partido:

1.”Não há como ganhar na cobertura de um escândalo. A única maneira de sair vivo é falar a verdade, aguentar o tranco e avançar”. Com vasta experiência junto à imprensa dos EUA, lembra que, quando ela abre um escândalo, tem munição guardada para os próximos dias. Os editores fatiam a matéria, pedaço a pedaço, para a cada dia ter uma nova revelação.  De nada adianta querer suturar o escândalo com uma negação reativa, pois virão outras logo depois, desmoralizando a defesa.

2. E outros veículos entram com fatos novos, para desmentir. Para Morris, a chave é não mentir. O dano de mentir é mortal. “Uma mentira leva a outra, e o que era uma incomodidade passa a ser obstrução criminal à Justiça”.  A força de um escândalo é a sua importância política. As pessoas perdoam muito mais aqueles fatos sem relação com o ato de governar. E ir acompanhando a reação dopúblico. “Se os eleitores se mostram verdadeiramente escandalizados com o que se diz que ele fez, é melhor que não tenha feito. Roubar dinheiro quase sempre não se perdoa”.

Autor: Tags: , , ,

quarta-feira, 18 de janeiro de 2012 Brasil | 14:34

Cesar Maia prevê fracasso nos negócios de Eike Batista

Compartilhe: Twitter

O ex-prefeito do Rio Cesar Maia (DEM) postou hoje em sua news letter eletrônica, sobre os negócios do empresário Eike Batista:

1. Nas décadas recentes, as empresas e grupos econômicos realizavam suas reuniões estratégicas procurando responder à pergunta: Qual é o nosso negócio? O objetivo era ter foco e evitar um espalhamento da ação empresarial que provocasse um descontrole na gestão em longo prazo. E isso se tornou básico nos últimos 20 anos, quando o fundamental da concorrência passou a estar na inovação, seja de tecnologia, processo ou produto, num mercado sempre mutante e exigente.

2. Um exemplo. Na metade dos anos noventa, o Grupo Globo decidiu focalizar “Comunicação e Tecnologia da Informação”, o que já é um amplo campo para pesquisa e desenvolvimento, de mercado e de tecnologia. E vendeu as demais empresas do grupo, todas lucrativas, de geleia de mocotó à construtora.

3. Mas o empresário Eike Batista contraria totalmente esse principio. Está em mineração, petróleo, estaleiro, siderurgia, hotéis, shopping, equipamentos de lazer e esporte, etc. Seu livro é campeão de vendas.

Das duas uma:

a) ou aquele princípio de macro-focalização dos negócios está superado e o empresário Eike introduziu a ideia de espalhamento sem foco dos negócios e está certo;

b) ou esse espalhamento sem foco do sr. Eike Batista não vai dar certo em médio e longo prazos.

Autor: Tags: ,

segunda-feira, 9 de janeiro de 2012 Partidos | 10:14

Cesar Maia anuncia “A privataria peemedebista”

Compartilhe: Twitter

Cesar Maia

A oposição realmente não se entende.

Enquanto o PSDB tenta apagar da lembrança o livro A privataria tucana, o ex-prefeito do Rio Cesar Maia, um dos principais caciques do Partido Democratas no país, anuncia em sua news letter eletrônica o lançamento de um livro contra seus adversários no Estado.

Qual o título?

A privataria peemedebista

Os tucanos devem estar adorando a lembrança.

Autor: Tags: , , , , ,

quinta-feira, 7 de julho de 2011 Estados | 13:58

César Maia denuncia explosões “estranhas” de bueiros no Rio

Compartilhe: Twitter

O ex-prefeito do Rio Cesar Maia (DEM) postou hoje na news letter eletrônica “O Ex-Blog do Cesar Maia” um texto sobre “as estranhas explosões de bueiros no Rio”.

Segundo ele, há inclusive “concentração” de explosões num certo dia da semana.

Poder Online reproduz abaixo o mapa (Google) divulgado por Cesar Maia com os locais em que o fenômeno ocorreu nos últimos meses. São 26 explosões, no total:

Autor: Tags: , , , , , , ,

segunda-feira, 28 de março de 2011 Brasil | 13:27

Cesar Maia traz de volta a discussão religiosa para a política

Compartilhe: Twitter

O ex-prefeito do Rio Cesar Maia anuncia: seu partido, o DEM, vai entrar com ação contra determinação do Conselho Municipal de Educação da prefeitura do Rio, que acabou com o ensino religioso nas escolas públicas da cidade.

Segundo Cesar Maia, a Prefeitura cometeu um “atentado ao direito e aos valores das famílias com crianças e jovens, que estudam nas escolas públicas do Rio, de receberem ensino religioso”.

Autor: Tags: , , , ,

quarta-feira, 23 de março de 2011 Partidos | 06:01

Índio da Costa sobre sua possível filiação ao PSD: “Não dá mais para ser coordenado pelo Cesar Maia”

Compartilhe: Twitter

Índio da Costa (Foto: AE)

Candidato a vice-presidente da República na chapa do tucano José Serra, o ex-deputado federal Índio da Costa (DEM-RJ) está em São Paulo para uma série de conversas, especialmente com o PSD do prefeito Gilberto Kassab, com quem almoça hoje.

Ontem, Índio da Costa recebeu de Guilherme Afif Domigos o manifesto com as diretrizes do PSD e conversou com o ex-presidente do Partido Democratas Jorge Bornhausen, a quem relatou suas dificuldades de permanecer na mesma legenda do ex-prefeito do Rio Cesar Maia e seu filho, o deputado federal Rodrigo Maia.

Em entrevista ao Poder Online, ele diz que não precisa definir agora sua filiação ao partido de Kassab. Mas basta um dedo de prosa para ver que a decisão está praticamente tomada:

Poder Online: O senhor vai para o PSD do prefeito Gilberto Kassab?

Índio da Costa: Eu não preciso decidir agora. Estou sem mandato. Então, posso filiar-me ao partido que escolher até outubro.

Poder Online: Mas quais são as possibilidades?

Índio da Costa: Hoje almoço com o prefeito. Ontem o Afif mandou-me o programa do PSD. Posso dizer que não há nada ali diferente do que eu tenha defendido na campanha: democracia; igualdade de oportunidades; respeito aos contratos; respeito ao contribuinte; descentralização da arrecadação; desenvolvimento com sustentabilidade; privatização dos aeroportos; nada de inventar impostos, como a CPMF. Digamos que vejo o PSD com muito bons olhos.

Poder Online: Mas é um partido mais próximo do governo Dilma Rousseff, que o senhor tanto combateu na campanha.

Índio da Costa: Falou-se muito que seria um partido auxiliar do governo federal, mas não vi  nada disso.  Por tudo que tenho conversado, trata-se de um partido independente. Com um ideário liberal, de centro e forte preocupação social. Defende o Bolsa Família, sim. Mas — está lá no programa que eu li! — cobra que seja dada oportunidade às pessoas para superarem a pobreza, para não ficarem eternamente dependentes do Estado, ou seja, uma porta de saída. Exatamente o que defendi na campanha.

Poder Online: Além disso tudo, tem a dificuldade de relacionamento com o ex-prefeito Cesar Maia e seu filho, Rodrigo Maia, que dominam o DEM no Rio.

Índio da Costa: Digamos que o convívio com eles está muito difícil. O Cesar Maia quer assumir como presidente municipal do partido. Para isso, ele está tirando o atual presidente, que foi uma indicação dele próprio.

Poder Online: Agora fala-se numa aliança entre o Cesar Maia e o ex-governador Anthony Garotinho (PSC).

Índio da Costa: É. Trata-se de uma aliança catastrófica. Não dá nem para comentar. O esforço deles é fazer do Rodrigo Maia candidato a prefeito, mesmo sabendo que não ganha. Apenas para alavancá-lo eleitoralmente e tentar reelegê-lo deputado federal dois anos depois. Porque, com seus índices atuais de popularidade, o Rodrigo não se reelege.

Poder Online: E o PSDB do Rio, não seria uma opção para o senhor se filiar?

Índio da Costa: Até seria. Gosto muito do deputado Octavio Leite, por exemplo, que é um possível candidato a prefeito do Rio em 2012. Mas o PSDB está muito ligado ao Cesar Maia. Nacionalmente fala-se até em fusão do PSDB com o DEM. Não dá para ficar sob a coordenação dos Maia.

Poder Online: Então o senhor vai mesmo para o PSD.

Índio da Costa: Tenho muita simpatia. Mas é como disse antes, não preciso decidir agora.

Autor: Tags: , , , , , ,

domingo, 13 de fevereiro de 2011 Partidos | 06:01

Agripino Maia propõe acordo a Bornhausen para pacificar o DEM

Compartilhe: Twitter

Foto: Elza Fiúza/ABr

O senador José Agripino Maia (RN) está candidatíssimo a presidente do Partido Democratas.

Ele é apontado na imprensa como um representante da ala ligada ao atual presidente, deputado Rodrigo Maia (RJ), contra o histórico dirigente supremo da legenda, Jorge Bornhausen (SC).

Mas Agripino tentará convencer Bornhausen de que ele pode ser o nome de consenso do partido. Eles têm encontro marcado, amanhã, em São Paulo, com a presença do ex-senador Marco Maciel (PE) — o preferido de Bornhausen para comandar o DEM — e do prefeito Gilberto Kassab, que ameaça deixar a legenda.

Poder Online: Mas o senhor não acha que a imprensa já o identificou demais com o grupo do Rodrigo Maia?

José Agripino Maia: Olha, eu fui convidado a me candidatar pelo Bornhausen. Depois é que surgiu essa história de grupo A e grupo B. Acho que qualquer figura, neste momento, é menor do que a necessidade de unirmos o partido.

Poder Online: Mesmo o prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, que ameaça deixar o DEM?

Agripino: Tenho o maior respeito e admiração pelo Kassab. Mas a unidade dos que ficarem no partido é mais importante do que a entrada ou saída de qualquer um.  Eu vou trabalhar pelo consenso. Acredito que podemos conseguir isso.

Poder Online: O sr. viu o artigo do ex-prefeito do Rio Cesar Maia (DEM) em que ele diz que Bornhausen quer deixar o DEM para entrar no PMDB e aderir ao governo?

Agripino: Não li, e não pretendo ler. Tenho o maior respeito também pelo Cesar Maia, que é uma liderança muito importante do partido, mas não é hora de incentivar a discórdia.

Poder Online: Numa convenção, quem vence? O grupo dos Maia ou o dos Bornhausen (Jorge Bornhausen e o filho, Paulo Bornhausen)?

Agripino: Bem, você viu o resultado da eleição na bancada (nota da coluna: o candidato de Rodrigo Maia, ACM Neto (BA), derrotou Eduardo Sciarra (PR), que foi apoiado pelo ex-líder Paulo Bornhausen).  Mas não interessa neste momento falar quem é mais forte ou mais fraco. Interessa saber uma forma de compor os diversos grupos do partido, dando-lhes uma representação consensual na Executiva, capaz de manter o Democratas unido.

Poder Online: Mas parece que isso vai ser difícil…

Agripino: Na política é preciso habilidade e capacidade de negociação. Veja o ACM Neto: chamou o próprio Sciarra para seu vice-líder e outros dois nomes que votaram contra ele. É isso que tem que ser feito. Superar problemas do passado e unificar a legenda. A unidade é que nos trará força. É isto que vou propor na reunião de segunda-feira: que encontremos uma equação em que todos caibam no partido.

Autor: Tags: , , , , , , , ,

quinta-feira, 6 de janeiro de 2011 Sem categoria | 10:57

Internet ultrapassa TVs como principal fonte de notícias para pessoas entre 18 e 29 anos

Compartilhe: Twitter

Pesquisa sobre fontes de leitura de notícias, divulgada na newsletter eletrônica O Ex-Blog do Cesar Maia de hoje:

PESQUISA ‘PEW RESEARCH’: INTERNET PRIMEIRA FONTE DE NOTÍCIAS – 18-29 ANOS!

A Internet é hoje a principal fonte de notícias nacionais e internacionais e nacionais para as pessoas com idades entre 18 a 29, mostra um estudo do Pew Research Center. Em 2010, 65% das pessoas com menos de 30 já usam a internet como sua primeira fonte para as notícias, quase dobrando dos 34% em 2007. O número dos que consideram a televisão como principal fonte caiu de 68% para 52% durante esse período. Dos 1.500 adultos norte-americanos pesquisados, 41% dizem receber as suas notícias nacionais e internacionais a partir da Internet, eram 17% em 2007. 66% citam televisão – caindo dos 74% – indicando que a tendência está se espalhando entre outros grupos etários.

* * *

AUDIÊNCIA DA TV ABERTA NA DÉCADA!

(Keyla Jimenez-Folha SP, 06) Comparando a audiência nacional das TVs abertas na década, as mudanças foram grandes. O SBT perdeu quase 50% de seu público de 2000 até 2010. Caiu de 10,4 pontos de média no país para 5,9 pontos, média do ano passado. Já a Record cresceu 31% na década. Pulou de 5,5 pontos no PNT para 7,2 pontos, média de 2010. A Globo caiu na década 8,5%: registrou em 2000 média de 19,9 pontos e em 2010, 18,2.

* * *

E AS REDES SOCIAIS CRESCEM DE FORMA EXPLOSIVA!

A contagem de Tweets aumentou de 5.000 por dia em 2007 para 90.000.000 diários em 2010, enquanto Facebook passou de 30 milhões de usuários em 2007 para mais de 500 milhões de usuários hoje. Além disso, a cultura da audiência de televisão tem mudado nos últimos anos. Entre os serviços de streaming de mídia na web e, mais recentemente, TV, dispositivos de conexão de Internet como Roku e Boxee, as pessoas têm mais opções do que nunca. Com a capacidade de personalizar notícias e entretenimento que você consome, estas mudanças na forma de assistir televisão tem se tornado mais desejável para muitos.

Autor: Tags: , , , ,

  1. Primeira
  2. 1
  3. 2
  4. 3
  5. 4
  6. 5
  7. Última