Publicidade

Posts com a Tag CPI do Cachoeira

quinta-feira, 31 de maio de 2012 Congresso | 08:05

Se não falar, Demóstens pode sofrer constrangimentos na CPI

Compartilhe: Twitter

Como o requerimento para dispensar a presença do senador Demóstentes Torres (sem partido-GO) de prestar depoimento à CPI do Cachoeira, hoje, não foi apreciado, o parlamentar pode ser alvo de constrangimento por parte de seus pares.

Já que a convocação do senador foi na condição de testemunha, ele não teria, em tese, os mesmo direitos que os demais investigados usufruíram de permanecerem em silêncio para não se auto-incriminarem.

Autor: Tags: , ,

quarta-feira, 30 de maio de 2012 Congresso | 09:16

Aneurisma deve impedir testemunha de depor na CPI

Compartilhe: Twitter

O Presidente da Agência Goiana de Transportes e Obras (Agetop), Jayme Rincón, não deve comparecer na reunião de amanhã da CPI do Cachoeira.

Ele entregou um atestado de saúde ao presidente da comissão, senador Vital do Rêgo (PMDB-PB), no qual relata sofrer de aneurisma cerebral, diagnosticado há cerca de um ano.

Rincón foi um dos principais arrecadadores da campanha que elegeu Marconi Perillo (PSDB) para o governo de Goiás em 2010.

Ele teria participado de conversas envolvendo imóvel de Perillo, que a Polícia Federal suspeita ter sido usado pelo bicheiro Carlinhos Cachoeira para repassar dinheiro ao tucano.

A ausência de Rincón preocupa parlamentares da CPI, porque ele era o único dos cinco depoentes que compareceria amanhã como testemunha, não como acusado. O que aumentaria a chance de que detalhasse o esquema de Cachoeira.

Autor: Tags: , ,

sexta-feira, 25 de maio de 2012 Governo | 16:36

Ministérios têm 30 dias para explicar rompimento de contratos com a Delta

Compartilhe: Twitter

O líder da minoria na Câmara, Mendes Thame (PSDB-SP), enviou requerimentos solicitando informações para que quatro ministérios expliquem as circunstâncias dos cancelamentos ou suspensões dos contratos com a Delta.

O parlamentar quer cópias dos contratos, valores originais, duração, aditivos e motivos das suspensões ou cancelamentos.

Todas as informações têm um prazo legal de 30 dias para serem encaminhadas ao Congresso e depois de analisadas devem ser repassadas para a CPI do Cachoeira.

Autor: Tags: , , ,

quinta-feira, 24 de maio de 2012 Justiça | 19:40

Supremo derruba o sigilo de quase todas as informações de inquéritos que motivaram CPI do Cachoeira

Compartilhe: Twitter

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Ricardo Lewandowski acaba de autorizar a CPI do Cachoeira a derrubar o sigilo de quase todas as informações dos inquéritos que municiam a comissão.

Continuam sigilosas apenas as escutas telefônicas que constam nos inquéritos.

Lewandowski autorizou também o encaminhamento à CPI em mídias eletrônicas das mais de 1 mil horas de gravações da operação Monte Carlo, da Polícia Federal. Estes dados permanecerão sob sigilo.

Na mesma decisão, o ministro autorizou que os investigados na comissão poderão tirar cópias dos autos para formularem suas defesas.

Autor: Tags: , , ,

terça-feira, 22 de maio de 2012 Congresso | 17:53

Tumulto na saída da CPI por causa da mulher de Cachoeira

Compartilhe: Twitter

A mulher do bicheiro Carlinhos Cachoeira, Andressa Alves, causou uma verdadeira “tromba d’água” na saída do depoimento do contraventor após o depoimento da CPI.

Esta foi a primeira oportunidade que Andressa teve para encontrar o marido fora da prisão, desde que ele foi preso pela Polícia Federal, no dia 29 de fevereiro.

Mas ela não pôde ficar muito tempo perto do marido. Como o contraventor não respondeu as perguntas feitas pelos parlamentares, o depoimento foi esvaziado e acabou rapidamente.

Confira o vídeo:

Autor: Tags: , ,

Congresso | 17:02

Carlinhos Cachoeira: antes e depois

Compartilhe: Twitter

Bicheiro Carlinhos Cachoeira em depoimento à CPI do Bingo


Carlinhos Cachoeira ao chegar para prestar depoimento à CPI (Agência Brasil)

Depois de mais de dois meses recluso em um presídio, o bicheiro sofreu algumas mudanças em seu visual.

Autor: Tags: , ,

sexta-feira, 18 de maio de 2012 Brasil | 11:11

Personagens da semana

Compartilhe: Twitter

Procurador-geral da República, Roberto Gurgel quase tomou o lugar de Demóstenes Torres como principal investigado da CPI do Cachoeira. Livrou a Comissão de se transformar num talk show…

E a presidenta Dilma Rousseff quase chorou, na cerimônia de instalação da Comissão da Verdade. Na prática, está ficando cada dia mais parecida com o ex-presidente Lula…

Eles não estão cada dia mais parecidos?

Autor: Tags: , , , , ,

Congresso | 11:00

Para deputado, depoimentos do “baixo clero” de organização criminosa devem incendiar a CPI do Cachoeira

Compartilhe: Twitter

O deputado Sílvio Costa (PTB-PE) afirma que a CPI do Cachoeira deve incendiar a partir do momento em que começarem os depoimentos do “baixo clero” da organização criminosa montada pelo contraventor Carlinhos Cachoeira.

O parlamentar acha temeroso um depoimento do bicheiro antes que os demais investigados sejam inquiridos.

Costa teme que a conduta do bicheiro possa influenciar na postura dos demais investigados.

Confira o vídeo:

Autor: Tags: , ,

Congresso | 07:59

Parlamentares criam grupo dos independentes na CPMI

Compartilhe: Twitter

Um grupo de parlamentares, tanto de oposição como da base aliada, está unido-se para fazer frente ao rolo compressor PT-PMDB dentro da CPI do Cachoeira.

A estratégia é que eles votem sempre juntos para conseguir aprovar requerimentos que sofram resistência por parte da base governista.

O grupo tem se reunido todas as segundas-feiras para definir a estratégia dos trabalhos da comissão.

São eles: senadores Pedro Taques (PDT-MT), Randolfe Rodrigues (Psol-AP), Ricardo Ferraço (PMDB-ES) e os deputados Miro Teixeira (PDT-RJ), Carlos Sampaio (PSDB-SP), Fernando Francischini (PSDB-PR).

Autor: Tags: , ,

segunda-feira, 14 de maio de 2012 Congresso | 12:14

Em depoimento à CPI, procuradores não devem dar detalhes sobre envolvimento de parlamentares

Compartilhe: Twitter

Os procuradores da República Daniel de Rezende e Lea Batista de Oliveira devem depor esta semana na CPMI do Cachoeira.

Eles pretendem detalhar o esquema de jogo ilegal montado pelo bicheiro Carlinhos Cachoeira, mas não devem apresentar muitos detalhes sobre o envolvimento de parlamentares com o contraventor e os possíveis crimes cometidos por diretores da empresa Delta Construção.

Os dois se reuniram por uma hora com o procurador-geral da República, Roberto Gurgel, na semana passada, e ficou definido que os procuradores se restringirão em detalhar apenas o fato denunciado pelo Ministério Público, o esquema de jogo ilegal montado por Cachoeira. Eles não falarão sobre fatos que não tinham competência para investigar ou não era alvo do inquérito policial

Autor: Tags: , , ,

  1. Primeira
  2. 3
  3. 4
  4. 5
  5. 6
  6. 7
  7. Última