Publicidade

Posts com a Tag CPTM

quarta-feira, 26 de março de 2014 Política | 13:30

Ouvinte já havia reclamado da propaganda do Metrô de SP

Compartilhe: Twitter
Reprodução/Twitter

Reprodução/Twitter

A Rádio Transamérica tirou do ar a propaganda do Metrô de SP acusada de sexista na semana passada após uma ouvinte reclamar pelo Twitter.

Jacqueline Barros usou sua rede social, no dia 18, para dizer ao Metrô e à rádio que o conteúdo era “extremamente ofensivo e desrespeitoso” e citou a informação da operação realizada pela polícia para prender os chamados “encoxadores do Metrô”.

Ouça aqui a propaganda do Metrô

Na época, o perfil do Metrô informou que iria “verificar a questão apontada com a área de marketing”.

Já a rádio respondeu à ouvinte com as mesmas informações divulgadas ontem em nota. Jacqueline, então, argumentou que sabia que o personagem era humorístico.

“O ponto que é que associar a “paquera”, “xaveco” ou o que seja a um ambiente de trem lotado, na minha opinião, é de extremo mau gosto.Uma vez q toda mulher q anda de metro/trem sabe o constrangimento que é estar em um trem lotado e sentir alguém se aproveitando dessa situação”.

Leia também: Metrô de SP promete processar rádio por propaganda acusada de machista

Dois dias depois, o perfil da rádio no Twitter informou que o departamento responsável tinha alterado o texto do comercial em consideração ao comentário de Jacqueline.

O PT entrou com uma representação contra a propaganda na última segunda-feira (24). O Metrô diz que o anúncio não foi autorizado e que a rádio será processada.

Saiba mais: PT alega conteúdo machista e pede suspensão de propaganda do Metrô de SP

Autor: Tags: , , , ,

terça-feira, 25 de março de 2014 Política | 21:13

Metrô de SP promete processar rádio por propaganda acusada de machista

Compartilhe: Twitter

O Metrô informou na noite desta terça-feira que pretende processar a rádio Transamérica FM “pelo uso indevido e sem aprovação de seu nome em inserção testemunhal veiculada em programa da emissora”.

A propaganda foi acusada de conteúdo sexista por deputados do PT, que entraram com uma representação no Ministério Público.

Saiba mais: PT alega conteúdo machista e pede suspensão de propaganda do Metrô de SP

Apesar do locutor introduzir a peça dizendo ”o metrô tem uma mensagem especial para você” e divulgar números sobre passageiros e obras de transporte do governo, a rádio informou que a gravação se trata de um “testemunhal” com o “exclusivo intuito de entreter e divertir o público ao passar informações úteis sobre o serviços de transporte público”.

Ouça aqui

“Nem o Metrô nem a agência Nova SB, a qual a Companhia encomendou campanha sobre obras de expansão da rede metroviária, foram informados de que tal conteúdo seria veiculado pela rádio Transamérica”, disse o Metrô em nota. A propaganda já foi retirada do ar.

Leia também: Metrô de SP diz que não autorizou propaganda acusada de machista em rádio

 

 

Autor: Tags: , , , , , , , ,

Política | 19:30

Metrô de SP diz que não autorizou propaganda em rádio acusada de machista

Compartilhe: Twitter

O Metrô de São Paulo afirmou que não autorizou e nem pagará pela propaganda veiculada pela rádio Transamérica, acusada de conteúdo sexista por deputados do PT.

Saiba mais: PT alega conteúdo machista e pede suspensão de propaganda do Metrô de SP

Em nota, o Metrô paulista diz que a inserção é “totalmente inapropriada” e que nunca foi informado pela emissora de rádio de seu conteúdo. “Advertida, a Rádio Transamérica FM tirou o comercial do ar e informou que a produção desse infeliz conteúdo é de sua inteira responsabilidade. Como jamais foi aprovado ou autorizado, esse serviço não foi nem será pago pelo Metrô”, diz a nota do Metrô.

Apesar do locutor introduzir a peça dizendo “o metrô tem uma mensagem especial para você” e divulgar números sobre passageiros e obras de transporte do governo, a rádio informou que a gravação se trata de um “testemunhal” com o “exclusivo intuito de entreter e divertir o público ao passar informações úteis sobre o serviços de transporte público”.

Ouça aqui

A gravação é alvo de representação ao Ministério Público dos deputados Alencar Santana e Luiz Claudio Marcolino, ambos do PT, endereçada, além do Metrô e CPTM, para o secretário da Casa Civil, Edson Aparecido.

“Embora o absurdo da veiculação (da gravação), é má intenção dos deputados incluir a Casa Civil na representação sendo que o Metrô tem conta própria e a Casa Civil não tem a menor responsabilidade sobre veiculação de propaganda”, afirmou Aparecido.

Veja também: ‘Encoxadores’ do metrô marcam encontro pelo Facebook

A empresa diz ainda que “o briefing transmitido à rádio era mostrar a modernidade do Metrô de São Paulo e explicar que a lotação nos horários de pico acontece em todas as grandes cidades do mundo. Além disso, deveriam ser anunciadas as obras de expansão em andamento”.

Em nota, a Rádio Transamérica diz “que o personagem Gavião é caricato e humorístico, restando claro que o testemunhal amplamente apontado tem o exclusivo intuito de entreter e divertir o público ao passar informações úteis sobre o serviços de transporte público”.

Leia também: Metrô promete processar rádio por propaganda machista

Autor: Tags: , , , , , , , ,

Política | 10:00

PT alega conteúdo machista e pede suspensão de propaganda do Metrô de SP

Compartilhe: Twitter

Os deputados estaduais do PT Alencar Santana e Luiz Claudio Marcolino protocolaram  na promotoria de Justiça de Direitos Humanos de São Paulo uma representação contra o secretário da Casa Civil, Edson Aparecido, o diretor presidente da CPTM, Mário Manoel Seabra, e o diretor presidente do Metrô, Luiz Antonio Carvalho Pacheco, pela veiculação de uma propaganda considerada sexista pelos petistas.

Ouça aqui

“Nos horário de pico é normal trem e Metrô ficá lotado. É assim nas grande metrópole espalhada pelo mundo. Pá falá a verdade eu até gosto do trem lotado é bom pra chavecá a mulherada né mano! Foi assim que eu conheci a Giscreusa. Muito já foi feito e o governo sabe que ainda tem muito prá fazê (sic)”, diz a propaganda do governo do estado, veiculada em uma rádio da capital paulista.

Leia também: Metrô de SP diz que não autorizou propaganda acusada de machista em rádio

“Não bastasse o sofrimento vivenciado por homens e mulheres no transporte coletivo oferecido pelo governo do estado, de não  assegurar transporte público digno que garanta tranquilidade e preservação do direito básico da mulher de não ter seu corpo usado como instrumento da satisfação da lascívia masculina, ao contrário, o governo do Estado de São Paulo promove uma campanha publicitária que em nada contribui para a mudança desse estado de coisas e reforça a cultura machista”, diz trecho da representação que pede instauração de inquérito civil e imediata suspensão da propaganda.

Saiba mais: ‘Encoxadores’ do metrô marcam encontro pelo Facebook

Autor: Tags: , , , , , , ,

quinta-feira, 2 de maio de 2013 Governo, Política | 11:00

Alckmin tira verba de expansão da CPTM e coloca em publicidade

Compartilhe: Twitter

O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), retirou R$ 29,5 milhões do orçamento da ampliação da Linha 9-Esmeralda até Varginha e da implantação do Trem Expresso Jundiaí para arcar gastos com publicidade da CPTM.

A medida foi tomada por meio de decreto publicado no início desta semana no Diário Oficial.

Segundo a CPTM, as obras não serão afetadas com a redução da verba pois estão em fase de pré-qualificação das empresas interessadas em executar os projetos. “As propostas já foram recebidas e agora estão em fase de análise técnica. Portanto, o recurso disponível para este ano é suficiente para cobrir as despesas dessa etapa dos dois projetos”, informou a companhia.

A companhia também informou que a dotação para a publicidade será usada em contratos já em vigor para prestação de informações para os usuários sobre as intervenções no sistema ferroviário, “decorrentes das obras de modernização em andamento, além da comunicação das operações especiais, implementadas pela CPTM, em função de grandes eventos do calendário da cidade, como Virada Cultura, Fórmula I, Réveillon, entre outros”.

A expansão da Linha 9 está orçada em R$ 71.5304,04, o decreto tira R$ 5.550,73, 8% do total. Já para o trem de Jundiaí está disponível R$ 60.010 e foi reduzido R$ 10.949,26, 18%.

O governador Geraldo Alckmin (Foto: Mauricio Rummens/Divulgação)

Autor: Tags: , ,

domingo, 2 de dezembro de 2012 Estados | 10:00

Em ano marcado por falhas da CPTM, secretaria usou somente 46% de sua verba orçamentária

Compartilhe: Twitter

Se a população de São Paulo sofreu com as falhas constantes nos trens da CPTM ao longo de 2012, não parece ter sido uma questão de falta de verbas.

O secretário estadual de Transportes Metropolitanos, Jurandir Fernandes, admitiu que sua pasta registrou uma execução orçamentária “baixa”.

De acordo com ele, somente 46% do orçamento de 2012 foram executados até o final de novembro, mas Fernandes justificou que uma verba da Prefeitura, segundo ele incluída equivocadamente na peça orçamentária, colaborou para o índice.

Jurandir disse que se não fosse isso, a execução alcançaria a casa dos 82%, o que ele próprio classificou como algo que “não é bom”.

Fernandes explicou os motivos para o uso limitado da verba alocada para a secretaria.

Assista:

Autor: Tags: ,

quinta-feira, 24 de maio de 2012 Estados | 11:00

PT divulga hoje seu dignóstico de mobilidade urbana e transporte público em São Paulo

Compartilhe: Twitter

Fruto de dois meses de trabalho, o relatório petista Diagnóstico de Mobilidade Urbana e Transporte Público em São Paulo será divulgado na tarde desta quinta-feira.

Segundo a bancada do PT na Assembléia Legislativa de São Paulo, o documento foi inteiramente baseado em dados oficiais para evitar uma guerra de versões quando for apresentado.

Entre os dados que serão apresentados nesta tarde, os petistas dirão que o Metrô deixou de investir R$ 10,34 bilhões de 1999 a 2011, o que pelo estudo seria capaz de ser usado na construção de 25,8 km de rede.

Além disso, o relatório petista aponta que o governo paulista só teria investido 56% do previsto com compra de trens em 2011.

Autor: Tags: , ,

terça-feira, 17 de abril de 2012 Eleições | 10:00

Bancada petista na Assembléia paulista prepara estudo sobre situação do transporte metropolitano

Compartilhe: Twitter

A bancada do PT na Assembléia Legislativa está preparando, a pleno vapor, uma espécie de dossiê do transporte metropolitano em São Paulo.

Técnicos do partido estão debruçados sobre balanços do Metrô e da CPTM desde os anos 1990 e analisando os quatro últimos PPA (Plano Plurianual) divulgados pelo governo do estado.

Os petistas ainda estão cruzando os números com dados do Tribunal de Contas do Estado.

O partido pretende divulgar o diagnóstico no final do mês de maio, quando realizará um seminário sobre mobilidade urbana na Assembléia.

A ideia é que o documento seja totalmente embasado em dados oficiais para evitar que adversários procurem esvaziar o trabalho com base no questionamento da origem dos dados.

O PT pegou o gancho das sucessivas falhas no metrô e na CPTM para tentar demonstrar que o governo no estado não priorizou a área nos últimos anos.

Autor: Tags: , , , , ,