Publicidade

Posts com a Tag cura gay

quinta-feira, 19 de fevereiro de 2015 Congresso | 09:00

Caminho livre para João Campos liderar evangélicos na Câmara

Compartilhe: Twitter
O deputado federal João Campos (PSDB-GO). Foto: Divulgação

O deputado federal João Campos (PSDB-GO). Foto: Divulgação

Autor do polêmico projeto batizado como “Cura Gay”, o deputado João Campos (PSDB-GO) deverá assumir a coordenação da bancada evangélica na Câmara dos Deputados.

O tucano diz ter aparado as arestas com seu único adversário até o momento, Takayama (PSC-PR), que também pretendia disputar o posto.

De acordo com Campos, numa conversa entre os dois, o paranaense teria aberto mão de concorrer e deixado o caminho livre para o tucano, que já liderou os evangélicos na legislatura anterior.

A decisão oficial será tomada na próxima terça-feira e, a não ser que surja um novo interessado, o tucano deve ser referendado como novo líder dos 83 evangélicos eleitos.

Autor: Tags: , , , , ,

sexta-feira, 7 de novembro de 2014 Congresso | 10:30

Pastor Eurico diz que projeto da cura gay não está ‘descartado’

Compartilhe: Twitter
O deputado federal Pastor Eurico (PSB-PE). Foto: Divulgação

O deputado federal Pastor Eurico (PSB-PE). Foto: Divulgação

Fortalecido com o resultado destas eleições, o deputado federal Pastor Eurico (PSB-PE) tem dito que considera reapresentar o polêmico projeto conhecido como “cura gay”, na próxima legislatura. A iniciativa revoga a resolução do Conselho Federal de Psicologia que proíbe os profissionais de tratarem homossexualidade como doença ou de participarem de terapia para alterar a orientação sexual.

“Esse projeto não está de forma alguma descartado. Por que estaria?”, questiona o deputado. “Mas ainda preciso avaliar com meus colegas da bancada evangélica, sobre a possibilidade de reapresentá-lo”, completa. Em junho, Eurico recuou e pediu o arquivamento da proposta, após ser enquadrado pelo conselho de ética do PSB.

Após ser reeleito para seu segundo mandato como o deputado federal mais votado pelo PSB no país, Eurico também tem dito que, na próxima legislatura, seguirá priorizando as comissões de Constituição e Justiça e Direitos Humanos, onde o tema tradicionalmente é pautado.

Leia também: Evangélicos voltam a polemizar sobre ‘ideologia de gênero’

Autor: Tags: , , , , , ,

terça-feira, 24 de junho de 2014 Congresso | 16:30

Pastor Eurico tenta para voltar à CCJ

Compartilhe: Twitter
Deputado Federal Pastor Eurico (PSB-PE). Foto: Agência Câmara

Deputado Federal Pastor Eurico (PSB-PE). Foto: Agência Câmara

Após pedir o arquivamento do projeto sobre a chamada “cura gay” a contragosto, o deputado federal Pastor Eurico (PSB-PE) espera que o partido volte atrás na decisão de retirá-lo da Comissão de Constituição e Justiça da Câmara dos Deputados.

Assista: Pastor Eurico diz não se arrepender de falas contra Xuxa

“Pedi o arquivamento a pedido do partido, para evitar qualquer celeuma. Mas agora a minha prioridade é voltar à CCJ. Assim que voltar a Brasília, no dia 1º, vou exigir minha volta”, garantiu Eurico. “Se não for pelo PSB, será por outro partido”, ressaltou.

O líder do PMDB, Eduardo Cunha (RJ), foi um dos que ofereceu abertamente uma vaga ao deputado, na comissão. Mas, segundo Eurico, vários outros partidos também se prontificaram.

 

Autor: Tags: , , , ,

quinta-feira, 5 de junho de 2014 Congresso | 20:45

Mesmo com processo, Pastor Eurico defende projeto da ‘cura gay’

Compartilhe: Twitter
Deputado Federal Pastor Eurico (PSB-PE). Foto: Agência Câmara

Deputado Federal Pastor Eurico (PSB-PE). Foto: Agência Câmara

Na próxima segunda-feira, o relator do caso contra o deputado federal Pastor Eurico (PSB-PE) no Conselho de Ética do PSB, Alexandre Navarro, irá notificar formalmente o deputado sobre a abertura de um processo, estabelecendo o prazo de 10 dias para a defesa.

Eurico é alvo de uma representação encaminhada por setores do PSB que questionam a iniciativa do deputado de reapresentar o polêmico projeto que defende a chamada “cura gay”. Para fugir de um possível pedido de cassação de mandato ou de desfiliação partidária, uma saída seria pedir o rearquivamento do projeto de lei.

A opção, porém, está no momento completamente descartada pelo pastor. “Sou igual ao Eduardo Campos, não mudo minhas convicções. Meus princípios cristãos são inegociáveis”, afirmou o deputado, que ainda fez referência às recentes declarações de Campos contra a legalização do aborto. “Sou socialista. Sou da paz. Não fiz nada fora da lei e assim como respeito o partido, o partido também tem de respeitar o direito ao contraditório.”

Eurico disse ainda desconhecer o teor do processo, mas reafirmou a defesa do projeto. “Nem sei fazer a conta de quantos amigos gays eu tenho e respeito. Esse projeto não defende nenhuma cura gay, defende o direito de os profissionais exercerem seu trabalho e de qualquer pessoa buscar ajuda.”

Autor: Tags: , , ,

quarta-feira, 14 de maio de 2014 Congresso | 07:30

Evangélicos se uniram para resgatar cura gay

Compartilhe: Twitter
Deputado Federal Henrique Afonso (PV-AC), integrante da Bancada Evangélica. (Foto: Divulgação)

Deputado Federal Henrique Afonso (PV-AC), integrante da Bancada Evangélica. (Foto: Divulgação)

Além da iniciativa do deputado federal pastor Eurico (PSB-PE) para recolocar em pauta o projeto que defende a cura gay, o também evangélico Henrique Afonso (PV-AC) pretende discutir em audiência pública a “perseguição de psicólogos adeptos da cura gay”.

Leia também: Ayres Britto defenderá união homoafetiva na Comissão do Estatuto da Família

O palco para a atuação dos deputados continua sendo a Comissão de Direitos Humanos da Câmara, que foi marcada pela presidência do pastor Marco Feliciano (PSC-SP), no ano passado.

Tanto Eurico como Afonso apresentarão os requerimentos
na CDH. O objetivo é reforçar a imagem de defensora da “família tradicional”, que a bancada evangélica – e o presidenciável pelo PSC, Pastor Everaldo – pretendem usar para conquistar o eleitorado.

Autor: Tags: , , , , , , , ,

sexta-feira, 19 de julho de 2013 Congresso | 11:00

Pai da cura gay desiste de reapresentar projeto neste ano

Compartilhe: Twitter

O deputado João Campos (PSDB-GO) garantiu que não pretende fazer uma nova tentativa de reapresentar o PDC 234/2011, conhecido como projeto da cura gay.

Leia também: Câmara aprova retirada da tramitação da cura gay

No dia 2 de julho, a proposta foi enterrada graças a uma articulação do presidente da Câmara dos Deputados, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), que colocou a proposta para votação no plenário prevendo sua derrota.

Campos entendeu o movimento, se antecipou e aprovou um requerimento para retirada de pauta do projeto, impedindo que ele voltasse à pauta neste ano, mas evitando que ele fosse definitivamente enterrado.

“Temos outros projetos para nos dedicar”, disse ele sem, contudo, entrar em detalhes a respeito de quais propostas pretende apresentar na volta do recesso.

Autor: Tags: , , ,

quinta-feira, 11 de julho de 2013 Congresso | 12:13

‘Xii…Acho que vou experimentar essa cura gay’, brinca Jean Wyllys sobre Antonia Fontenelle

Compartilhe: Twitter
Jean Wyllys (Foto: Dida Sampaio/AE)

Jean Wyllys (Foto: Dida Sampaio/AE)

Provocou risos no plenário da Câmara dos Deputados, na noite de ontem, uma notícia que pouco tinha a ver com a pauta da Casa. O assunto de uma roda de parlamentares era, nada menos, que a declaração da atriz Antonia Fontenelle sobre seu ensaio na revista Playboy.

Saiba mais:  ‘Eu sou a cura gay, meu amor’, diz Antonia Fontenelle

Diante da afirmação da atriz de que ela própria é “a cura gay”, feita na rede social Instagram, o deputado Jean Wyllys, um dos principais opositores do projeto que permitia a psicólogos oferecer tratamento para a orientação sexual, disparou: “Xii…Acho que eu vou experimentar essa cura gay. Será?”.

Autor: Tags: , , ,

terça-feira, 2 de julho de 2013 Congresso | 19:50

Câmara aprova retirada da tramitação da cura gay

Compartilhe: Twitter

A Câmara dos Deputados aprovou há pouco a retirada da tramitação do PDC 234/2011, conhecido como projeto da cura gay. O presidente da Casa, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), tinha intenção de votar o projeto no Plenário, mas o autor da matéria, deputado João Campos (PSDB-GO), agiu antes e propôs a retirada da pauta.

Leia também: Pai da ‘cura gay’ diz que esperava aplausos da comunidade LGBT

Com isso, Campos evitou a morte da proposta. Com essa retirada, a proposta da cura gay não poderá ser reapresentada nesta legislatura. Mas a bancada evangélica e aliados de Campos já se debruçam sobre o regimento da Casa para saber se há alguma alternativa para a retomada do projeto.

A votação foi aprovada por todos os partidos e blocos partidários, com exceção do PSOL, que queria votar definitivamente a matéria.

Campos revelou desconforto com o seu partido, o PSDB, pela forma como seus correligionários lidaram com a situação.

Assista:

[kml_flashembed movie="http://www.youtube.com/v/AKuZNJQfoRk" width="640" height="480" allowfullscreen="true" fvars="fs=1" /]

Autor: Tags: ,

Congresso | 11:13

Deputados montam operação para tentar derrubar cura gay

Compartilhe: Twitter

Vários setores da Câmara dos Deputados seguem nesta nesta terça-feira num esforço para enterrar o projeto que dá a psicólogos o direito de oferecer tratamento para a orientação sexual, apelidado de ‘cura gay’. O PSOL, com reforço do presidente da Câmara, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), tentará aprovar um requerimento de urgência para o texto.

Se o pedido for aprovado, o texto pode ser votado ainda nesta semana no plenário da Casa, descartando a necessidade de a proposta tramitar ainda por várias comissões.

Por via das dúvidas, setores do PT seguem atuando em outras frentes para tentar barrar o avanço do projeto. É o caso da deputada Érika Kokay, que tenta conseguir a relatoria do projeto na Comissão de Seguridade Social, próxima etapa de apreciação do projeto, caso seja mantido o rito normal de tramitação da proposta.

Autor: Tags: ,

quinta-feira, 27 de junho de 2013 Brasil | 19:25

Dilma terá encontro com movimento LGBT e deve discutir ‘cura gay’

Compartilhe: Twitter

Em mais uma resposta aos protestos que tomam o país, a presidente Dilma Rousseff receberá amanhã, pela manhã, representantes do movimento LGBT. É esperada uma discussão sobre o polêmico projeto que trata da “cura gay”, aprovado na semana passada pela Comissão de Direitos Humanos da Câmara, presidida pelo deputado Marco Feliciano (PSC-SP).

O Planalto é contrário ao projeto, que pretende permitir que psicólogos ofereçam serviços para tratar a orientação sexual.

Antes do encontro com o movimento LGBT, Dilma também fará uma reunião com outros movimentos ligados à juventude. Estão na lista de convidados líderes da  Marcha das Vadias e da União Nacional dos Estudantes (UNE).

Autor: Tags: , , , , ,

  1. Primeira
  2. 1
  3. 2
  4. Última