Publicidade

Posts com a Tag CUT

terça-feira, 30 de dezembro de 2014 Governo | 09:00

Grupos preparam ato pela reforma política na posse de Dilma

Compartilhe: Twitter

Após organizarem o plebiscito popular pela reforma política, entidades e movimentos sociais convocaram militantes de todo os estados para protestarem na posse presidencial, em defesa de uma assembleia constituinte sobre o tema.

Em setembro, o grupo reuniu mais de 7,5 milhões de assinaturas favoráveis ao plebiscito, que foram entregues à presidente Dilma Rousseff antes mesmo do segundo turno. Ao todo, mais de 500 entidades participaram da realização do plebiscito, entre elas  CUT, MST, MTST, ABGLT, Marcha Mundial de Mulheres, Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral e partidos como PT, PSOL, PCdoB e PSB.

Saiba mais: Ativistas rejeitam referendo pela reforma política e pedem plebiscito

Autor: Tags: , , , , , , , , , , ,

quinta-feira, 18 de dezembro de 2014 Governo | 19:30

Movimentos de juventude pedem mais ‘peso político e autonomia’ no governo

Compartilhe: Twitter
Presidente Dilma reunida com movimentos da juventude, após as manifestações de 2013. (Foto: Roberto Stuckert - PR)

Presidente Dilma reunida com movimentos da juventude, após as manifestações de 2013. (Foto: Roberto Stuckert – PR)

Uma carta assinada por mais de 17 organizações representantes da juventude pede à presidente Dilma Rousseff que eleve o status da Secretaria Nacional de Juventude ao de Secretaria Especial, “possibilitando maior peso político e autonomia orçamentária” para processar as demandas da área.

“Nesse processo de transição, questionamos qual o lugar das políticas para a Juventude na agenda do próximo mandato?”, diz o documento elaborado por movimentos como MST, CUT, Contag, ABGLT, Fora do Eixo, Pastoral da Juventude Rural, Levante Popular da Juventude e Fórum Nacional de Juventude Negra.

O documento também resgata mobilizações como as “jornadas de junho” e os “rolezinhos”, para exemplificar “uma ebulição crescente” entre os jovens e defende a necessidade de “um aporte orçamentário correspondente à dimensão e à importância desse segmento na sociedade brasileira”, para que as promessas de priorização do tema sejam cumpridas.

Autor: Tags: , , , , , , , ,

terça-feira, 4 de novembro de 2014 Congresso | 13:30

CUT faz três dias de protesto pró-decreto da participação social

Compartilhe: Twitter

A Central Única dos Trabalhadores iniciou, nesta tarde, uma mobilização de sindicatos e movimentos sociais na Esplanada dos Ministérios, para protestar contra a votação da Câmara que derrubou o decreto presidencial que institui a Política Nacional de Participação Social.

Na convocatória, os sindicalistas afirmam que “este será o terceiro turno das eleições” e que precisam sair vitoriosos assim como ocorreu na reeleição da presidente Dilma Rousseff. Cada sindicato foi chamado a levar o máximo de militantes para engrossar o ato na tenda da CUT, que ficará montada até quinta-feira.

“Estamos na reta final de um ano bastante difícil, mas devemos estar atentos de maneira a evitar que este e outros projetos de interesse dos trabalhadores sejam votados na calada da noite, sem que o povo tenha conhecimento”, diz o chamado.

Leia mais: ‘Querem continuar a disputa eleitoral’, diz petista sobre oposição

Autor: Tags: , , ,

terça-feira, 15 de julho de 2014 Internacional | 13:30

Movimentos sociais pedem asilo a Snowden em ato no Ministério da Justiça

Compartilhe: Twitter
Edward Snowden (Foto: Creative Commons/Laura Poitras/Praxis Films)

Edward Snowden (Foto: Creative Commons/Laura Poitras/Praxis Films)

Movimentos sociais aproveitarão o encerramento da 6a Cúpula dos BRICS, amanhã, em Brasília, para pedir uma resposta do governo brasileiro sobre o pedido de asilo a Edward Snowden – cujo visto na Rússia vence no próximo dia 31.

Em uma carta, que será entregue no Ministério da Justiça, as organizações afirmam que as denúncias de espionagem feitas pelo ex-técnico da Agência Nacional de Segurança dos EUA possibilitaram ao Brasil adotar medidas que resultaram em uma “posição de liderança global na defesa de uma Internet regulada e respeitosa dos direitos humanos”.

O documento é assinado por movimentos como Fórum Nacional pela Democratização da Comunicação, MST, CUT, CTB, Fora do Eixo, Avaaz, Conselho Federal de Psicologia e Internet Sans Frontières, que relembram também a aprovação do Marco Civil da Internet e a realização do NETMundial – “primeiro encontro mundial e multissetorial tendo como agenda central o debate sobre o futuro de uma nova governança da Internet”.

Veja também: MST se oferece para abrigar Julian Assange em assentamento

Autor: Tags: , , , , , , ,

sexta-feira, 16 de maio de 2014 Congresso | 17:33

CUT e juventude do PT se articulam contra projeto sobre vandalismo

Compartilhe: Twitter

A juventude petista, na companhia da CUT e outros movimentos sociais, está se articulando para evitar a aprovação do PLS 508/2013, que aumenta o rigor para a punição de atos de vandalismo e pode atingir diretamente as manifestações previstas para este ano.

Na próxima segunda-feira, os movimentos se reunirão em Brasília, na sede da CUT, para discutir o tema e tentar segurar a votação, prevista para a terça-feira seguinte, na Comissão de Constituição e Justiça do Senado.

Leia também: Dilma defende lei rigorosa contra vandalismo durante manifestações

“Este projeto vai na contramão do que hoje é aplicado por juízes e tribunais, os quais costumam utilizar o contexto de multidão e forte emoção como atenuantes de pena e não como agravantes como estabelece essa proposta”, afirma a nota oficial, assinada pela JPT e por movimentos como CUT, MST, Via Campesina e Central dos Movimentos Sociais.

A nota diz ainda que “parlamentares de vários partidos arquitetaram uma ofensiva conservadora com o objetivo de emplacar medidas que reprimam ou dificultem mobilizações”, que resultaram no projeto de autoria do senador Armando Monteiro (PTB-PE) e substitutivo de Pedro Taques (PDT-MT).

O secretário-Geral da Presidência da República, Gilberto Carvalho, também já anunciou que o governo também não pretende apoiar a iniciativa – que havia sido escolhida pelo governo após a polêmica em torno da Lei Antiterrorismo, como uma forma de se preparar para as manifestações anunciadas.

Autor: Tags: , , , , ,

segunda-feira, 28 de abril de 2014 Eleições | 07:00

Armando Monteiro ganha apoio de centrais sindicais para disputar em Pernambuco

Compartilhe: Twitter

O senador Armando Monteiro, pré-candidato do PTB ao governo de Pernambuco, conseguiu o apoio de três importantes centrais sindicais:  Central Única dos Trabalhadores (CUT), Força Sindical e União Geral dos Trabalhadores (UGT).

O  deputado federal João Paulo (PT-PE) –que será candidato ao Senado na chapa de Monteiro- ajudou nas negociações.

Leia também: Armando Monteiro tenta unificar PT pernambucano

Autor: Tags: , , , , , ,

quarta-feira, 16 de abril de 2014 Política | 18:50

CUT sai em defesa de policiais grevistas da Bahia

Compartilhe: Twitter

O presidente nacional da CUT, Vagner Freitas, defendeu os policiais civis e militares e bombeiros da Bahia que estão em greve e colocou a central à disposição dos grevistas.

O governo da Bahia solicitou ao governo federal autorização para o emprego das Forças Armadas na segurança pública do estado. Da Bahia, Freitas afirmou que o governo precisa abrir diálogo com os trabalhadores.

O governador Jaques Wagner (PT-BA) informou que criará um grupo de trabalho específico para estudar o sistema remuneratório da PM.

Leia também:  Com polícia em greve na Bahia, Forças Armadas fazem segurança pública

Autor: Tags: , , , ,

segunda-feira, 31 de março de 2014 Congresso | 17:00

Em apoio a Gabrielli, petistas e petroleiros se reúnem em Salvador

Compartilhe: Twitter
Reunião de apoio a ao ex-presidente da Petrobras, José Sergio Gabrielli, no restaurante Barbacoa, em Salvador (Foto: Divulgação)

Reunião de apoio ao ex-presidente da Petrobras, José Sergio Gabrielli, no restaurante Barbacoa, em Salvador. (Foto: Divulgação)

Como parte da estratégia de enfrentamento à CPI da Petrobras, o PT da Bahia realizou hoje um almoço de apoio ao ex-presidente da Petrobras, José Sérgio Gabrielli. Além da bancada de vereadores e deputados estaduais e federais do partido, também participaram do encontro a CUT e a Federação Única dos Petroleiros.

No encontro, a ordem foi jogar mais uma vez com o discurso de privatização, para tentar passar a bola para a oposição. “É bom lembrar que o PSDB e o DEM, quando governaram o país, fizeram de tudo para privatizar a Petrobras. Temos que qualificar esse debate em defesa da empresa estatal contra a utilização eleitoral deste caso pela oposição”, disse o deputado Valmir Assunção (PT-BA).

Leia mais: Berzoini é só CPI da Petrobrás 

Autor: Tags: , , , , , , ,

sexta-feira, 31 de janeiro de 2014 Eleições | 06:00

No ano eleitoral, Lula veste a camisa de líder sindical

Compartilhe: Twitter

Com a aproximação da eleição, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva começa a vestir a camisa de líder sindical. Essa versão do ex-presidente, admitem os mais próximos a ele, deve aparecer com uma frequência cada vez maior na medida em que a disputa pelo Palácio do Planalto começar a esquentar. Leia também: Com Lula e Dilma, PT fala em dupla candidatura presidencial

Lula, no 1º de maio da CUT de 2010, ano em que disputou a reeleição (Foto: Blog do Planalto)

Lula, no 1º de maio da CUT de 2010, ano em que disputou a reeleição (Foto: Blog do Planalto)

Petistas reconhecem que não é exatamente o Lula de antigamente, mas  uma versão “lapidada”, ou seja, mais palpável para a classe média. É esse Lula que tende a percorrer o país em campanha nos próximos meses, principalmente nos horários em que a presidente Dilma Rousseff estiver despachando no Palácio do Planalto. O plano traçado pelo PT começa a ficar evidente neste fim de semana, quando o ex-presidente vai estrelar um ato convocado pela CUT. O palanque será montado na tarde de sábado, em São Bernardo do Campo, berço político do PT e do próprio Lula. Oficialmente, o motivo do ato é prestar uma homenagem a trabalhadores perseguidos pelo regime militar. Em geral, é nesse ambiente que Lula investe num figurino  mais próximo ao dos tempos de líder sindical. Ele já começou a deixar a barba crescer – os fios ainda estão fracos devido ao tratamento contra o câncer – e, se seguir o script de outros eventos semelhantes, pode aparecer vestindo uma camisa com as mangas curtas ou arregaçadas, quem sabe até vermelha, ou mesmo um boné da CUT. Quando a plateia é de sindicalistas, Lula costuma falar muito. Chega a se estender por mais de uma hora ao microfone. Sempre com ataques aos adversários políticos. 

Autor: Tags: , , ,

terça-feira, 7 de janeiro de 2014 Política | 14:30

Centrais sindicais farão homenagem a vítimas da ditadura

Compartilhe: Twitter

As principais centrais sindicais do país preparam um ato em homenagem a trabalhadores e líderes sindicais que foram alvo de repressão durante o regime militar.

A iniciativa partiu de um grupo de sindicalistas ligados à Comissão Nacional da Verdade e será realizado no dia 1º de fevereiro, em São Bernardo do Campo, na região metropolitana de São Paulo.

Várias centrais participam do encontro, entre elas CUT, Força Sindical, UGT e CGTB.

 

Autor: Tags: , , , , , ,

  1. Primeira
  2. 1
  3. 2
  4. 3
  5. 4
  6. 5
  7. Última