Publicidade

Posts com a Tag DEM

sexta-feira, 28 de março de 2014 Congresso | 12:00

Autor de projeto que restringiu acesso ao fundo partidário critica proposta semelhante

Compartilhe: Twitter
Deputado Edinho Araújo (PMDB-SP) (Foto: Lúcio Bernardo Jr / Divulgação)

Deputado Edinho Araújo (PMDB-SP) – (Foto: Lúcio Bernardo Jr / Divulgação)

Autor de uma das leis mais polêmicas sobre a distribuição do fundo partidário e do tempo de rádio e TV, o deputado federal Edinho Araújo (PMDB-SP) criticou os novos projetos sobre o tema.

“Sou contra. É inconstitucional”, afirmou Araújo sobre as Propostas de Emenda Constitucional 344 e 345, de autoria do deputado Mendonça Filho (DEM-PE).

“Meu projeto estabelece a forma de acesso aos recursos, mas essa PEC não dá nem condições para os partidos disputarem”, afirmou Araújo, autor do texto que condicionou a distribuição do fundo partidário e do tempo de campanha à votação do partido – e não mais à presença deles na Casa, em 2013.

Pela nova proposta do líder do DEM, apenas partidos que tenham concorrido às eleições e eleito pelo menos 3% dos membros da Câmara dos Deputados teriam acesso aos recursos do fundo partidário e à campanha gratuita. Dessa forma, partidos como PCdoB, Psol, PSC, PV e PPS correriam o risco de desaparecer dos rádios e TVs.

O texto está na pauta da Comissão de Constituição e Justiça, de onde segue para o Plenário da Câmara. Na última quinta-feira, o deputado federal Chico Alencar (PSOL-RJ) apresentou voto em separado, contrário às propostas.

Autor: Tags: , , , , , , , , , ,

quarta-feira, 26 de março de 2014 Congresso | 09:00

Aécio planeja esticar o debate sobre o Bolsa Família no Senado

Compartilhe: Twitter
Senadores Agripino Maia (DEM-RN) e Aécio Neves (PSDB-MG) - (Foto: Agência Senado)

Senadores Agripino Maia (DEM-RN) e Aécio Neves (PSDB-MG) – (Foto: Agência Senado)

Tanto o governo como a oposição montaram uma força-tarefa no Senado, para a reunião da Comissão de Assuntos Sociais do Senado desta quarta-feira, em que deve ser votado o projeto de autoria do senador Aécio Neves (PSDB-MG), que altera o Bolsa Família.

A proposta do tucano estipula um prazo de seis meses para as famílias que não se encaixam mais nos critérios do programa façam a transição.

Para Aécio, no entanto, a prioridade ainda não é aprovar o projeto.

Na última reunião, o tucano comentou com o colega senador Agripino Maia (DEM-RN) que o governo estava mordendo a isca e que, quanto mais o debate fosse esticado, melhor para as eleições.

 

Autor: Tags: , , , , ,

segunda-feira, 24 de março de 2014 Eleições | 17:00

Tucano coloca panos quentes em demora para definição de chapa na Bahia

Compartilhe: Twitter
Líder do PSDB na Câmara, Antônio Imbassahy aposta em oposição unificada

Líder do PSDB na Câmara, Antônio Imbassahy aposta em oposição unificada

O deputado federal baiano Antônio Imbassahy, líder do PSDB na Câmara, justificou a demora na escolha da chapa de oposição ao governo da Bahia com um esforço de garantir a unidade do grupo.

“Temos dois candidatos com uma possibilidade de vitória muito grande. Nosso esforço é para que todos estejamos juntos”, afirmou Imbassahy.

Frente às cobranças por mais agilidade na decisão – feitas inclusive pelo irmão de Geddel, o deputado federal Lucio Vieira Lima (PMDB-BA) -, o tucano defendeu o processo de negociações encabeçado pelo prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM). “Ele está conduzindo tudo de  forma muito responsável”, garantiu.

Nem mesmo na festa de 15 anos da filha de Geddel, que reuniu toda oposição no último sábado, em Salvador – a conversa avançou. “Teve comentários, conversas de todo o tipo, natural de um ambiente como esses, mas nada de novo foi definido”, disse Imbassahy.

No momento, a prioridade do PSDB é emplacar o nome de João Gualberto – seja para vice ou senado -, na chapa do grupo que garantiu a eleição de ACM Neto à prefeitura de Salvador.

Autor: Tags: , , , , , , , ,

quarta-feira, 19 de março de 2014 Congresso | 21:16

Após visita de Chioro, deputados pedem mais explicações sobre saúde índigena

Compartilhe: Twitter

O ministro da Saúde, Arthur Chioro, defendeu o programa Mais Médicos e apresentou explicações sobre repasses da Secretaria Especial de Saúde Indígena a organizações não-governamentais durante sessão na Comissão de Fiscalização e Controle da Câmara dos Deputados.

O ministro esteve na comissão atendendo a convite de iniciativa do líder do DEM na Casa, Mendonça Filho.

Não satisfeito com as explicações do ministro, o deputado Edio Lopes (PMDB-RR) solicitou a Chioro que preparasse um relatório completo das organizações que recebem recursos federais para a saúde indígena.

O presidente da Comissão, Hugo Motta (PMDB-PB), se comprometeu a formalizar o pedido.

Assista:

Autor: Tags: , , , , , , , , , ,

quinta-feira, 13 de março de 2014 Congresso | 12:00

Após bate-boca em comissão, petista critica Lei de Licitações

Compartilhe: Twitter

Um debate acalorado entre os deputados Nelson Pellegrino (PT-BA) e Onyx Lorenzoni (DEM-RS) marcou a reunião desta quarta-feira na Comissão Mista sobre a  Medida Provisória (MP) 630/2013, que estende o Regime Diferenciado de Contratações Públicas (RDC) a obras do sistema prisional.

Depois de críticas de Lorenzoni ao relatório da senadora Gleisi Hoffman (PT-PR), o baiano acusou o DEM de incoerência e uso irregular do RDC citando o prefeito de Salvador ACM Neto.

“Era um dos que mais  condenaram o RDC. Agora, como prefeito de Salvador, mudou completamente o discurso. Está fazendo uma obra de R$57 milhões sem licitação, pelo regime do RDC e já está anunciando uma outra de R$100 milhões pelo RDC também”, disse o petista

O correligionário do prefeito baiano respondeu o petista tem dor de cotovelo por ter perdido a eleição para ACM Neto.

Depois do bate-boca, Pellegrino reforçou sua defesa do RDC e criticou a Lei de Licitações.

Assista:

Autor: Tags: , , , , , , , , , , ,

terça-feira, 11 de março de 2014 Congresso | 19:53

Líder do PMDB quase acaba dentro de reunião do DEM

Compartilhe: Twitter
Eduardo Cunha quase acaba dentro de reunião do DEM (foto: Alan Sampaio iG/Brasília)

Eduardo Cunha quase acaba dentro de reunião do DEM (foto: Alan Sampaio iG/Brasília)

O líder do PMDB na Câmara, Eduardo Cunha (RJ), quase cometeu uma gafe, durante a reunião da bancada pemedebista que discutiu a crise com o PT.

Ao voltar de uma saidinha, o deputado não deu nenhuma declaração aos jornalistas sobre o aguardado resultado da reunião, mas foi marcado de perto pela imprensa.

Por causa da aglomeração, Cunha enganou-se de porta e entrou na sala onde se reuniria a bancada do DEM. A piada foi inevitável e o líder acabou questionado se tratava-se de uma sinalização sobre a decisão do partido. Cunha apenas sorriu.

Autor: Tags: , , ,

quarta-feira, 26 de fevereiro de 2014 Congresso | 15:00

Garotinho perde ipad no plenário

Compartilhe: Twitter

O líder do PR na Câmara dos Deputados, Anthony Garotinho (RJ) tomou um susto na sessão de ontem.

É que Garotinho perdeu seu ipad durante a tumultuada sessão que deliberava sobre a criação de uma comissão externa para investigar supostas irregularidades na Petrobras na Holanda.

Depois de muito procurar, Garotinho localizou o ipad esquecido próximo espaço em que ficam os deputados do DEM.

Autor: Tags: , , , ,

Eleições | 10:30

Tucanos tentarão convencer Geddel a desistir de candidatura na Bahia

Compartilhe: Twitter

Parte do PSDB baiano tem tentado convencer Geddel Vieira Lima (PMDB-BA) a deixar de concorrer ao governo do estado e entrar na coligação para a eleição de Paulo Souto (DEM). Para isso, a aliança já ofereceu a Geddel a vaga para disputar o Senado.

O argumento é de que pesquisas não registradas, encomendadas pelos partidos no final de janeiro apontam um cenário mais favorável ao candidato apoiado pelo prefeito de Salvador, Antônio Carlos Magalhães Neto.

Para os tucanos, a definição sobre quem será o candidato só ocorrerá após o Carnaval. DEM, PSDB, PV, PTN, PROS, PPS Já tomaram a decisão de caminharem juntos na Bahia. Já o PMDB quer exatamente o contrário do que quer o PSDB: ter Geddel como cabeça de chapa e dar a Paulo Souto a vaga ao Senado.

Autor: Tags: , , , , , ,

sexta-feira, 14 de fevereiro de 2014 Eleições | 16:45

Reunião que deve definir futuro de Caiado fica para próxima semana

Compartilhe: Twitter

Um contratempo fez o deputado Ronaldo Caiado (DEM-GO) cancelar a reunião da Executiva do DEM que começaria a discutir o futuro eleitoral do ex-líder do partido na Câmara dos Deputados.

Leia mais: ‘Ninguém valoriza um partido que fica em posição acessória’, diz Ronaldo Caiado

Caiado teve de viajar para São Paulo por causa de uma emergência familiar.

O encontro deverá ser realizado na quarta-feira. Caiado está entre uma candidatura ao Senado e uma tentativa de disputar o governo de Goiás.

Autor: Tags: , , ,

terça-feira, 11 de fevereiro de 2014 Congresso | 13:48

Deputado do DEM anuncia aposentadoria e pede presidência de comissão de saideira

Compartilhe: Twitter

O deputado Júlio Campos (DEM-MT) já comunicou a bancada do seu partido que não pretende disputar a reeleição, mas se empenhará para eleger um sucessor.

“Não pretendo renovar meu mandato, mas mando um filho para cá. Um eu garanto”, disse ele diante das projeções que o partido tem feito sobre a necessidade de aumentar a bancada na próxima legislatura.

De saída, Campos pediu, digamos, um último gesto dos correligionários, ser o indicado pelo partido para a presidência de uma das comissões permanentes da Casa. “No encerramento de minha carreira, acho que mereço essa confiança”, disse o deputado.

Autor: Tags: , ,

  1. Primeira
  2. 3
  3. 4
  4. 5
  5. 6
  6. 7
  7. 10
  8. 20
  9. 30
  10. Última