Publicidade

Posts com a Tag Eduardo Paes

sábado, 26 de novembro de 2011 Eleições | 19:01

Vice de Paes: “Só o Molon está contra aliança com o PMDB”

Compartilhe: Twitter

O vereador Adilson Pires, indicado nesta manhã no encontro municipal do PT do Rio como candidato a vice na chapa do prefeito Eduardo Paes, rebate as alegações do deputado federal Alessandro Molon sobre a legitimidade do evento para deliberar pela aliança com o PMDB:

– Respeito a posição do Molon, não há problema nenhum de ele se manifestar, mas essa é uma opinião apenas dele. A aliança com o PMDB e a minha indicação para vice foram aprovadas por quase a unanimidade dos 200 delegados eleitos. Só o Molon está contra a aliança com o PMDB. Quando era a favor dele, ele achava que era legítimo.

Em 2008, Molon foi candidato a prefeito e teria o apoio do PMDB, que desistiu de apoiá-lo na última hora. Pires faz questão de destacar que o acordo do PT do Rio de Janeiro com os peemedebistas teve o aval da presidenta Dilma Rousseff, do ex-presidente Lula e do presidente nacional do partido, Rui Falcão.

– Em agosto, a Executiva Nacional em peso veio ao Rio para dizer que estava de acordo com o que está sendo feito aqui.

Segundo Pires, o caso do Rio reflete a nova postura do partido de fazer alianças e abandonar “uma época juvenil do PT que pensava que era tão bom que não podia se unir a ninguém e podia vencer sozinho”.

Em 2008, o PT elegeu três vereadores. Em 2012, o partido espera, segundo Pires, dobrar esse número. A indicação de Pires será oficializada apenas em 2012 na convenção legal dos dois partidos.

Autor: Tags: , , , , ,

Eleições | 13:34

Aliança para reeleição de Eduardo Paes racha o PT do Rio

Compartilhe: Twitter

Agora há pouco, no auditório da ABI, no Rio de Janeiro, o prefeito Eduardo Paes e o ministro da Pesca, Luiz Sérgio, presidente do PT fluminense, tentaram promover um ato para dar como fato consumado o apoio dos petistas à reeleição do peemedebista em 2012.

Com a presença do presidente do PMDB, Jorge Picciani, as cúpulas dos dois partidos queriam cravar, no evento, a indicação do vereador Adilson Pires, líder do governo Paes na Câmara, como vice na chapa da reeleição. Pires até tuitou ontem:

–  PT-RJ vai confirmar em reunião amanhã meu nome como vice na chapa de Eduardo Paes, que concorrerá à reeleição em 2012.

Cenário armado, o deputado federal Alessandro Molon foi chamado para compor a mesa e implodiu o suposto acordo. Ele disse que não reconhecia aquele ato, a indicação e que a militância petista deve ser ouvida sobre o fato inédito: a aliança que deixaria o PT sem candidato próprio a prefeito do Rio.

– Ao contrário do que o Picciani disse em entrevista o iG, o PT tem sim lideranças fortes para a disputa e não precisa ser burro de carga do PMDB. O projeto do PMDB do Rio é fazer do PT um partido subalterno para tentar se manter no poder até 2022 – disse Molon ao Poder Online.

E mais:

– A cúpula do PT do Rio tem uma visão menor nessa disputa, não a visão de cidade que o eleitor espera do PT. Quer o caminho mais fácil para se manter no poder e não o melhor caminho para o Rio.

O PT do Rio, claro, tem lá o seu espaço hoje no governo de Paes.

Assista o vídeo do momento em que Molon recusou participar da mesa:

Autor: Tags: , , , ,

quarta-feira, 19 de outubro de 2011 Cidades | 12:11

Britney Spears, Ringo Star e João Gilberto desafiam Eduardo Paes

Compartilhe: Twitter

Sempre presente nos grandes eventos musicais da cidade, o prefeito do Rio de Janeiro vai ter que se desdobrar no dia 15 de novembro.

O feriadão terá três atrações: nada mais nada menos que Britney Spears, uma das maiores cantoras pop da atualidade (Praça da Apoteose), o ex-beatle Ringo Star (Citibank Hall) e o ícone bossa-novista João Gilberto (Theatro Municipal).

Mas é tudo no mesmo horário. E agora Eduardo Paes?

Autor: Tags: , , ,

quinta-feira, 13 de outubro de 2011 Brasil | 18:53

Ator de Monty Python grava documentário no Rio de Janeiro

Compartilhe: Twitter

Michael Palin e Eduardo Paes (Foto: Luiz Antonio Ryff)

Ex-integrante do grupo Monty Python, Michael Palin, está no Brasil gravando o especial Brazil with Michel Palin para a BBC. Hoje à tarde, o britânico, encontrou-se com o prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes.

Ator conhecido por comédias como A Vida de Brian, Em Busca do Cálice Sagrado e O Sentido da Vida, Palin já esteve no Brasil três vezes para gravar o especial. Já foi a Recife, São Luís e Salvador.

Uma viagem para a Amazônia também está no roteiro. O documentário será  exibido, em quatro episódios, no segundo semestre de 2012.

Autor: Tags: , , , ,

quinta-feira, 16 de junho de 2011 Estados | 15:58

PSOL carioca acusa Eduardo Paes, do PMDB, de privatista

Compartilhe: Twitter

Do vereador carioca Eliomar Coelho (PSOL) agora há pouco no twitter:

– Está para ser votado aqui na Câmara a privatização do Esgoto da Zona Oeste… que mais o [Eduardo] Paes quer privatizar?

O prefeito do Rio, como se sabe, é do PMDB, partido que venceu as eleições aliado ao discurso anti-privatização do PT.

Autor: Tags: , , , ,

sexta-feira, 6 de maio de 2011 Eleições | 08:01

No Rio, prefeito Eduardo Paes conquista o voto de Miro Teixeira

Compartilhe: Twitter

Não é à toa que o ex-deputado Fernando Gabeira (PV), que foi candidato a prefeito do Rio de Janeiro em 2008, apontou em entrevista aqui no Poder Online que “a oposição está em extinção no Rio”.

Candidato à reeleição, o peemedebista Eduardo Paes acaba de conquistar um apoio de peso: o do deputado federal Miro Teixeira (PDT), por duas vezes o mais votado no Estado.

— Eu já decidi que votarei no Eduardo. Nem se trata de aliança partidária, nada. Uma decisão pessoal. Só isso: gosto do jeito como ele está gerindo a cidade — disse Miro a amigos num, restaurante de Brasília ontem.

Autor: Tags: , , , , , , , ,

domingo, 24 de abril de 2011 Eleições | 06:02

Fernando Gabeira: “A oposição está em extinção no Rio”

Compartilhe: Twitter

Fernando Gabeira (Foto: Valéria Gonçalvez/AE)

O ex-deputado federal Fernando Gabeira foi candidato a prefeito do Rio de Janeiro pelo PV em 2008, quando obteve o apoio de 49,17% dos eleitores, e a governador em 2010, com 20,68% dos votos de todo o Estado.

Um bom patrimônio eleitoral. Mas ele agora não sabe se vai concorrer a prefeito em 2012. Por dois motivos: a) “saí muito duro da campanha”;  b) “o PV do Rio está sendo seduzido a apoiar a reeleição do Eduardo Paes”.

Em entrevista ao Poder Online, Gabeira detalhou melhor a situação:

Poder Online — O senhor será candidato a prefeito do Rio em 2012?

Fernando Gabeira — Não digo que não. Mas acho muito difícil. Saí da campanha muito duro, muito sem grana. Estou tendo que trabalhar muito, tocar a minha vida. Também não sei se pega bem no eleitorado essa coisa de sair candidato em todas as eleições. E, além do mais, o PV está flertando com o prefeito Eduardo Paes (PMDB).

Poder Online — O PV também? O PPS do Rio já está em plena negociação com o PMDB para aderir. Isso não é fruto do racha nacional do PV? O racha não espantou possíveis aliados em 2012?

Fernando Gabeira — Acho que não é isso. O problema aqui no Rio é o Eduardo Paes. Ele está querendo sair candidato à reeleição sem oposição. Está tentando cooptar todo mundo. Não é só o PV ou o PPS, também está atrás do Índio da Costa, do PSD. O Paes quer tudo.

Poder Online — Quem no PV do Rio está indo apoiar o prefeito?

Fernando Gabeira — Não sei se dá para dizer que tem alguém que já está indo. Mas o Alfredo Sirkis (deputado federal e presidente regional do partido) está discutindo o assunto com o Eduardo Paes. Aliás, o prefeito também me procurou. Ofereceu um cargo na organização das  Olimpíadas do Rio. Um trabalho mais internacional… Mas eu não aceitei. Não tenho nada contra o Eduardo pessoalmente, mas sou oposição. A oposição aqui no Rio está em extinção e alguém tem que segurar a onda.

Poder Online — Voltamos à questão do racha nacional. Isso não atrapalhou?

Fernando Gabeira — Acho que não teve nada a ver. Foi uma questão local. E, quanto ao racha, já está mais ou menos resolvido.

Poder Online — Como assim?

Fernando Gabeira — Está-se acomodando. Eu sempre achei que essa coisa de racha era desnecessária, e agora estamos começando a nos acertar. É consenso dentro do PV que o partido tem que se democratizar e que tem que haver rodízio no comando, arejar. O problema era apenas uma questão de prazos. A discórdia era sobre quando devemos fazer nova convenção. E já está ficando mais ou menos claro para todas as correntes que isto deve ocorrer até o final de 2011. Então não chega a ser um racha.

Autor: Tags: , , , , , , , , ,

terça-feira, 19 de abril de 2011 Eleições | 11:01

PPS do Rio deve abandonar a oposição

Compartilhe: Twitter

O PV do Rio de Janeiro deve perder um aliado histórico.

O PPS, que apoiou o verde Fernando Gabeira nas últimas eleições, reúne-se  hoje com o presidente regional do PMDB, Jorge Picciani.

Em pauta: aliança para a reeleição do prefeito peemedebista Eduardo Paes.

Autor: Tags: , , , , , , ,

sexta-feira, 15 de abril de 2011 Brasil | 13:31

Eduardo Paes fala sobre a tragédia em Realengo no Roda Viva

Compartilhe: Twitter

O prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, será o entrevistado do Roda Viva, da TV Cultura, na próxima segunda-feira. Paes falará sobre a tragédia da Escola Municipal Tasso da Silveira, em Realengo.

Além dos titulares da bancada, participam também os jornalistas Luiz Ernesto Magalhães (O Globo) e Vera Magalhães (Folha de S. Paulo).

Autor: Tags: , , , ,

sexta-feira, 4 de março de 2011 Brasil | 16:04

Na comunicação, Eduardo Paes está fora do ponto

Compartilhe: Twitter

Cena carioca nesta sexta-feira de carnaval: uma passageira pede ao motorista do ônibus parado no trânsito em plena a Avenida Atlântica, em Copacabana:

– Moço, abre aí a porta pra mim.

– Só posso parar no ponto.

Uma outra passageira sentada em seu lugar explica para a moça que o prefeito do Rio, Eduardo Paes (PMDB), baixou a ordem e a lei agora só permite descer e subir de coletivos nos pontos específicos de cada linha de ônibus (divididas em BR1, BR2 e BR3). Ela diz ainda que isso foi feito para evitar o caos na avenida mais turística da cidade.

Como o prefeito não fez uma grande campanha para informar à população, apenas colou uns cartazinhos nos pontos de ônibus, a moça não sabia e reagiu:

– Ah, ele fez isso? Da próxima vez a gente tira ele de lá.

Autor: Tags: , , ,

  1. Primeira
  2. 1
  3. 2
  4. 3
  5. 4
  6. Última