Publicidade

Posts com a Tag enchentes

domingo, 8 de abril de 2012 Estados | 06:01

Enchentes em Teresópolis: Lindbergh Farias defende “intervenção branca” dos governos federal e estadual na Região Serrana do Rio

Compartilhe: Twitter

Senador pelo PT do Rio Janeiro, Lindbergh Farias já está em plena campanha para se candidatar a governador do Estado, em 2014.

Em entrevista ao Poder Online, Lindbergh se disse abalado com a tragédia provocada pelas enchentes na Região Serrana do Rio, especialmente em Teresópolis.

E abalado também com a crise política nas cidades serranas do Estado. Em Teresópolis, por exemplo, sumiu parte das verbas destinadas a desabrigados e à reconstrução da cidade por causa das chuvas do ano passado. O prefeito foi cassado. E o primeiro colocado nas pesquisas também já foi preso.

Daí Lindbergh Farias propor “uma espécie de intervenção branca” dos governos federal e estadual em algumas cidades da Região Serrana do Rio, a fim de tocar a reconstrução física e da economia local.

Lindbergh também admite que a imagem dos políticos não anda boa e que a firmeza da presidenta Dilma Rousseff no trato com a base governista é motivo do aumento de popularidade da presidenta.

No entanto, no caso das denúncias contra o senador Demóstenes Torres, o petista Lindbergh não defende a abertura de  uma Comissão Parlamentar de Inquérito. Ele acha que basta a Comissão de Ética do Senado.

Poder Online – Novamente temos enchentes, deslizamentos  e mortes em Teresópolis e ainda não se sabe o que foi feito com o dinheiro  enviado para a reconstrução da cidade devido  às chuvas do ano passado.

Lindbergh Farias – Realmente é uma situação triste. As chuvas agora atingiram outra área da cidade, perto da região central. Além das mortes, há um prejuízo talvez maior para a economia da cidade. E ainda não se havia curado as feridas das últimas enchentes. O quadro político também não ajuda. O ex-prefeito  Jorge Mário  foi cassado em meio às suspeitas de desaparecimento das verbas contra enchentes. O primeiro colocado nas pesquisas eleitorais para a Prefeitura  era o Mário Tricano, um conhecido bicheiro da região, que também já foi preso.

Poder Online – Se o senhor fosse governador, o que faria?

Lindbergh Farias – O governo do Estado já está atuando. Mas acho que, na Região Serrana, é o caso de uma espécie de intervenção branca. O governo federal e o governo estadual  têm que tomar a frente da situação. Assumir completamente a administração da reconstrução da cidade, do ponto de vista físico e econômico.

Poder Online – Como assim?

Lindbergh Farias – Promoverem-se coisas como, por exemplo, o BNDES fazer um programa de ajuda ao empresariado local, que foi  fortemente atingido.  E, sobretudo, o programa Minha Casa, Minha Vida, do governo federal,  entrar pesado. É preciso que os governos federal e estadual façam uma revolução habitacional em Teresópolis e nas cidades vizinhas, acabando de vez com  residências em áreas de risco, barracos. Podem-se promover  projetos  com aporte de dinheiro federal e estadual sem passar pelas mãos dos administradores locais. Uma intervenção branca em defesa da população,

Poder Online – Esse Tricano é do PP. Mas o Jorge Mário era do seu partido, o PT.

Lindbergh Farias – Foi expulso do partido antes mesmo das denúncias de desvio de verbas das enchentes. Mas o problema ali não é só em Teresópolis, não. Várias Prefeituras da Região Serrana estão com problemas políticos semelhantes.

Poder Online – Pois é. Os políticos não andam com boa fama. Tem também o caso do senador goiano Demóstenes Torres (ex-DEM), ligado ao bicheiro Carlinhos Cachoeira. A Câmara até está tentando abrir uma CPI, mas o Senado não parece muito interessado…

Lindbergh Farias – Não se trata de a Câmara querer e o Senado estar contra. É que o Senado já deve abrir processo contra ele no Conselho de Ética. E o Conselho requisitará os documentos da investigação que já está em curso na Procuradoria-Geral da República.

Poder Online – Mas o senhor é contra ou a favor da CPI?

Lindbergh Farias – Sinceramente, não acho que uma CPI, agora, seria mais rápida e efetiva do que a Comissão de Ética.

Poder Online – O fato é que, enquanto a imagem dos políticos não anda boa, a popularidade da presidenta Dilma Rousseff não para de crescer.

Lindbergh Farias – É verdade, nessa última pesquisa, então, ela bateu recorde de popularidade. As pessoas estão encantadas com a firmeza da presidenta. Inclusive neste episódio em que uma boa parte da base governista derrotou a indicação do Palácio do Planalto para presidente da ANTT (Agência Nacional de Transportes Terrestres). Pensaram que tinham emparedado a Dilma, mas ela reagiu com firmeza, mudando alguns de seus líderes no Congresso. E a população gostou.

Autor: Tags: , , , , , , , ,

sexta-feira, 6 de janeiro de 2012 Governo | 10:16

Dilma mantém despachos no Alvorada

Compartilhe: Twitter

Assim como ontem — após suspender suas férias — a presidenta Dilma Rousseff manteve suas reuniões de trabalho na residência oficial do Palácio da Alvorada, hoje também ela não deve despachar no Planalto.  Deve receber seus auxiliares na residência oficial, para tratar das enchentes e deslizamentos de terra no Sudeste.

Autor: Tags: , , ,

quinta-feira, 5 de janeiro de 2012 Governo | 12:47

Bezerra encontra Cabral: hora de cuidar do Rio de Janeiro

Compartilhe: Twitter

O ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra, encontra o governador do Rio, Sérgio Cabral, às 18h, no Palácio das Laranjeiras.

Já que em Pernambuco está tudo 90% sob controle, é hora de cuidar de outros estados.

Autor: Tags: , , , ,

sexta-feira, 21 de janeiro de 2011 Governo | 08:03

Dilma não deixará seu vice parado, sem atribuições.

Compartilhe: Twitter

Dilma e o vice-presidente Michel Temer (Foto: Roberto Stuckert Filho/PR)

A presidenta Dilma Rousseff surpreendeu até mesmo seu vice, Michel Temer, quando pediu que ele discutisse com o  ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, uma legislação mais rígida de ocupação de solo para evitar deslizamentos como os do Rio de Janeiro.

— Entrar nesse assunto? O ministro pode considerar uma intromissão — ponderou com a presidenta.

Mas Dilma respondeu:

— Você é um grande jurista. E além disso, vamos precisar do Congresso. Então é claro que precisarei de você coordenando isso.

Afinal, dizem que vice desocupado é vice em conspiração.

Autor: Tags: , , ,

quinta-feira, 20 de janeiro de 2011 Governo | 13:23

Dilma recebe telefonema de Muammar Khaddafi, que oferece ajuda da Líbia ao Rio de Janeiro

Compartilhe: Twitter

Está lá no Blog do Planalto:

A presidenta Dilma Rousseff conversou por telefone, na manhã desta quita-feira (20/1), com o presidente da Líbia, Muammar Khaddafi. Durante cerca de 10 minutos, Khaddafi informou que acompanha as notícias sobre a tragédia causada pelas chuvas na região Serrana do Estado do Rio. Ele manifestou disposição em ajudar aos municípios devastados pelo desastre natural.

(…)

Dilma Rousseff deve encontrar-se com Khaddafi, em 16 de fevereiro, em Lima, no Peru. Lá ocorrerá a III Reunião de Cúpula de Chefes de Estado e de Governo da América do Sul e de Países Árabes (ASPA).

Autor: Tags: , , , ,

terça-feira, 18 de janeiro de 2011 Congresso | 17:11

Oposição desconfia dos reais motivos de Sarney

Compartilhe: Twitter

O presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), convocou para esta quinta-feira, às 10h, sessão extraordinária do Congresso para discutir a Medida Provisória 522/11, que abre créditos de R$ 780 milhões aos estados afetados por enchentes.

Mas como a MP foi assinada por Dilma Rousseff e já entrou em vigor, o senador Álvaro Dias (PSDB-PR) e o deputado João Almeida (PSDB-BA) desconfiam que de duas, uma: ou a sessão de Sarney é pano de fundo para assuntos extra-pauta, ou apenas uma tentativa do governo de mostrar serviço.

Autor: Tags: , , , , ,

quinta-feira, 13 de janeiro de 2011 Estados | 13:21

Ao sobrevoar áreas atingidas com Dilma, ministro tuita foto

Compartilhe: Twitter

Os ministros da Saúde, Alexandre Padilha, e da Defesa, Nelson Jobim, acompanham a presidenta Dilma Rousseff na viagem que ela faz ao Rio para sobrevoar as áreas atingidas pelas chuvas.

Do alto do voo, Padilha tuitou esta foto de Teresópolis, atingida pela tragédia das chuvas.

Autor: Tags: , , , , , ,

quarta-feira, 12 de janeiro de 2011 Estados | 18:18

Alô, Kassab? É a sua gastrite.

Compartilhe: Twitter

Piada do gaiato Antônio Prata, em seu twitter:

– Alô, Kassab? É a sua gastrite. Ligando só pra dizer tchau. A chuva passou. Até amanhã.

Autor: Tags: , , , , ,

terça-feira, 11 de janeiro de 2011 Partidos | 18:30

Kassab e o PR: o tempo fechou

Compartilhe: Twitter

Se não bastassem as chuvas, o prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, ainda enfrenta um tempo feio com o PR. O partido agora voltou a cobrar dele as duas secretarias prometidas em 2008, quando ajudou a elegê-lo.

Essa rebelião ameaça fazer da maioria de Kassab na Câmara Municipal ainda mais pontual do que seria antes do imbróglio da eleição da mesa.

E promete trovoadas para 2012.

Autor: Tags: , , ,

quarta-feira, 11 de agosto de 2010 Brasil | 12:28

Governo libera R$ 76 milhões para Pernambuco e Alagoas

Compartilhe: Twitter

Saiu hoje no Diário Oficial da União a liberação de mais R$ 75,9 milhões para ações emergenciais em saúde nos estados de Alagoas e Pernambuco.

A ajuda foi prometida em junho, por causa das fortes enchentes que danificaram hospitais e unidades de saúde.

A maior parte dos recursos – R$ 54,1 milhões – são destinados a Pernambuco. Já Alagoas vai receber pouco mais de R$ 21,8 milhões.

Autor: Tags: ,

  1. Primeira
  2. 1
  3. 2
  4. Última