Publicidade

Posts com a Tag Gilberto Kassab

sexta-feira, 18 de junho de 2010 Brasil | 05:06

A vingança do São Paulo F.C.

Compartilhe: Twitter

Juvenal Juvêncio (Foto: Divulgação/VIPCOMM)

Se decidir mesmo pela construção do Piritubão, um novo estádio para a Copa de 2014, em São Paulo, o prefeito Gilberto Kassab já tem conhecimento da resistência que irá enfrentar por parte de quem queria realizar os jogos na arena do Morumbi.

O São Paulo F.C. vai querer saber direitinho o destino do estádio depois da Copa e qualquer sinal de que possa haver dinheiro público – inclusive em obras de infraestrutura na zona norte da cidade – para facilitar o acesso e valorizar o novo equipamento desportivo será questionada na Justiça.

Juvenal Juvêncio está disposto a ir até o Ministério Público. A fiscalização da obra será rigorosa. Impedir a sua construção virou questão de honra para o presidente do tricolor.

Autor: Tags: , , , , , ,

terça-feira, 15 de junho de 2010 Eleições | 07:18

Apolinário tem liderança ameaçada

Compartilhe: Twitter

Começou ontem mesmo, logo após o anúncio de seu apoio ao PT, o movimento para destituir o vereador Carlos Apolinário da liderança da bancada do DEM.

Pelo menos cinco dos oito vereadores do DEM querem outro líder.  A vingança tem o sinal verde do prefeito Gilberto Kassab.

E mais: os vereadores querem a expulsão de Apolinário do DEM e vão pedir isso a Afif Domingos, candidato a vice de Geraldo Alckmin.

Autor: Tags: , , , , ,

segunda-feira, 14 de junho de 2010 Eleições | 15:54

Mercadante busca apoio da maioria dos vereadores da capital

Compartilhe: Twitter

Além da adesão do líder do DEM, Carlos Apolinário, à candidatura de Aloizio Mercadante, o PT espera conquistar de 28 a 30 vereadores da base parlamentar do prefeito Gilberto Kassab (DEM). A meta é ter a maioria da Câmara dos Vereadores com Mercadante.

Até o fim da semana, novos anuncios serão feitos. Os acordos já foram fechados, mas não serão anunciados todos os apoios de uma só vez. O próprio Apolinário pediu ao PT para, de jeito nenhum, divulgar seu apoio antes da convenção do PSDB, no domingo.

Autor: Tags: , , , ,

quinta-feira, 10 de junho de 2010 Eleições | 06:14

Alckmin paga o preço da briga com o DEM

Compartilhe: Twitter

O ex-governador Geraldo Alckmin está fazendo de tudo para reconquistar a confiança do DEM depois das brigas da campanha de 2008.

Os mais de 20 veradores paulistas – de várias legendas – que participaram de um jantar que entrou pela madrugada de terça-feira, no Morumbi, foram ouvidos por um Alckmin generoso que até anotou reivindicações dos parlamentares. Todos tiveram direito a discurso.

Diante do prefeito Gilberto Kassab, os vereadores do DEM deixaram claro a Alckmin que o apoio este ano na disputa para o Palácio dos Bandeirantes implica em fatura certa – e alta – em caso de vitória. E foram bastante claros nisso.

Autor: Tags: , , ,

domingo, 23 de maio de 2010 Eleições | 17:02

Serra não está em clima de festa

Compartilhe: Twitter

José Serra (Luciano Trevisan)

José Serra chegou às 23h07 à casa da família Matarazzo, no Jardim América. Foi um dos últimos convidados recebidos por Carolina, filha de Andrea Matarazzo, secretário de Cultura do Estado de São Paulo.

O pré-cadidato a presidente do PSDB chegou sozinho, não abriu nenhum sorriso e se recusou a posar para os fotógrafos.

Fernando Henrique Cardoso, Geraldo Alckmin, Gilberto Kassab e Paulo Maluf já estavam na festa do casamento.

Serra não foi à cerimônia. Sua mulher, Mônica, foi representá-lo no Mosteiro de São Bento, em São Paulo.

Serra ficou pouco tempo e logo já estava em casa e de volta ao Twitter.

(Thaís Arbex)

Autor: Tags: , , , , , , ,

sexta-feira, 21 de maio de 2010 Eleições | 12:02

TSE chega um pouco tarde

Compartilhe: Twitter

A decisão do TSE, ontem no fim do dia, de proibir a propaganda eleitoral do DEM de São Paulo, na qual o prefeito Gilberto Kassab só falou de José Serra, chegou tarde demais.

Pelo menos para as inserções no rádio.

À noite, os paulistas ouviram todas as propagandas que estavam programadas com Kassab elogiando Serra. Em termos de campanha, a determinação da Justiça fez pouca diferença, até porque os chamados spots de rádio – há muito tempo – têm muito mais impacto do que o tijolaço televisivo.

(Jorge Félix)

Autor: Tags: , , ,

  1. Primeira
  2. 20
  3. 30
  4. 40
  5. 50
  6. 51
  7. 52
  8. 53
  9. 54
  10. Última