Publicidade

Posts com a Tag Google

sábado, 17 de janeiro de 2015 Governo | 06:00

Ideli Salvatti anda avessa a ‘estrangeirismos’

Compartilhe: Twitter
A ministra de Direitos Humanos, Ideli Salvatti. (Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom /Agência Brasil)

A ministra de Direitos Humanos, Ideli Salvatti. (Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom /Agência Brasil)

A exemplo de seus colegas de Esplanada, a ministra de Direitos Humanos, Ideli Salvatti, também realizará conversas virtuais para tirar dúvidas e ouvir sugestões de internautas sobre o trabalho da Secretaria. A primeira será nesta tarde, reunindo os temas pátria educadora e direitos humanos.

Ideli já avisou, entretanto, que não quer saber de “estrangeirismos”. “Aqui, não tem esse negócio de Face to Face e Hangout. A gente chama de cara a cara e de bate-papo, mesmo”, diz a ministra, em referência aos aplicativos do Facebook e do Google.

Leia também: Ideli Salvatti também entra na Ravenna

Autor: Tags: , , , ,

quarta-feira, 2 de abril de 2014 Economia | 06:00

‘Google, Facebook e Netflix têm que ser enquadrados na lei tributária’, diz Paulo Bernardo

Compartilhe: Twitter
Paulo Bernardo (Foto: André Dusek/AE)

Paulo Bernardo (Foto: André Dusek/AE)

Defensor da tese de que o governo deve endurecer a política tributária sobre gigantes da internet, o ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, subiu o tom. Disse que não há tempo a perder, pois esses negócios hoje crescem em ritmo muito mais acelerado do que no passado.

Leia também: ‘Internet vai bombar no curtíssimo prazo’, diz Paulo Bernardo

Citando especificamente empresas como Netflix, Google e Facebook, Bernardo diz que o governo deve reforçar o quanto antes a cobrança de impostos sobre produtos e serviços, em especial aqueles prestados com base em estruturas alocadas no exterior.

“Essas empresas hoje não pagam impostos como deveriam. Hoje, uma empresa como a Netflix tem um milhão de assinantes. Logo, vai ter muito mais do que isso. O negócio todo precisa ser enquadrado do ponto de vista tributário”, diz ele. 

Bernardo diz não ver qualquer necessidade de alterar a legislação atual. “O que precisa é enquadrar essas empresas na lei tributária atual. Vale para Netflix, Google, Facebook….Todas elas.”

Autor: Tags: , , ,

quarta-feira, 23 de outubro de 2013 Congresso | 12:00

Google recusa convite para discutir espionagem no Congresso

Compartilhe: Twitter

A Comissão de Defesa do Consumidor da Câmara havia marcado para hoje uma audiência pública para abordar a polêmica da espionagem americana ao Brasil. Os deputados queriam ouvir esclarecimentos sobre a política de privacidade do Google. Mas faltou combinar com a gigante americana.

O presidente da empresa no Brasil, Fábio Coelho, recusou o convite para dar explicações sobre possível contribuição coma espionagem do governo americano. O Google não topou nem mesmo mandar representante.

Também convidada, a Microsoft prometeu mandar um executivo. Mas avisou que não seria seu presidente, como foi solicitado pela comissão.

No fim das contas, a audiência acabou cancelada.

 

 

Autor: Tags: , , ,

sexta-feira, 16 de agosto de 2013 Congresso | 06:00

Ex-Google, subchefe do jurídico do Planalto entra na mira de petistas

Compartilhe: Twitter

Depois de ganhar os holofotes como por ter integrado o primeiro time do Google e, ainda assim, representar o governo em questões relacionadas à área de tecnologia, o subchefe de Assuntos Jurídicos da Presidência, Ivo Correa, caiu na lista negra de líderes petistas.

Representantes da legenda no Congresso não disfarçam a irritação com decisões atribuídas ao ex-executivo da gigante da internet em relação a acordos firmados em votações estratégicas entre o Planalto e parlamentares. São atribuídas a Correa recomendações de veto da presidente Dilma Rousseff a temas que já teriam sido submetidos à negociação entre governo e Congresso.

Entre os alvos da canetada de Corrêa, estaria, por exemplo, a lei que endurece as punições para empresas corruptoras.

Autor: Tags: , , , ,

segunda-feira, 27 de agosto de 2012 Eleições | 18:17

Vereador petista quer aumentar valor da multa a Google por vídeo no Youtube

Compartilhe: Twitter

O vereador Francisco Chagas (PT) pretende recorrer para aumentar o valor da multa sobre a Google por um vídeo em que sua imagem é usada para xingar o eleitor.

Atualmente o valor fixado pela Justiça eleitoral é de R$ 5 mil por dia, número que Chagas considera irrisório para uma empresa do porte da Google.

— É uma brincadeira (o valor da multa), não faz nem cócegas — resumiu Chagas.

Autor: Tags: , , ,

quinta-feira, 9 de agosto de 2012 Eleições | 12:39

Justiça Eleitoral determina multa diária de R$ 500 ao Google por vídeo contra vereador petista

Compartilhe: Twitter

A Google Brasil Internet Ltda será multada em R$ 500 diários até que retire do ar o vídeo montagem feito com a foto do vereador petista Francisco Chagas postado no Youtube.

A determinação é do juiz da 1ª Zona Eleitoral de São Paulo, Henrique Harris Júnior.

A liminar determinando a retirada do vídeo do Youtube foi concedida no dia 1º de agosto.

Cabe recurso a essa decisão.

Autor: Tags: , , ,

terça-feira, 19 de outubro de 2010 Eleições | 17:25

Aborto e Dilma: bastava dar um Google

Compartilhe: Twitter

Em sua entrevista no Jornal Nacional , a candidata Dilma Rousseff usou a maior parte do tempo – somada as três perguntas e a despedida – para responder sobre aborto. Embora o PT procure reduzir o peso do tema na campanha, a questão ainda é predominante no debate.

Está aí o Google que não nos deixa mentir. A ferramenta de audiência do site, mostra que a palavra “aborto” apareceu 1,5 milhão de vezes na média dos últimos 12 meses e, em outubro, o gráfico mostra um salto – embora sem revelar o número absoluto.

Mas o Google revela o sucesso do tema nos blogs. A palavra foi citada 90 mil vezes desde o dia 1º de outubro até hoje. Em todo o mês de agosto, quando o tema estava submerso em discussões ainda veladas e setorizadas, a palavra apareceu 114 mil vezes.

Se a equipe de internet do PT estivesse mais atenta, poderia criar uma estratégia desde então para evitar o efeito viral, já que esses dados são públicos. No gráfico do Google, percebe-se que o assunto começou a tomar forma no fim de julho e os internautas do nordeste foram os que mais pesquisaram sobre o tema (entrando com “aborto Dilma”).

No twitter, este mês, a palavra foi citada 190 mil vezes. Nos últimos nove dias, 82 mil vezes. E 59 mil na semana.

Já a palavra câmbio, comparando os mesmos sete dias, apareceu 27 mil vezes, valorização do real apenas 130 vezes e juros, 2.400 vezes.

Autor: Tags: , , , ,

domingo, 19 de setembro de 2010 Eleições | 09:48

Tiririca vira fenômeno também na internet

Compartilhe: Twitter

Segundo o Portal Comunique-se, as buscas no Google pelo palhaço Tiririca, candidato a deputado federal pelo PR de São Paulo, já superam as chamadas pelos nomes dos presidenciáveis Dilma Rousseff (PT), José Serra (PSDB) e Marina Silva (PV):

“A ferramenta Google Insigths mostra que o candidato ultrapassou os candidatos à presidência da República a partir de agosto, com pico de buscas entre 22 e 28/8, e ainda se mantém na frente. Em uma escala de 0 a 100, Tiririca aparece com 100 pontos, Dilma com 35, Marina 22 e Serra com 10, no ranking do buscador.”

É por essas e outras que todo mundo anda tirando uma casquinha do humorista. Pelo bem, ou pelo mal:

Autor: Tags: , , ,

quarta-feira, 28 de julho de 2010 Eleições | 12:03

Uma guerra (muito) suja na internet

Compartilhe: Twitter

O ex-governador do Rio Leonel Brizola costumava dizer: se tem cara de jacaré, pele de jacaré, boca de jacaré e dente de jacaré, pode estar certo que é um jacaré.

Digite no Google: José Serra é.

Depois digite: Dilma Rousseff é.

Você provavelmente verá telas como estas duas abaixo:

Pois é. Tem cara, pele, boca e dente de coisa de profissionais.

Autor: Tags: , , , ,

quinta-feira, 17 de junho de 2010 Eleições | 18:04

TSE decide que Google também deve informar responsáveis pelo blog do Serra

Compartilhe: Twitter

O Tribunal Superior Eleitoral acaba de determinar o prazo de 24h, a partir da data da notificação, para o Google informar o nome do responsável pelo conteúdo publicado no Blog do Serra (euqueroserra.blogspot.com).

A ação foi ajuizada pelo Ministério Público Eleitoral após identificar propaganda eleitoral antecipada em favor do candidato tucano à presidência da República. A multa aos responsáveis pode variar de R$ 5 a R$ 25 mil.

Autor: Tags: , , , , ,