Publicidade

Posts com a Tag José Eduardo Cardozo

segunda-feira, 5 de outubro de 2015 Brasil, Governo, Partidos, Política | 17:34

Governo manobra para expor ação política de Nardes

Compartilhe: Twitter

A arguição de suspeição apresentada nesta segunda-feira (5) contra o relator das contas de 2014 no Tribunal de Contas da União (TCU), ministro Augusto Nardes, é considerada uma manobra ousada, no entanto, na avaliação de integrantes do governo, serviu para expor a “contaminação política” do parecer pela rejeição.

Nardes, que chegou a se reunir com integrantes de grupos pró-impeachment, antes de terminar seu parecer, recebeu apoio de instituições representativas de auditores e procuradores que atuam junto ao TCU.

Na opinião do governo, estes apoios já eram esperados.

Mesmo diante do risco de uma repercussão negativa, a avaliação no Planalto é de que se chegou ao limite do jogo político e, neste caso, só restou uma opção: responder a altura, escancarando a luta política envolvendo a análise das contas.

“Ou o governo respondia, ou o governo se calava e, com isso, consentia”, avaliou um dos interlocutores assíduos da presidente.

O ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, disse que o governo recorrerá a instâncias superiores caso o TCU não considere a arguição.

“A arguição é clara: Não se pode transformar um julgamento técnico em uma discussão política”, disse Cardozo nesta segunda-feira (5), após participar da posse dos novos ministros.

Autor: Tags: , ,

terça-feira, 1 de setembro de 2015 Brasil, Justiça, Política | 15:24

Cardozo manda PF investigar advogado que ameaça “arrancar cabeça” de Dilma

Compartilhe: Twitter
Ministro José Eduardo Cardozo

Ministro José Eduardo Cardozo

O ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, determinou nesta terça-feira (1) que a Polícia Federal abra inquérito para investigar o advogado Matheus Sathler Garcia, candidato a deputado federal pelo PSDB do Distrito Federal em 2014, devido a “ameaças” feitas a presidente Dilma Rousseff. A determinação do ministro foi encaminhada hoje ao diretor-geral da Polícia Federal, Leandro Daiello Coimbra.

Rejeitado nas urnas nas eleições passadas, o advogado divulgou um vídeo no qual ameaça “arrancar a cabeça” da presidente Dilma Rousseff (PT) “com a foice e o martelo” no próximo dia 7 de setembro. No vídeo, o advogado se identifica e sugere à presidente que fuja do Brasil ou cometa suicídio.

Em 2014, o advogado já havia ganhado fama e uma representação na Justiça feita pela Ordem dos Advogados do Brasil do Distrito Federal, depois de aparecer em um vídeo defendendo a criação do “kit macho” e do “kit fêmea”, para defender crianças da ‘influência homossexual’.

O vídeo com ameaças à Dilma foi postado no Youtube, no último 25 de agosto. Ele começa sua fala afirmando que daria um recado à “presidanta” Dilma Rousseff”. “No dia 7 de Setembro a gente não vai pacificamente para as ruas. Vamos, juntamente com a as forças armadas populares do Brasil, te tirar do poder. Com a foice e o martelo nós vamos arrancar a sua cabeça. Aqui não é ameaça, nem aviso. Porque quando o povo agir já vai ter mais volta. Renuncie, fuja do Brasil ou se suicide”, diz o advogado.

Rejeitado nas urnas, tucano promete arrancar cabeça de Dilma à “foice e martelo”

Autor: Tags: , ,

terça-feira, 9 de junho de 2015 Brasil, Congresso, Eleições, Governo, Justiça, Partidos, Política | 13:57

Cardozo e Alckmin se reúnem para construir alternativa à redução da maioridade penal

Compartilhe: Twitter
O governador Geraldo Alckmin e a presidenta Dilma Rousseff (Foto: Epitácio Pessoa/AE)

O governador Geraldo Alckmin e a presidenta Dilma Rousseff (Foto: Epitácio Pessoa/AE)

O ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo (PT-SP) e o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB-SP), se reúnem nesta tarde (9) para discutir uma alternativa à proposta de redução da maioridade penal, atualmente, em discussão na Câmara dos Deputados.

A proposta a ser feita por Cardozo ao tucano, a pedido da presidente Dilma Rousseff, será de integrar duas ideias. O governo encamparia a defesa do projeto do tucano,  que aumenta o prazo máximo de internação de menores infratores de três para oito anos e Alckmin encorporaria à proposta a ideia do Planalto de aumentar penas para adultos que exploram crianças e adolescentes para a prática criminosa.

O governo avalia que a proposta de Alckmin tem grande poder de aglutinar interesses, já que até o presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), que quer colocar a proposta de redução da maioridade penal em votação ainda neste mês, já sinalizou recuo. Já entre os tucanos, a discussão do assunto é um bom motivo para isolar o senador Aécio Neves (MG). Em vez de Aécio, que hoje presidente do partido, o governador paulista é que ganhará o protagonismo na discussão do assunto.

Entre os tucanos, a avaliação é de que o tema tem grande poder de mobilização nacional, o suficiente para ajudar a lançar luz sobre as intenções de Alckmin de se lançar candidato à Presidência da República em 2018.

Autor: Tags: , , , ,

sexta-feira, 10 de abril de 2015 Governo | 11:14

Governo vai ao STF contra emenda que dá autonomia à defensoria pública

Compartilhe: Twitter
A presidente Dilma Rousseff. (Foto: Alan Sampaio / iG Brasília)

A presidente Dilma Rousseff. (Foto: Alan Sampaio / iG Brasília)

A presidente Dilma Rousseff deu a ordem para que seja protocolada ainda hoje no Supremo Tribunal Federal uma ação direta de inconstitucionalidade contra a PEC 64, que tramita no Congresso. A proposta de emenda dá autonomia à defensoria pública e pode pavimentar um efeito cascata de reajustes salariais em carreiras similares.

A decisão de entrar com ADI já vem sendo estudada há algum tempo dentro do governo e tem aval dos ministros José Eduardo Cardozo (Justiça) e Aloizio Mercadante (Casa Civil).

A Advocacia-Geral da União está redigindo a ação, que deve ser protocolada até o início desta tarde.

Autor: Tags: , , , , , ,

segunda-feira, 16 de março de 2015 Governo | 11:00

José Eduardo Cardozo já perdeu 17 quilos

Compartilhe: Twitter
Ministro José Eduardo Cardozo

Ministro José Eduardo Cardozo

O ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, já perdeu 17 quilos. Assim como a presidente Dilma Rousseff, ele engatou na dieta Ravenna, que prega uma mudança de comportamento alimentar e envolve a redução no consumo de carboidratos.

Autor: Tags: ,

quinta-feira, 15 de janeiro de 2015 Governo | 16:30

Ideli Salvatti também entra na Ravenna

Compartilhe: Twitter
A ministra de Direitos Humanos, Ideli Salvatti. (Foto: Agência Brasil)

A ministra de Direitos Humanos, Ideli Salvatti. (Foto: Agência Brasil)

A ministra de Direitos Humanos, Ideli Salvatti, é mais uma das que aderiram à dieta do doutor Ravenna, famosa entre as autoridades.

Empolgada com os resultados obtidos pela presidente Dilma Rousseff e os colegas ministros Eleonora Menicucci, Kátia Abreu, Miriam Belchior e José Eduardo Cardozo, Ideli pretende perder 20 kg.

Leia também: José Eduardo Cardozo perdeu 5kg com a Ravenna

Autor: Tags: , , , , , ,

quinta-feira, 1 de janeiro de 2015 Governo | 17:30

‘Segurança pública será prioritária’, diz ministro da Justiça

Compartilhe: Twitter

Confirmado para continuar à frente do Ministério da Justiça, José Eduardo Cardozo afirmou que “a segurança pública será, sem sombra de dúvidas, um dos eixos principais da nova gestão”.

O mimistro disse ainda estar seguro de que o governo terá o apoio da maioria do Congresso Nacional, na próxima legislatura.

Assista:

Autor: Tags: , ,

sexta-feira, 19 de dezembro de 2014 Governo | 13:14

Além de Dilma, Cardozo e Miriam Belchior entram na Ravenna

Compartilhe: Twitter
A presidente Dilma Rousseff. (Foto: Alan Sampaio / iG Brasília)

A presidente Dilma Rousseff. (Foto: Alan Sampaio / iG Brasília)

Não é só a presidente Dilma Rousseff que está na Ravenna, dieta idealizada pelo médico Máximo Ravenna e que prega o emagrecimento rápido. José Eduardo Cardozo e Miriam Belchior também aderiram.

O cardápio restringe o consumo de carboidratos e inclui algumas regras, como o consumo de um caldo antes das refeições. Uma das inspirações foi a senadora e futura ministra Kátia Abreu, que se refere carinhosamente aos pratos como sua “raçãozinha”.

Outro que testou e jura que a dieta funciona maravilhas foi o deputado Lúcio Vieira Lima (PMDB-BA). Ele diz que chegou a perder sete quilos em uma semana.

 

Autor: Tags: , ,

sexta-feira, 12 de dezembro de 2014 Justiça | 17:00

Leandro Daiello ficará no comando da PF

Compartilhe: Twitter
O diretor-geral da Polícia Federal, Leandro Daiello Coimbra. (Foto: Agência Brasil)

O diretor-geral da Polícia Federal, Leandro Daiello Coimbra. (Foto: Agência Brasil)

O ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, pediu ao diretor-geral da Polícia Federal, Leandro Daiello, que permaneça no cargo.

A expectativa, no momento, é que o comando da corporação permaneça inalterado por pelo menos mais um ano.

Autor: Tags: , ,

sexta-feira, 21 de novembro de 2014 Justiça | 06:00

Governo deve aceitar Vital no TCU em troca de Cardozo no STF

Compartilhe: Twitter
Senador Vital do Rêgo (PMDB-PB) - (Foto: Luiz Alves / Agência Senado)

Senador Vital do Rêgo (PMDB-PB) – (Foto: Luiz Alves / Agência Senado)

O recado repassado aos deputados do PMDB é que a fatura para que o Planalto emplaque o ministro José Eduardo Cardozo no Supremo Tribunal Federal deve ser mesmo a vaga pleiteada no Tribunal de Contas da União para o senador Vital do Rêgo (PB).

Se tudo caminhar como previsto, Ideli Salvatti (PT) deve perder a vez na lista de indicações para o TCU. Já o Ministério da Justiça, hoje comandado por Cardozo, pode ir parar nas mãos de Luís Inácio Adams, hoje ministro da Advocacia-Geral da União (AGU).

Autor: Tags: , , , ,

  1. Primeira
  2. 1
  3. 2
  4. 3
  5. 4
  6. 5
  7. 10
  8. Última