Publicidade

Posts com a Tag Lu Alckmin

domingo, 9 de junho de 2013 Social | 07:00

‘Política? Não, não, de jeito nenhum’, diz Reinaldo Kherlakian

Compartilhe: Twitter

Conhecido por suas excentricidades, Reinaldo Kherlakian, herdeiro da Galeria Pagé, deixou os negócios de lado há quatro anos para investir em sua carreira de cantor e já tem um público fiel.

Ao Poder Online, após embalar um jantar beneficente da Associação dos Cônsules no Brasil (Conbras) no Palácio dos Bandeirantes, sede do governo paulista, Kherlakian disse que, mesmo habituado a estar cercado de pessoas importantes e políticos, não pensa em se filiar e ser candidato a um cargo público. “Eu sou muito focado no que faço”, afirmou o cantor apaixonado pelo palco. Veja os principais trechos da entrevista:

Quando você começou a cantar?
Eu comecei a cantar faz quatro anos. A música entrou na minha vida e no meu coração. Só canto aquilo que me emociona. Você me viu cantar, me viu me emocionar várias vezes no palco. Eu entro na música mesmo, eu sou um interprete, visto essas roupas diferenciadas até por respeito ao publico. Eu acredito que a pessoa ouve o que ela vê também, o conjunto. Então, eu cuido com muita excelência de tudo. Do palco, da luz, dos músicos, preparadora vocal, enfim, são 35 profissionais que me acompanham. E eu não tomei uma pilulinha e saí cantando. Além da despesa que tem, tem muito tempo, eu estudo três horas por dia, todos os dias, há quatro anos. Às terças e quintas são cinco horas porque é com a orquestra. É preciso gostar, é muita dedicação.

[kml_flashembed movie="http://www.youtube.com/v/bOTFwF_IMhg" width="640" height="480" allowfullscreen="true" fvars="fs=1" /]

Você costuma fazer muitos eventos para políticos?
Não. Neste caso hoje aqui, foi atípico, não deu para passar o som, nem nada, por isso que deu microfonia, porque o governador estava trabalhando, até 19h, 20h, então não se poderia fazer barulho. Eu faço shows beneficentes – independentemente de ser, neste caso, a primeira-dama dona Lu Alckmin. Eu conheço as padarias artesanais, que ela leva com muita garra. Eu já conhecia o projeto, é o segundo ano que faço aqui em prol das padarias artesanais, sei o quanto é importante. Então, me sinto lisonjeado por ter sido convidado novamente pela Aconbras (Associação dos Cônsules no Brasil). Fiquei muito lisonjeado por poder contribuir e o bacana é que venderam todos os convites, isso foi muito gratificante.

É diferente fazer show nesse ambiente?
Eu busco excelência em tudo o que eu faço, mas é claro que pessoas assim me causam um pouco mais de preocupação, dá um pouquinho mais de nervoso, claro, mas eu sou muito focado no que eu faço. Hoje, em particular, como não deu para passar o som, eu já sabia que ia dar microfonia, que minha voz ia estar baixa, já sabia que lá no fundo, eu fui de propósito cantar “Conceição” lá no fundo e meu Deus! Mas depois eu aumentei mais minha voz e acho que deu para as pessoas ouvirem melhor.

E hoje ainda tinha o Moacir Franco vendo seu show também.
Ele ficou encantado. E falou para mim: “Você é valente! você é valente!”, eu não entendi isso e depois cobrei dele porquê. “Tá demais!”, ele falou, que gostoso ouvir isso. Puxa, Moacir Franco é um artista completo. Eu curti muito esse homem. Um elogio vindo dele é muito importante, ele estar aqui foi muito importante. Queria ter visto a Cláudia Raia, uma graça ela ter vindo. Sabe, em todos os meus shows vão pessoas muito importantes, artistas que aparecem do nada, isso me deixa nervoso. Porque são pessoas que conhecem tudo de musica, de interpretação, isso me deu insegurança por eu não ter podido passar o som.

E amigos? Sempre tem muitos conhecidos seus nos seus shows?
Sim. Mas um amigo, quando ele gosta, ele vai uma, duas vezes, mas não vai 30. Ele fez a parte dele e pronto. Então, eu tenho muita gente que me acompanha e vai em todos os shows. Eu até já indaguei e me disseram que é muito gostoso me ver cantar, ver minhas roupas, minha orquestra, minha interpretação, que ninguém faz mais isso hoje em dia, o cara vai no palco de camiseta e tênis, fica pulando no palco. Não tenho nada a ver com isso, mas acho que eu faço uma coisa bacana porque está dando resultado. Tanto que eu estou com shows vendidos até dezembro. Julho, eu vou para Nova Iorque descansar porque em agosto já tem três, na Hebraica, no Jockey, e aí vai. E mais dois ou três beneficentes. Acho que estou no caminho certo.

Qual é a média do preço do seu show? Você faz muito shows beneficentes, sem cobrar?
Eu faço muitos, que é um prazer, eu acho que faço minha parte. Se o outro cidadão não faz, eu faço a minha. Eu doo em paz. Vou fazer 59 anos no domingo agora e nunca tomei remédio para dormir, eu ponho a cabeça no travesseiro e durmo. Isso tem um segredo: bons pensamentos e atitudes generosas, isso faz você grande. Quanto à média de preço dos meus shows, depende muito, do lugar, se tem que viajar.

Reinaldo Kherlakian, e dona Lu Alckmin durante jantar beneficente

O de hoje (no Palácio dos Bandeirantes, no dia 5) quanto custaria?
O daqui custaria uns R$ 25 mil, acho.

Você tem pretensões políticas? Já pensou em ser candidato?
Não, em absoluto não. Não, não, de jeito nenhum.

Para 2014, você pretende manifestar apoio público a algum candidato?
Não sei, vou pensar um pouco sobre isso.

Leia também: Em jantar beneficente, Alckmin evita assunto Afif

Autor: Tags: , , ,

segunda-feira, 3 de junho de 2013 Cidades | 11:33

Reinaldo Kherlakian vai embalar jantar beneficente no Palácio dos Bandeirantes

Compartilhe: Twitter

Decidido em se transformar no novo Cauby Peixoto, o herdeiro da Galeria Pajé, Reinaldo Kherlakian, vai embalar um jantar beneficente organizado pela Associação dos Cônsules no Brasil (Conbras). O evento foi marcado para a próxima quarta-feira, no Palácio dos Bandeirantes, sede do governo paulista.


Reinaldo Kherlakian no show "Para ouvir com o coração" (Foto: Divulgação)

O preço dos 400 convites à venda -que pedem o uso de black tie e longo- varia entre R$ 400 e R$ 500. A renda será revertida para o projeto de padarias artesanais do Fundo Social de Solidariedade, presidido pela pela primeira-dama do Estado, Lu Alckmin. Na manhã desta segunda (3) restavam apenas três convites não vendidos.

Entre as presenças confirmadas, além do governador Geraldo Alckmin (PSDB), estão o prefeito Fernando Haddad (PT), o deputado federal Paulo Maluf (PP-SP), a atriz Cláudia Raia e Chiquinho Scarpa.

Antes do início do show de Reinaldo haverá um leilão de três obras de arte. O preço inicial será decidido na hora. Segundo a Conbras, tanto o show quanto as obras foram doados pelos artistas para o evento.

Autor: Tags: ,

sábado, 18 de fevereiro de 2012 Brasil | 15:04

Alckmin ignora convite para carnaval Kassab e vai ao cinema

Compartilhe: Twitter

Enquanto o prefeito Gilberto Kassab recebia seus mais de dois mil convidados no camarote da prefeitura, ontem à noite, no Sambódromo do Anhembi, o governador Geraldo Alckmin levava a primeira-dama, dona Lu Alckmin, ao cinema para assistir J. Edgar, filme de Clint Eastwood com Leonardo Di Caprio.

Autor: Tags: , , , , , ,

segunda-feira, 7 de novembro de 2011 Estados | 18:20

Dona Lu faz festa surpresa para Alckmin

Compartilhe: Twitter

Dona Lu Alckmin, mulher do governador Geraldo Alckmin, está preparando uma festa surpresa para o marido, que hoje comemora 59 anos.

Daqui a pouco, ela reunirá os assessores e secretários mais próximos de Alckmin no Palácio dos Bandeirantes para cantar Parabéns a você. O bolo é floresta negra – o preferido do governador, segundo ela.

À noite, dona Lu servirá um jantar para a família. O prato principal será bacalhau.

Autor: Tags: , ,

quarta-feira, 26 de janeiro de 2011 Estados | 20:02

Dona Lu prestigia estreia do Corinthians na Libertadores

Compartilhe: Twitter

A primeira-dama, Lu Alckmin, estará daqui a pouco no estádio do Pacaembu, em São Paulo, onde acontece a partida de estreia do Corinthians na Pré-Libertadores.

Presidente do Fundo Social de Solidariedade e Cultural do Estado de São Paulo, dona Lu acompanhará a arrecadação de donativos para as vítimas das chuvas.

Mas não vai deixar de assistir ao jogo.

Autor: Tags: , , , ,

segunda-feira, 10 de janeiro de 2011 Estados | 18:39

Projeto de dona Lu Alckmin passa pelo crivo de Geraldo

Compartilhe: Twitter

A primeira-dama, Lu Alckmin, cumpriu nesta manhã sua primeira agenda como presidente Fundo de Solidariedade.

Dona Lu se reuniu com secretários do governo de Geraldo Alckmin para discutir a criação da Comissão de Qualidade de Vida e Integração Social.

O projeto, que será coordenado pelo secretário de Esporte, Jorge Pagura, tem como um dos objetivos oferecer atividades esportivas para idosos.

Mas a ideia só será apresentada ao governador em um ou dois meses. E é ele quem vai bater o martelo sobre a continuidade das ações.

Autor: Tags: , , , , ,

sábado, 1 de janeiro de 2011 Estados | 11:16

Família de Quércia na posse de Alckmin

Compartilhe: Twitter

Andreia Quércia, Lu Alckmin e Alaíde Quércia (Foto: Reprodução/Twitter)

Sete dias depois da morte do ex-governador Orestes Quércia, a família do peemedebista compareceu à cerimônia de posse do governador eleito de São Paulo, Geraldo Alckmin.

Agora há pouco, a primeira-dama, dona Lu Alckmin, postou em seu twitter uma foto ao lado de Alaíde e Andréia Quércia:

– Alegria e comoção no encontro com Alaíde e Andreia Quércia.

Autor: Tags: , , , , ,

quarta-feira, 6 de outubro de 2010 Eleições | 09:02

PSDB em busca do voto feminino

Compartilhe: Twitter

Norma Burti, mulher do presidente da Associação Comercial de São Paulo (ACSP), promove daqui a pouco, às 14h30, um debate sobre as eleições e o segundo turno, na sede da entidade, no centro de São Paulo.

Coordenadora geral do Conselho da Mulher da ACSP, ela receberá as lideranças femininas da campanha tucana, que formaram o movimentoUnidas pelo Brasil – Mulheres por São Paulo.

As presenças de dona Lu Alckmin, mulher do governador eleito Geraldo Alckmin; Silvia Domingos, mulher do vice Afif Domingo; e Gisele Sayeg Nunes Ferreira, mulher do senador eleitor Aloysio Nunes, estão confirmadas.

Autor: Tags: , , , , , , ,

sexta-feira, 13 de agosto de 2010 Eleições | 10:32

Abençoado seja

Compartilhe: Twitter

Alckmin foi abençoado pela mulher minutos antes de o debate da Band começar.

Dona Lu, que entrou no estúdio da emissora de mãos dadas com o marido, não  deixou o candidato do PSDB ao governo de São Paulo subir no palco antes de fazer um sinal da cruz em sua testa.

Autor: Tags: , , ,

segunda-feira, 26 de julho de 2010 Eleições | 16:13

Serra ganha mais um cabo-eleitoral: dona Lu Alckmin

Compartilhe: Twitter

Lu Alckmin e Monica Serra (Foto: Piti Reali)

Logo depois do almoço do grupo Lide com o candidato do PSDB a presidente, José Serra, Poder Online perguntou à dona Lu Alckmin por que ela ainda não havia pedido voto para o tucano no seu twitter.

– Vou fazer isso no momento oportuno, pedir votos para o Serra faz meus olhos brilharem – respondeu a ex-primeira dama.

Diante da insistência de Poder Online, dona Lu chegou em casa e tratou de tuitar:

– A explanação de proposta de governo de José Serra no almoço-debate Lide prova que ele é a pessoa preparada para ser o próximo presidente.

Ah, talvez dona Lu estivesse esperando só ouvir melhor as propostas do seu candidato.

Autor: Tags: , , ,

  1. Primeira
  2. 1
  3. 2
  4. Última