Publicidade

Posts com a Tag Ministério da Integração

quarta-feira, 8 de janeiro de 2014 Política | 10:00

Municípios em estado de emergência em Minas terão capacitação

Compartilhe: Twitter

A Secretaria Nacional de Defesa Civil e a Coordenadoria de Defesa Civil de Minas Gerais estão capacitando representantes das cidades afetadas pelos temporais no Estado.

Os municípios estão com dificuldades em cumprir os procedimentos necessários para ter acesso ao cartão de Pagamento de Defesa Civil (decretação de Situação de Emergência, preenchimento do Formulário de Informação de Desastre e elaboração do Plano de Resposta).

Prefeitos de pequenos municípios reclamam da burocracia após a mudança, em agosto de 2012, feita pelo Ministério da Integração, que criou regras para as solicitações de reconhecimento de situação de emergência e calamidade pública.

Técnicos dos governos federal e estadual, após identificarem as dúvidas para o preenchimento dos documentos, passaram a ministrar workshops para cerca de 90 representantes de municípios de Minas.

Leia também: Chuvas deixam 73 cidades em estado de emergência em Minas Gerais

Autor: Tags: , , , ,

terça-feira, 31 de janeiro de 2012 Governo | 12:02

As promessas do primeiro discurso

Compartilhe: Twitter

(Foto: Agência Senado)

Na quinta-feira, o Congresso volta a funcionar.

Como de praxe, os trabalhos de cada nova sessão legislativa são abertos com a leitura de uma mensagem do(a) presidente da República.

No seu primeiro ano de governo, em 2011, a presidenta Dilma Rousseff apresentou pessoalmente o texto. Nos anos seguintes, o discurso costuma ser levado pelo(a) chefe da Casa Civil — no caso agora, a ministra Gleisi Hoffmann.

Vale lembrar as principais promessas da presidenta naquele primeiro ano:

— Um pacto para evitar novas tragédias como o deslizamento de terras em Angra dos Reis (RJ) por causa das chuvas, que acabara de soterrar dezenas de pessoas;
— Lutar pela erradicação da miséria;
— E uma política de longo prazo para o reajuste do salário mínimo.

A política de longo prazo para o salário mínimo de fato está em fase de implantação. Resultou num reajuste considerável em 1º de janeiro: 14,13%.

Os projetos de erradicação da pobreza também já se iniciaram.

Mas os programas contra os deslizamentos de terra parecem ter-se encharcado nos ralos da política.

Autor: Tags: , , , , , , , , ,

quinta-feira, 12 de janeiro de 2012 Congresso | 17:36

Freire: governo é “cínico” ao falar de empenho contra enchentes

Compartilhe: Twitter

O deputado Roberto Freire (PPS-SP) deixou irritado o plenário do Senado onde acontece audiência pública na comissão de plantão do Congresso com o ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra, para discutir as ações emergenciais contra as enchentes.

Para Freire, é “uma ofensa” o governo falar em empenho enquanto ocorrem os desastres naturais.

– As famílias podem eventualmente recuperar os danos sofridos, mas jamais recuperarão as vidas perdidas – destacou Freire antes de sair.

Autor: Tags: , , ,

terça-feira, 21 de dezembro de 2010 Governo | 17:33

Dilma define vagas do PSB: Fernando Bezerra será ministro da Integração e Leônidas Cristino, dos Portos

Compartilhe: Twitter

A presidenta eleita, Dilma Rousseff, acaba de confirmar ao PSB:

1) O prefeito de Sobral, Leônidas Cristino, nome apontado pelo governador do Ceará, Cid Gomes, assumirá o comando do ministério de Portos e Aeroportos;

2) O ministro da Integração Nacional será o ex-secretário de Desenvolvimento Econômico de Pernambuco Fernando Bezerra Coelho, indicado pelo governador Eduardo Campos;

3) São só estes os ministérios do PSB;

4) O Ministério dos Portos fica sem a parte de aeroportos, que continuará sob a gestão do ministro da Defesa, Nelson Jobim (Dilma disse estar preocupada com o risco de caos aéreo na virada do ano).

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , ,

quarta-feira, 1 de dezembro de 2010 Governo | 10:51

PT pernambucano não digeriu nome indicado por Eduardo Campos

Compartilhe: Twitter

“A Integração é uma pasta muito estratégica e de extrema importância para o Nordeste para ser entregue a alguém com visão paroquial.”

A declaração é do líder do PT na Câmara Federal, Fernando Ferro (PE) ao colunista Magno Martins, do jornal Folha de Pernambuco, a propósito da provável nomeação do secretário estadual de Desenvolvimento, Fernando Bezerra Coelho, para o Ministério da Integração.

Mostra que não é só Ciro Gomes (PSB) que está irritado com a indicação do governador de Pernambuco, Eduardo Campos, seu colega de partido. O nome de Fernando Bezerra Coelho também não foi digerido pelo PT pernambucano.

Segundo o líder da bancada de deputados federais do PT, o indicado de Eduardo Campos não tem amplitude nacional para a função.

– Seu olhar está focado apenas em Petrolina, disse o pernambucano Fernando Ferro.

Autor: Tags: , , , , , ,

sexta-feira, 30 de julho de 2010 Brasil | 11:02

Um alento para Canelas depois do vendaval

Compartilhe: Twitter

O Ministério da Integração Nacional vai repassar ao município de Canela (RS) R$ 5 milhões para conter os estragos provocados por  um vendaval que destruiu parte do município na quarta-feira da semana passada.

 A maior parte da verba — R$ 3,7 milhões — será destinada para o aluguel social de famílias desabrigadas. O restante do dinheiro vai para problemas de infraestrutura.

Autor: Tags: , , , , ,

quinta-feira, 29 de julho de 2010 Governo | 09:03

Decreto desburocratiza envio de verbas emergenciais

Compartilhe: Twitter

Depois das enchentes deste ano no Nordeste, no Sul do país e no Sudeste, o governo concluiu que precisa desburocratizar a transferência de recursos emergenciais para estados e municípios em casos de calamidade pública.

O Ministério da Integração Nacional já elabou um decreto, que será publicado até amanhã no Diário Oficial da União, facilitando essas transferências.

Não será mais necessário, por exemplo, esperar que a prefeitura ou o governo do Estado elaborem um Plano de Trabalho antes do envio dos recursos para o custeio de serviços emergenciais.

O planejamento mais detalhado será exigido apenas para obras de reconstrução.

Autor: Tags: , ,

segunda-feira, 28 de junho de 2010 Eleições | 06:58

Enchentes deixaram mal Geddel Vieira Lima, segundo pesquisas do PT

Compartilhe: Twitter

Pesquisa qualitativa realizada por aliados do governador petista da Bahia, Jacques Wagner, mostra que, diferentemente do que tem afirmado o deputado Geddel Vieira Lima (PMDB-BA), o fato de ele ter repassado a maior parte das verbas de sua pasta, quando ministro da Integração Nacional, para a Bahia, em detrimento de Estados atingidos por enchentes – como Pernambuco, Alagoas e Santa Catarina -, não lhe acrescenta significativamente mais votos na disputa pelo governo do Estado.

Ao contrário, atrapalhou a imagem que o deputado vinha construindo. Segundo essas pesquisas, os baianos se afirmam integralmente solidários com as vítimas das enchentes.

Autor: Tags: , , , , ,