Publicidade

Posts com a Tag partido fantasma

terça-feira, 14 de junho de 2011 Partidos | 15:13

A estratégia de Kassab para enfrentar a guerra jurídica

Compartilhe: Twitter

O prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, prepara uma estratégia para enfrentar a guerra jurídica (que já começou por Santa Catarina) e obter o registro de seu partido a tempo de disputar as eleições do ano que vem.

Faz esforço monumental para reunir não 500 mil, mas 800 mil assinaturas para apresentar à Justiça Eleitoral.

Autor: Tags: ,

segunda-feira, 13 de junho de 2011 Partidos | 06:03

Partido de Kassab corre contra o tempo

Compartilhe: Twitter

O prefeito Gilberto Kassab (Foto: Vanessa Carvalho/News Free/AE)

Nos próximos dias, o meio político – no que diz respeito à eleição de 2012 – volta-se para o cronograma de registro do partido do prefeito Gilberto Kassab.

De acordo com quem acompanha de perto o périplo, Kassab precisa reunir as 500 mil assinaturas em nove estados e entrar com o pedido de registro definitivo do PSD antes do recesso do judiciário.

Se o fizer antes, as chances de a legenda existir, de fato, para a eleição municipal são difíceis. Se o fizer depois do recesso, considera-se entre políticos com grande experiência no tema, será impossível.

Como se sabe, depois de apresentar as assinaturas começa a batalha mais árdua: responder às contestações de veracidade do jamegão de cada um dos 500 mil simpatizantes que serão feitas, principalmente, pelos partidos que mais perderam filiados, como DEM e PP.

Autor: Tags: , , , , ,

terça-feira, 5 de abril de 2011 Partidos | 18:02

O novo apelido de Kassab

Compartilhe: Twitter

Depois de declarar que seu partido “não é de direta nem de esquerda, nem de centro”, o prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, ganhou um apelido dos políticos: Fukuyama.

É aquele escritor que, em 1989, com a publicação de “O fim da história”, quis resuscitar a tese de Friederich Hegel de que as ideologias já não valiam mais nada, só para dar sustentação teórica ao liberalismo de Ronald Reagan e Margareth Tatcher.

Como se sabe, a história continuou, e Fukuyama ganhou muito dinheiro com palestras.

Autor: Tags: , , , ,

quarta-feira, 23 de março de 2011 Partidos | 17:04

Kassab, o solidário

Compartilhe: Twitter

Alguns filiados ao PSD foram para o partido comovidos pela sensibilidade do prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab. Nas conversas com muitos dos novos correligionários, Kassab se mostrou bastante preocupado com a situação daqueles não-eleitos e com suas dívidas de campanha.

Autor: Tags: , , ,

sexta-feira, 18 de março de 2011 Partidos | 10:54

O prazo de Afif Domingos

Compartilhe: Twitter

Afif Domingos (Foto: Rahel Patrasso/AE)

Uma questão anda intrigando quem trabalha com o vice-governador Afif Domingos, secretário de Desenvolvimento Econômico do Estado de São Paulo: tudo o que ele pede é para ser executado no prazo de 1 ano.

Afif hoje está no DEM, mas é dado como certa sua transferência para o novo partido do prefeito da capital, Gilberto Kassab.

Autor: Tags: , ,

quinta-feira, 17 de março de 2011 Partidos | 07:04

Desafio de Kassab é ficar bem na foto

Compartilhe: Twitter

O prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, vive um grande desafio depois do esvaziamento de seu partido fantasma bem antes do previsto em seu business plan.

Quem ele pensou que fosse entrar não quer mais se filiar à nova legenda. E quem se oferece para entrar pode, digamos, poluir a foto de lançamento do partido. Por enquanto, os mais entusiasmados são aqueles interessados em uma janela de oportunidade para pular para o PMDB, como adiantou Poder Online.

Mas o risco de a nova legenda já nascer com uma imagem arranhada no campo da ética é grande, segundo quem acompanha os movimentos políticos do prefeito.

Autor: Tags: , ,

terça-feira, 15 de março de 2011 Partidos | 13:04

DEM começa reação a partido de Kassab

Compartilhe: Twitter

No início do processo de sua transferência de partido, o prefeito Gilberto Kassab havia obtido a garantia a cumplicidade da direção do DEM.

A legenda ensaiou até um discurso ideológico de guinada conservadora sabendo que assim poderia ajudá-lo a justificar sua saída pela brecha de incompatibilidade de pensamento, prevista em lei.

O DEM também havia garantido a Kassab que seu mandato seria preservado se dependesse de o partido recorrer à Justiça.

Tudo isso mudou. Nos últimos meses, o prefeito sentiu a temperatura aumentar e o que a cúpula garantia estava em desencontro com o entendimento de alguns nomes do partido.

Agora há pouco, o vice-líder da bancada, Onix Lorenzoni (RS), postou em seu twitter:

– Kassab cria o PDB vulgo ” partido da boquinha” e coloca como relator de seus estatutos o dr “rollo”. Só há uma certeza “vai dar rolo “.

Autor: Tags: , , ,

quinta-feira, 10 de março de 2011 Partidos | 16:04

Kassab, o macroprudencial

Compartilhe: Twitter

São tantos os poréns – políticos e jurídicos – sobre a formação do seu partido fantasma que o prefeito Gilberto Kassab, segundo um constante interlocutor, adotou uma estratégia em suas articulações.

Kassab, agora, como diria o ministro Guido Mantega, está “macroprudencial”.

Autor: Tags: , ,

quarta-feira, 2 de março de 2011 Partidos | 10:04

Rossi fará intervenção em 353 diretórios do PMDB de São Paulo

Compartilhe: Twitter

Baleia Rossi (Foto: Divulgação)

O presidente do PMDB paulista, deputado Baleia Rossi, comunicou a alguns peemedebistas a intenção de promover intervenção em 353 diretórios municipais no estado.

Os candidatos a prefeito que já estavam contando com a legenda e, agora, correm o risco de ver o sonho da eleição escapar das mãos, podem acabar indo para o primeiro partido novo que surgir no país.

Um dos prefeitos preparados para sair do PMDB é Marcelo Barbieri, de Araraquara, talvez o mais fiel seguidor de Orestes Quércia. Seu destino será o mesmo do prefeito da capital, Gilberto Kassab, ou seja, o tal partido fantasma ou outra legenda.

(Atualização 21h04: a assessoria do vice-presidente Michel Temer telefonou agora há pouco para Poder Online e desmentiu o número de 353 diretórios. Temer garante que o combinado com o deputado Baleia Rossi é que haverá intervenção em apenas 31 diretórios do partido em São Paulo. Peemedebistas de São Paulo ouvidos pelor Poder Online trabalham com 353 diretórios, que seria o número de cidades onde o novo comando, pelo menos, influenciará na escolha dos novos dirigentes o que chamam de uma “intervenção branca”)

Autor: Tags: , , , ,

terça-feira, 1 de março de 2011 Partidos | 09:02

Kassab e os ventos de setembro

Compartilhe: Twitter

Gilberto Kassab (Foto: Daniela Souza/AE)

O prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, tem hoje bem menos certeza de que o DEM ficará quietinho quando começar a sangria de nomes para o seu partido fantasma – caso a legenda venha mesmo a existir em sete meses, como determina a legislação.

Os ventos de setembro podem fazer o DEM ir à Justiça e essa ameaça começa a turvar a mente de quem já estava com um pé no partido de Kassab.

Autor: Tags: , ,

  1. Primeira
  2. 1
  3. 2
  4. Última