Publicidade

Posts com a Tag Partido Novo

sexta-feira, 16 de janeiro de 2015 Partidos | 10:30

‘Um partido de oposição não é muito bem-vindo’, diz fundador do Partido Novo

Compartilhe: Twitter
O fundador do Partido Novo Cláudio Barra. (Foto: Divulgação)

O fundador do Partido Novo Cláudio Barra. (Foto: Divulgação)

O presidente do diretório distrital e fundador do Partido Novo, Cláudio Cavalcanti Barra, tem reclamado da demora para obtenção do registro da nova sigla. O grupo levou a documentação ao Tribunal Superior Eleitoral em julho do ano passado, mas quase seis meses depois o processo ainda não foi julgado.

“Eles não têm vontade política em tramitar o processo. Está demorando muito. Um partido de oposição não é muito bem-vindo. Se for para entrar na base, é outro tempo”, critica Barra. “Cada processo está instruído de forma diferente, o que é óbvio. Mas não se justifica demorar mais de 6 meses num processo administrativo”, completa.

O último pedido analisado foi o de criação da Rede Sustentabilidade, que levou menos de dois meses para ser concluído – e negado. Pouco antes, foi autorizada a criação do PROS e do Solidariedade, com cerca de três meses de tramitação. No ano anterior, entretanto, o Partido Ecológico Nacional (PEN) teve de aguardar mais de nove meses até ser registrado. Dos quatro, apenas o PROS compõe a base do governo.

Leia também: Ainda sem registro, Partido Novo é o terceiro maior no Facebook

 

Autor: Tags: , , , , , ,

terça-feira, 13 de janeiro de 2015 Partidos | 07:30

Ainda sem registro, Partido Novo é o terceiro maior no Facebook

Compartilhe: Twitter
O presidente do diretório distrital do Partido Novo, Cláudio Cavalcanti Barra. Foto: Reprodução

O presidente do diretório distrital do Partido Novo, Cláudio Cavalcanti Barra. Foto: Reprodução

Os fundadores do Partido Novo ainda aguardam uma decisão do Tribunal Superior Eleitoral sobre o pedido de registro da sigla, feito em julho do ano passado. Até lá, porém, o grupo tem comemorado o sucesso nas redes sociais.

Atualmente, a página oficial do partido no Facebook é a terceira com mais seguidores entre as siglas brasileiras. Com 731 mil curtidas, o perfil perde apenas para o PSDB e o PT, que reúnem, respectivamente, 1,2 milhões e 920 mil usuários da rede social.

De acordo com o presidente do diretório distrital do partido, Cláudio Cavalcanti Barra, a equipe responsável pela administração dos perfis “é bastante enxuta” e conta apenas com quatro profissionais contratados. “Nossa lógica não é igual à da velha política”, diz Barra, “nosso objetivo é atrair outro perfil para a política, o cara que não está na política”.

Autor: Tags: , , , , ,

quarta-feira, 23 de julho de 2014 Partidos | 16:13

Partido Novo registra legenda hoje na Justiça eleitoral

Compartilhe: Twitter
O presidente distrital do Partido Novo, Cláudio Cavalcanti Barra. Foto: Divulgação

O presidente distrital do Partido Novo, Cláudio Cavalcanti Barra. Foto: Divulgação

O Partido Novo solicitará na tarde desta quarta-feira o registro da legenda junto ao Tribunal Superior Eleitoral. Entre as principais bandeiras do grupo estão o fim do voto obrigatório e a extinção do fundo partidário – com apoio ao financiamento exclusivamente privado de campanha.

De acordo com o presidente do diretório distrital do partido, Cláudio Cavalcanti Barra (foto), a escolha do momento eleitoral para registrar o partido diferencia a futura legenda dos demais partidos. “Nossa lógica é completamente diferente. Não seguimos o cronograma nacional, pois não estamos interessados no troca-troca de cargos e partidos. Queremos atrair cidadãos comuns”, diz Barra.

O partido já obteve as cerca de 500 mil assinaturas necessárias e possui nove diretórios regionais constituídos – São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Espírito Santo, Rio Grande do Norte, Rondônia, Mato Grosso do Sul, Goiás e Distrito Federal. Caso o registro seja aceito, o presidente do Partido Novo será o engenheiro e executivo João Dionísio Amoedo.

Leia mais: Pirata, Militar, Novo e Arena tentam virar partidos políticos no Brasil

Autor: Tags: , , ,

sábado, 28 de setembro de 2013 Eleições | 07:00

Sem registro para disputar 2014, partido sem políticos mira 2016

Compartilhe: Twitter

Enquanto PROS e Solidariedade já garantiram registro para disputar a eleição do ano que vem, mais uma legenda além da Rede da ex-senadora Marina Silva aguarda na fila da Justiça Eleitoral.  Criado com a pretensão de atrair pessoas novatas na política, o Partido Novo ainda precisa validar 388 mil assinaturas e, de acordo com seu presidente, o engenheiro João Dionísio Almoêdo, não conseguirá o registro a tempo de disputar em 2014.

 A intenção da Executiva Nacional da nova legenda -que conseguiu aval para montar nove diretórios estaduais- é disputar as eleições para prefeito e vereador em 2016.

A sigla foi criada em 2011 por um grupo de pessoas do setor privado -entre eles o presidente do Instituto Liberal e membro-fundador do Instituto Millenium (ligado ao PSDB), Rodrigo Constantino. Almoêdo afirma que a intenção é não recorrer a políticos já experientes.

“Nosso projeto é a longo prazo, de trazer novas pessoas, novos conceitos, por isso um novo partido. Não vemos em nenhum existente o que defendemos, um estado que intervenha menos e que priorize as atividades básicas, como saúde e educação. O estado não tem que administrar banco, empresa de petróleo, Correios. O setor de  infraestrutura poderia ser boa parte da iniciativa privada”, disse.

Autor: Tags: ,