Publicidade

Posts com a Tag Paulo Souto

sexta-feira, 29 de agosto de 2014 Eleições | 12:00

‘Marina não vai mudar em nada as eleições da Bahia’, diz peemedebista

Compartilhe: Twitter
Lucio Vieira Lima (divulgação)

Lucio Vieira Lima (divulgação)

Na opinião do deputado federal e candidato à reeleição Lúcio Vieira Lima (PMDB-BA), a reviravolta presidencial não terá impacto nas eleições para o governo da Bahia.

“Tá claro nestas eleições que ninguém tá puxando voto na Bahia”, disse o peemedebista, que é aliado do presidenciável Aécio Neves (PSDB) e do candidato a governador Paulo Souto (DEM-BA) – que atualmente venceria no primeiro turno.

De acordo com Lima, o crescimento da candidata a presidente Marina Silva (PSB) prejudicará o desempenho de Souto, nem favorecerá seus principais adversários, Rui Costa (PT-BA) e Lídice da Mata (PSB-BA). “Marina não vai mudar em nada as eleições da Bahia”, afirma Lima.

Leia também: Paulo Souto comemora apoio de rebeldes na Bahia

Autor: Tags: , , , , , , , , ,

segunda-feira, 7 de julho de 2014 Eleições | 17:57

Paulo Souto comemora apoio de rebeldes na Bahia

Compartilhe: Twitter
O prefeito de Queimadas, Tarcísio de Oliveira Pedreira (PR), ao lado do candidato ao governo da Bahia, Paulo Souto (DEM), do vice-prefeito de Queimadas, Pininho, e do candidato ao Senado, Geddel Vieira Lima (PMDB). (Foto: Divulgação)

O prefeito de Queimadas, Tarcísio de Oliveira Pedreira (PR), ao lado do candidato ao governo da Bahia, Paulo Souto (DEM), do vice-prefeito de Queimadas, Pininho, e do candidato ao Senado, Geddel Vieira Lima (PMDB). (Foto: Divulgação)

Em reunião na tarde desta segunda-feira, os candidatos ao governo da Bahia, Paulo Souto (DEM) e ao Senado, Geddel Vieira Lima (PMDB), comemoraram o apoio do PR da cidade de Queimadas à coligação Unidos Pela Bahia.

A aliança foi formalizada pelo prefeito do municipío, Tarcísio Pedreira (PR), e vai contra a decisão estadual do PR, que apoia o candidato petista ao governo, Rui Costa.

Além de Queimadas, Paulo Souto também conta com o apoio do prefeito de Buritirama, Arival Viana (PSD), apesar de seu partido ter indicado Otto Alencar (PSD) à vaga do Senado na chapa de Rui Costa.

 

Autor: Tags: , , , , , ,

segunda-feira, 24 de março de 2014 Eleições | 17:00

Tucano coloca panos quentes em demora para definição de chapa na Bahia

Compartilhe: Twitter
Líder do PSDB na Câmara, Antônio Imbassahy aposta em oposição unificada

Líder do PSDB na Câmara, Antônio Imbassahy aposta em oposição unificada

O deputado federal baiano Antônio Imbassahy, líder do PSDB na Câmara, justificou a demora na escolha da chapa de oposição ao governo da Bahia com um esforço de garantir a unidade do grupo.

“Temos dois candidatos com uma possibilidade de vitória muito grande. Nosso esforço é para que todos estejamos juntos”, afirmou Imbassahy.

Frente às cobranças por mais agilidade na decisão – feitas inclusive pelo irmão de Geddel, o deputado federal Lucio Vieira Lima (PMDB-BA) -, o tucano defendeu o processo de negociações encabeçado pelo prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM). “Ele está conduzindo tudo de  forma muito responsável”, garantiu.

Nem mesmo na festa de 15 anos da filha de Geddel, que reuniu toda oposição no último sábado, em Salvador – a conversa avançou. “Teve comentários, conversas de todo o tipo, natural de um ambiente como esses, mas nada de novo foi definido”, disse Imbassahy.

No momento, a prioridade do PSDB é emplacar o nome de João Gualberto – seja para vice ou senado -, na chapa do grupo que garantiu a eleição de ACM Neto à prefeitura de Salvador.

Autor: Tags: , , , , , , , ,

quarta-feira, 12 de março de 2014 Eleições | 10:00

Irmão de Geddel cobra definição sobre candidatura na Bahia: ‘a oposição não está aproveitando o tempo’

Compartilhe: Twitter

O deputado federal Lúcio Vieira Lima (PMDB-BA) cobra uma definição a respeito da candidatura de oposição na Bahia.

O mediador desse processo, que envolve as demandas de Geddel Vieira Lima (PMDB), irmão de Lúcio, e Paulo Souto (DEM), é o prefeito de Salvador, ACM Neto.

“O tempo está findando. Não tem mais tempo, sob o risco das oposições enfraquecerem, de ficar aguardando”, cobrou Lima. “Não pode demorar ainda. Não pode passar de março”, acrescentou o deputado, que afirmou ainda que “a oposição não está aproveitando o tempo”.

O deputado reconheceu que arestas precisam ser aparadas, mas alertou que isso deve ser feito o mais depressa possível.

Lima criticou ainda o candidato do PT à sucessão de Jaques Wagner, ao dizer que Rui Costa foi “retirado do bolso do colete do governador” e que ele não tem nada a mostrar. “Ele não tem o que mostrar”.

Asssita:

Autor: Tags: , , , , ,

quarta-feira, 26 de fevereiro de 2014 Eleições | 12:00

Azedume na oposição atrasa escolha do candidato na Bahia

Compartilhe: Twitter

Já foi melhor a relação entre os três partidos que lideram o grupo de oposição ao PT na Bahia. Desde que Paulo Souto (DEM) desistiu de desistir da sua pré-candidatura ao governo baiano, PSDB, DEM e PMDB lutam para recuperar a sintonia.

O mais recente capítulo da novela que promete dizer no último capítulo quem será o adversário de Rui Costa (PT) é o movimento de parte do PSDB no sentido de tentar convencer Geddel Vieira Lima (PMDB) a desistir da candidatura e tentar um vaga no Senado.

De sua parte, o PMDB diz que se o caminho for este, também tentará convencer Souto a desistir de sua candidatura e concorrer a uma vaga no Senado. Não há como esconder que o clima azedou e que isso tem sido o principal motivo do atraso no anúncio do nome do cabeça de chapa da oposição na Bahia.

Azar do prefeito ACM Neto, articulador dos oposicionistas, que terá de buscar entendimento para que o grupo possa anunciar o pré-candidato imediatamente após o Carnaval.

Já há uma avaliação do PMDB que a demora compromete parte da estratégia e dá tempo de Rui Costa combater sua baixa taxa de conhecimento num campo livre de oposicionistas.

Autor: Tags: , , , , , ,

Eleições | 10:30

Tucanos tentarão convencer Geddel a desistir de candidatura na Bahia

Compartilhe: Twitter

Parte do PSDB baiano tem tentado convencer Geddel Vieira Lima (PMDB-BA) a deixar de concorrer ao governo do estado e entrar na coligação para a eleição de Paulo Souto (DEM). Para isso, a aliança já ofereceu a Geddel a vaga para disputar o Senado.

O argumento é de que pesquisas não registradas, encomendadas pelos partidos no final de janeiro apontam um cenário mais favorável ao candidato apoiado pelo prefeito de Salvador, Antônio Carlos Magalhães Neto.

Para os tucanos, a definição sobre quem será o candidato só ocorrerá após o Carnaval. DEM, PSDB, PV, PTN, PROS, PPS Já tomaram a decisão de caminharem juntos na Bahia. Já o PMDB quer exatamente o contrário do que quer o PSDB: ter Geddel como cabeça de chapa e dar a Paulo Souto a vaga ao Senado.

Autor: Tags: , , , , , ,

terça-feira, 21 de janeiro de 2014 Eleições | 19:30

Na Bahia, oposição fixa prazo de 10 dias para escolha de candidato

Compartilhe: Twitter
Lucio Vieira Lima (divulgação)

Lucio Vieira Lima (divulgação)

Os principais partidos de oposição ao governador baiano Jaques Wagner (PT) definiram o cronograma para a escolha do candidato que deverá enfrentar o PT na corrida eleitoral deste ano.

Leia também: ACM Neto vai liderar estratégia de oposição ao PT na Bahia

“O compromisso é que a gente tenha até o final de janeiro a decisão interna sobre o nome”, disse o deputado Lúcio Vieira Lima (PMDB-BA).

Os dois nomes mais fortes nesta disputa são de Paulo Souto (DEM) e do irmão de Lima, Geddel Vieira Lima (PMDB).

Autor: Tags: , , , ,

sexta-feira, 21 de junho de 2013 Eleições | 16:36

PMDB prepara costura para atrair DEM e PSDB na Bahia

Compartilhe: Twitter

O PMDB espera conseguir fechar aliança com o PSDB e DEM para a candidatura de Geddel Vieira Lima na Bahia.

O partido cita o nome do ex-governador Paulo Souto para concorrer a uma vaga no senado para atrair o DEM.

Com isso, esperam reservar a vaga de vice para que o PSDB indique nomes.

Autor: Tags: , , , ,

quarta-feira, 29 de setembro de 2010 Eleições | 01:37

Bahia

Compartilhe: Twitter

Jaques Wagner (PT)

Total da receita: R$ 9.622.150,00

Total da despesa: R$ 4.560.590,62

Paulo Souto (DEM)

Total da receita: R$ 5.645.217,16

Total da despesa: R$ 5.162.072,73

Geddel Vieira Lima

Total da receita: R$ 1.415.035,42

Total da despesa: R$ 1.372.333,11

Autor: Tags: , , , , ,

segunda-feira, 20 de setembro de 2010 Eleições | 17:04

Bahia X Espírito Santo, a briga das moquecas

Compartilhe: Twitter

Paulo Souto

A possibilidade de o DEM baiano perder no primeiro turno para o governador Jaques Wagner (PT), como indicam as pesquisas, está  causando um rebuliço na campanha do candidato Paulo Souto. Um colaborador  da campanha do DEM, André Ferraro, fez críticas ao marketing do partido em seu twitter.

Ferraro, que era contratado pela assessoria  para analisar dados da campanha, classificou como “farsa” parte da equipe de marketing importada do Espírito Santo e, segundo ele, alheia à realidade baiana. A equipe é chefiada pela publicitária Bete Rodrigues, que fez várias campanhas capixabas desde 1990.

Num dos posts que fez no twitter, Ferraro chegou a observar que não estava jogando o vatapá no ventilador, porque já havia exposto sua avaliação à coordenação da campanha do DEM.

Horas depois, a assessoria de Souto divulgou nota dizendo que Ferraro nunca exerceu função junto ao marketing político da campanha e que sua atuação foi a realização de um trabalho técnico como membro da equipe. E que, além disso, o twitter é instrumento de comunicação pessoal.

Autor: Tags: , , , , , ,

  1. Primeira
  2. 1
  3. 2
  4. Última