Publicidade

Posts com a Tag PMDB

quarta-feira, 30 de abril de 2014 Eleições | 07:00

Depois de fechar com PT, PMDB mineiro sai à caça de infiéis

Compartilhe: Twitter

O PMDB de Minas Gerais -que oficializou apoio ao PT nesta semana- está agora à caça de infiéis.

O presidente do diretório estadual, deputado Antônio Andrade (PMDB-MG), acusa o governador Alberto Pinto Coelho (PP) de segurar liberação de recursos para os municípios para “aliciar” prefeitos.

Uma ala do PMDB era contrária a aliança com o PT e defendia apoio ao PSDB, da base de Coelho. Esse grupo diz que o apoio aos petistas foi dado sem dialogar com a base da sigla. Para o deputado Saraiva Felipe (PMDB-MG), será preciso, agora, fazer um trabalho de convencimento dos prefeitos que já trabalhavam pelo governo tucano.

Leia também: Dirigente do PMDB mineiro descarta aliança com PSDB

Autor: Tags: , , ,

segunda-feira, 28 de abril de 2014 Congresso | 18:00

Um mimo para Eduardo Cunha

Compartilhe: Twitter

Um petista com bom trânsito no governo faz um diagnóstico do que levou o deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) a ganhar tanto poder nas relações com o Planalto. Para ele, o problema é que o Planalto “mima” demais o peemedebista.

Isso porque, no fim das contas, o governo sempre cede e dá a ele exatamente o que quer. “Quem fortaleceu o Eduardo Cunha foi o próprio governo, com tudo o que fez de errado na articulação”, alfineta o petista.

Autor: Tags: ,

Congresso | 08:00

PSOL lança campanha virtual por veto de Dilma à anistia dos planos de saúde

Compartilhe: Twitter

A bancada do PSOL no Congresso Nacional lançou uma campanha virtual direcionada à presidente Dilma Rousseff. O objetivo é garantir o veto às mudanças no texto da Medida Provisória 627 – já sinalizado pelo Planalto.

Leia também: Ministério Público pede que Senado altere medida provisória sobre planos de saúde

“Não aceitamos a anistia de R$ 2 bilhões aos planos de saúde”, afirma a campanha puxada pelo senador Randolfe Rodrigues (PSOL-AP) e os deputados Ivan Valente (PSOL-SP), Chico Alencar (PSOL-RJ) e Jean Wyllys (PSOL-RJ). Nesta terça-feira, o grupo organizará um twitaço – mobilização no Twitter – com a hashtag “Veta Dilma”.

Articuladas pelo deputado federal e relator da MP, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), as mais de 500 emendas ao texto beneficiam não só os planos de saúde mas também uma série de outros grupos empresariais. Em vez de tentar resgatar o caráter original da proposta ainda no Senado, porém, o próprio Ministério da Saúde preferiu costurar o veto presidencial.

Autor: Tags: , , , , , , , , , ,

quinta-feira, 24 de abril de 2014 Congresso | 11:00

Benedita da Silva diz temer veto à lei das domésticas

Compartilhe: Twitter
A deputada federal Benedita da Silva (PT-RJ) e o senador Romero Jucá (PMDB-RR). - (Foto: Agência Brasil)

A deputada federal Benedita da Silva (PT-RJ) e o senador Romero Jucá (PMDB-RR). – (Foto: Agência Brasil)

A deputada federal Benedita da Silva (PT-RJ) está se articulando para chegar a um consenso sobre a regulamentação da PEC das Domésticas. A intenção é evitar um possível veto do governo federal.

Na semana que vem ela se reunirá com o relator no Senado Romero Jucá (PMDB-RR) e o deputado Cândido Vaccarezza (PT-SP), que presidiu a comissão mista especial.

Leia também:  ‘Se fosse hoje, eu não trabalharia como empregada doméstica’, diz Benedita

O ponto que mais gera polêmica, atualmente, são os valores de arrecadação do FGTS. “Sei que o Romero Jucá está irredutível, mas precisamos conversar e chegar num acordo. Ou é isso ou o governo já disse que vai vetar”, afirmou a petista.

Otimista, Benedita pretende aprovar o projeto até dia 13 de maio, quando é celebrada a abolição da escravatura no Brasil.

Autor: Tags: , , , , ,

terça-feira, 22 de abril de 2014 Congresso | 11:00

Deputados custam a se entender sobre a reforma política

Compartilhe: Twitter

A PEC da reforma política, que saiu do grupo de trabalho liderado pelo petista Cândido Vaccarezza (PT-SP), está na pauta da reunião de hoje na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), mas o texto ainda custa a andar.  “Não vai ter acordo no colégio de líderes e, quando isso acontece, dificilmente o presidente insiste em manter na pauta”, afirmou o deputado Nilmário Miranda (PT-MG).

Leia também: ‘Estou rezando para o STF votar logo’, diz presidente da CCJ sobre reforma política

No texto, relatado por Leonardo Picciani (RJ), está em questão nada menos que o financiamento privado das campanhas eleitorais. O texto também trata de outras propostas de mudança nas regras, como voto facultativo.

Em paralelo, corre a articulação do PL 6316/2013, de autoria da deputada Luiza Erundina (PSB-SP). O plano é lançar nesta tarde a Coalizão Parlamentar pela Reforma Política Democrática. O grupo conta com parlamentares do próprio PT, PSB e PCdoB, entre outros partidos – além do apoio de entidades como OAB e CNBB.

Autor: Tags: , , , , , , , ,

segunda-feira, 14 de abril de 2014 Eleições | 16:00

Partidos da oposição pressionam PT por apoio a Flávio Dino

Compartilhe: Twitter

O  PDT, PSB, SDD e PTC passaram a pressionar o PT de Maranhão por uma definição no estado. Representantes dos partidos -entre eles o deputado ex-petista Domingos Dutra (SDD)- compareceram ao evento da corrente Resistência Petista em apoio ao pré-candidato do PCdoB ao governo do estado, Flávio Dino, que foi chamado de Dia da Dignidade Petista.

Ato de grupo petista em apoio a Flavio Dino (foto: divulgação)

Ato de grupo petista em apoio a Flavio Dino (foto: divulgação)

Além dos partidos opositores ao PMDB-MA, o grupo ganhou apoio de um dos fundadores do PT Manoel da Conceição Santos, petista histórico adversário da família Sarney. Os petistas dissidentes elaboraram um documento em que pedem que o partido “volte a beber da fonte em que surgiu” e que “o controle político dos Sarney impede que o Maranhão usufrua da Republica e dos ganhos dos governos Lula e Dilma”.

No ato, Dino afirmou que era preciso “trazer o PT de volta para o nosso campo ainda em 2014”. No entanto, ele declarou abrir palanque para o ex-governador de Pernambuco pré-candidato à Presidência, Eduardo Campos (PSB), o que vem sendo usado pelo PT como empecilho e gerado críticas do pré-candidato do PMDB aoo governo do estado, senador Lobão Filho.

O PT ainda não bateu o martelo sobre alianças no estado.

Leia também: Ala do PT de Maranhão vai fazer ato de apoio a Flavio Dino

Autor: Tags: , , , , , , ,

sexta-feira, 11 de abril de 2014 Congresso | 12:00

Vital do Rêgo desconversa sobre votação do Marco Civil da Internet

Compartilhe: Twitter

Questionado sobre a possibilidade de se votar o Marco Civil da Internet ainda em abril, como queria a presidente Dilma Rousseff, o senador Vital do Rêgo (PMDB-PB) desconversou.

“O Senado tem o mesmo direito de estudar o projeto e aperfeiçoá-lo ou não. Entendo que até a metade desse ano, ou até o término dessa atividade legislativa, nós vamos ter todas essas condições”, afirmou Vital.

Na última quarta-feira, em reunião com movimentos sociais que defendem a aprovação urgente do projeto, o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), se comprometeu a agilizar o processo na Casa.

Também acompanhavam a conversa, com bastante interesse, o relator do projeto na Câmara, Alessandro Molon (PT-RJ) e o senador Lindbergh Farias (PT-RJ).

Assista:

Autor: Tags: , , , , , ,

quinta-feira, 10 de abril de 2014 Eleições | 12:00

No Mato Grosso, avança negociação sobre aliança em torno de candidato petista

Compartilhe: Twitter
Lúdio Cabral é o pré-candidato petista ao governo do Mato Grosso. (Foto: Divulgação)

Lúdio Cabral é o pré-candidato petista ao governo do Mato Grosso. (Foto: Divulgação)

No almoço de hoje, as discussões sobre a construção da aliança encabeçada por PT, PMDB, PR e Pros devem avançar. Os aliados se reunirão em um hotel, no centro de Cuiabá, para debater uma possível distribuição dos cargos, em uma chapa encabeçada por Lúdio Cabral (PT).

Desde que o peemedebista Blairo Maggi afirmou que não seria candidato, o PMDB tem demonstrado cada vez mais simpatia à candidatura de Cabral e já sinalizou, inclusive, que pode aceitar o cargo de vice-governador.

Dessa forma, o PMDB cederia ao PR na disputa pela cadeira ao Senado Federal. O mais cotado para a disputa, atualmente, é o deputado federal Wellington Fagundes (PR).

No encontro, também devem estar presentes representantes do PSD, PSC, PRB, PCdoB e PP, que compõem a aliança no Mato Grosso.

Leia também: Petista mantém otimismo de que Maggi não será candidato no MT

 

Autor: Tags: , , , , ,

quarta-feira, 9 de abril de 2014 Eleições | 07:00

Ala do PT de Maranhão vai fazer encontro de apoio a Flávio Dino

Compartilhe: Twitter

Uma das correntes do PT de Maranhão, a Resistência Petista, promove no fim de semana, em São Luís, um encontro em apoio ao pré-candidato do PCdoB ao governo do estado, Flávio Dino. O slogan da reunião: “Sou Lula, Dilma e Flávio Dino – O PT fazendo parte da mudança do Maranhão”.

Flavio Dino (Foto: Divulgação)

Flavio Dino (Foto: Divulgação)

A direção nacional do PT -que atualmente é aliado da governadora Roseana Sarney (PMDB-MA)- ainda não bateu o martelo sobre o apoio no estado e sofre pressão para rever a aliança. O PMDB lançará candidato para a sucessão de Roseana.

“O Brasil mudou com os governos de Lula e Dilma, mas o Maranhão continua preso ao sistema oligárquico, que compromete a qualidade de vida dos maranhenses. O Maranhão, como há cinquenta anos, ostenta alguns dos piores indicadores sociais do Brasil, em educação, saúde, saneamento básico e outros. Para acompanhar o Brasil, o Maranhão precisa mudar. E, pra mudar o Maranhão é preciso mudar a política do Maranhão, o governo do Maranhão”, diz o convite para o encontro, que terá a presença de Dino.

Leia também: Crise no Maranhão eleva pressão por candidatura forte do PMDB

Autor: Tags: , , , , , ,

segunda-feira, 7 de abril de 2014 Estados | 15:09

Justiça do Pará obriga jornal de Jader Barbalho a reintegrar grevistas

Compartilhe: Twitter
Senador Jader Barbalho (PMDB-PA)

Senador Jader Barbalho (PMDB-PA)

A juíza do Trabalho Karla Martins Frota determinou, nesta segunda-feira – Dia do Jornalista – a reintegração de quatro repórteres demitidos do grupo RBA, após participarem de greve, em 2013. O grupo também foi condenado a pagar R$ 30 mil a cada jornalista, por danos morais.

O grupo RBA de Comunicação é controlado pela família do senador Jader Barbalho (PMDB-PA) e reúne o jornal impresso Diário do Pará, o portal Diário Online, além de canais de rádio e TV.

Além destes quatro jornalistas, mais 12 grevistas foram demitidos e ainda aguardam resultado judicial. A decisão foi tomada em primeira instância e ainda cabe recurso.

 

Autor: Tags: , , , , , ,

  1. Primeira
  2. 10
  3. 18
  4. 19
  5. 20
  6. 21
  7. 22
  8. 30
  9. 40
  10. 50
  11. Última