Publicidade

Posts com a Tag PMDB

sexta-feira, 22 de novembro de 2013 Eleições | 08:00

Temer fará giro nos estados para mobilizar PMDB

Compartilhe: Twitter
Michel Temer (Foto: William Volcov/AE)

Michel Temer (Foto: William Volcov/AE)

O PMDB planeja usar com mais vigor a presença do vice-presidente da República, Michel Temer, nos estados a partir de janeiro.

A ideia do partido é levar Temer para um giro nacional, passando pelos estados em que o PMDB terá candidatura própria, como forma de estimular a militância e fomentar as campanhas estaduais.

Autor: Tags: , ,

quinta-feira, 21 de novembro de 2013 Política | 13:16

Oposição contesta cassação de presos sem discussão em plenário

Compartilhe: Twitter

Líderes do PSDB e do PPS na Câmara vão questionar a legalidade da decisão de levar ao plenário a cassação de mandato dos deputados condenados no processo do mensalão, anunciada pelo presidente da Casa, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN).

Saiba mais sobre o julgamento do mensalão

A abertura de um processo pela Câmara contraria a decisão mais recente do Supremo Tribunal Federal (STF) que determinou a cassação imediata de todo parlamentar condenado em última instância. O caso de Genoino começaria a ser discutido hoje, mas Alves adiou.

O deputado Roberto Freire (PPS-SP) entrará com uma questão de ordem na Casa assim que o assunto começar a ser discutido.  Carlos Sampaio (SP), líder do PSDNB, vai apelar para o STF.

O ministro do STF Gilmar Mendes também já criticou publicamente a decisão do presidente da Câmara.

Autor: Tags: , , , , , , , ,

terça-feira, 12 de novembro de 2013 Congresso | 06:00

Para peemedebistas, mudança em ‘royalties’ será ponto de maior polêmica no Código de Mineração

Compartilhe: Twitter

O cálculo da Compensação Financeira pela Exploração Mineral (CFEM), equivalente aos royalties pela exploração mineral, deverá ser o ponto de maior tensão no debate do novo Código de Mineração.

Leia também: Relator do Código de Mineração promete liberar parecer na sexta-feira para correligionários

A opinião é de deputados do PMDB, que discutem hoje em reunião da bancada os detalhes da proposta que será apresentada amanhã pelo relator, Leonardo Quintão (PMDB-MG), na comissão especial que discute o texto.

Pelo projeto enviado pelo governo ao Congresso, a alíquota da CFEM seria definida por decreto presidencial e teria teto máximo de 4% da receita bruta de venda, descontados impostos.

O relatório preliminar, protocolado ontem na comissão, diz que essa alíquota não será determinada pela presidência por meio de decreto, mas será especificada na própria lei, o que tira poder do Executivo.

Os valores das alíquotas estarão especificadas em anexo que ainda está em fase de elaboração.

Autor: Tags: , , ,

quinta-feira, 7 de novembro de 2013 Congresso | 06:00

Relator do Código de Mineração promete liberar parecer na sexta-feira para correligionários

Compartilhe: Twitter
Leonardo Quintão

Leonardo Quintão

O deputado Leonardo Quintão (PMDB-MG) fez uma apresentação para correligionários sobre questões relacionadas ao Código de Mineração, proposta que ele relata na Câmara dos Deputados.

O tema é apontado por muitos como o mais polêmico que será avaliado pela Câmara desde a votação da MP dos Portos.

Durante a apresentação, Quintão prometeu que adiantar para os correligionário uma cópia do seu relatório nesta sexta-feira e acrescentou acreditar ser possível votá-lo na comissão especial na próxima quarta-feira.

Diante do exposto, o líder da bancada, Eduardo Cunha (RJ), marcou uma reunião para a véspera, na terça-feira, para deliberar sobre o texto.

A matéria é uma das prioridades do governo neste final de ano. O texto chegou a ter pedido de urgência constitucional feito pela presidência, que retirou o pedido sob a promessa de que o Código de Mineração será votado ainda este ano.

Autor: Tags: , , ,

quarta-feira, 6 de novembro de 2013 Cidades | 07:30

Câmara de SP homenageará Elba Ramalho, Bruna Lombardi e ex-secretário de segurança

Compartilhe: Twitter

Enquanto a população ainda discute o aumento do IPTU aprovado pela Câmara de Vereadores de São Paulo, os vereadores discutem homenagens a celebridades.

O vereador Calvo (PMDB) teve seu projeto de título de Cidadã Paulistana para a cantora Elba Ramalho aprovado por ser “itinerante, dinâmica, alegre, fazendo shows, gravando discos e sendo participativa em beneficio da sociedade, engajada em movimento pela vida”.

Já Andrea Matarazzo (PSDB) aprovou a Medalha Anchieta e o Diploma de Gratidão da Cidade de São Paulo para atriz Bruna Lombardi pelo “movimento Amor em Sampa, inspirando e promovendo ações de cidadania e novas atitudes para transformar a relação do morador de São Paulo com a cidade”.

A Câmara também aprovou o projeto do vereador coronel Telhada (PSDB), com as mesmas homenagens que serão dadas à Bruna, para o ex-secretário de Segurança Pública do Estado de São Paulo Antonio Ferreira Pinto, pela “dedicação, respeito e disciplina” demonstra em toda sua carreira.

Autor: Tags: , , , , , , ,

quarta-feira, 30 de outubro de 2013 Política | 18:45

PEC de 2003 que destina 2% do Orçamento para Cultura vai entrar em pauta

Compartilhe: Twitter

Depois de dez anos de tramitação no Congresso, a Proposta de Emenda Constitucional (PEC) 150, que destina 2% do Orçamento da União para a Cultura, será colocada em pauta pelo presidente da Câmara, deputato Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), na semana que vem.

Ministra Marta Suplicy (Foto: Tomaz Silva/ABr)

Ministra Marta Suplicy (Foto: Tomaz Silva/ABr)

A decisão foi tomada nesta quarta-feira (30) após reunião com a deputada Jandira Feghali (PCdoB), presidente da Comissão de Cultura e Educação da Casa. A intenção é que a proposta seja votada no dia 5 de novembro, Dia Nacional da Cultura. De acordo com Jandira, a expectativa é que proposta deve ser aprovada.

A ministra Marta Suplicy (Cultura) receberá a boa notícia em reunião coma deputada no início da noite de hoje. A PEC é uma das bandeiras da ministra desde quando ela assumiu o posto, no ano passado.

Leia também: Marta Suplicy ganha força para substituir Mercadante no MEC

Autor: Tags: , , , , , , ,

sexta-feira, 25 de outubro de 2013 Eleições | 07:30

PMDB negocia com Ibope pacote de pesquisas pelos estados

Compartilhe: Twitter

O presidente nacional do PMDB, senador Valdir Raupp (RO), esteve nesta semana na sede do Ibope, em São Paulo.

Raupp está negociando com o instituto a contratação de pesquisas para testar a viabilidade e potencialidade das candidaturas do partido nos 20 estados em que o PMDB pretende lançar nome próprio.

O partido deverá dedicar especial atenção aos estados que considera atualmente como problemáticos: Bahia, Ceará, Maranhão e Rio de Janeiro

Autor: Tags: , , ,

quinta-feira, 24 de outubro de 2013 Congresso | 17:53

PMDB articula derrubada de veto de Dilma ao Mais Médicos

Compartilhe: Twitter

A bancada do PMDB na Câmara dos Deputados não engoliu o veto que a presidente Dilma Rousseff (PT) fez ao programa Mais Médicos.

Dilma vetou o primeiro parágrafo do artigo 16º, que autorizava a permanência de médicos no Brasil por mais de três anos somente para profissionais que seguissem carreira na área pública. Na prática, o veto representa um recuo na negociação para a criação da carreira pública de médico, pleito antigo da categoria.

O trecho teve apoio da bancada do PMDB, daí a insatisfação. Por isso, na reunião da próxima terça-feira, a bancada tratará do tema e não descarta obstruir outras pautas de interesse do governo como resposta ao veto da presidente.

Autor: Tags: , , ,

Congresso | 08:00

PT testa base na Câmara para reduzir dependência em relação ao PMDB

Compartilhe: Twitter

Em disputa cada vez mais acirrada com o PMDB na Câmara, o PT começou a fazer algumas experiências para testar a base aliada na Casa. O partido da presidente Dilma Rousseff tenta encontrar uma receita para reduzir a dependência em relação aos votos peemedebistas em votações estratégicas para o governo.

Leia também: Com desfecho da minirreforma eleitoral, Eduardo Cunha deu prova de força ao PT

Reservadamente, líderes petistas confirmam que a ideia é criar uma relação mais horizontal com os partidos da base e até atrair apoio de legendas que já não compõem o governo.

No caso da minirreforma eleitoral, aprovada nesta semana, o PT bateu de frente mais uma vez com o PMDB. Mas conseguiu reunir apoios para o seu lado do tabuleiro de PP, PROS, PCdoB, PDT e até do PSB, que deixou o governo para assumir a candidatura de Eduardo Campos (PSB).

O PT pretende atender a algumas demandas de partidos médios na Casa para em troca poder contar com o apoio deles em casos de bolas divididas com o PMDB, sobretudo em matérias que mexam com a área econômica, como por exemplo, o Marco da Mineração, de deverá ser votado ainda este ano e promete ser tão polêmico quanto a MP dos Portos.

Autor: Tags: , ,

quarta-feira, 23 de outubro de 2013 Eleições | 18:45

Pedro Simon diz que poderá disputar novamente vaga no Senado

Compartilhe: Twitter
Pedro Simon (Foto: Beto Barata/AE)

Pedro Simon (Foto: Beto Barata/AE)

O senador Pedro Simon (PMDB-RS) admitiu que poderá disputar novamente uma cadeira no Senado em 2014.

Ele, entretanto, afirmou que só o fará se seu partido indicar seu nome para a disputa. O senador revela que existe um certo impasse entre ele e seu partido no sentido de definir essa questão.

“Eles querem que eu decida, mas eu quero é que eles decidam”, disse Simon.

Autor: Tags: , , ,

  1. Primeira
  2. 10
  3. 20
  4. 28
  5. 29
  6. 30
  7. 31
  8. 32
  9. 40
  10. 50
  11. 60
  12. Última