Publicidade

Posts com a Tag Rui Falcão

sexta-feira, 4 de abril de 2014 Eleições | 18:02

Lula tem encontro com jovens para discutir Marco Civil da Internet

Compartilhe: Twitter

Um dia depois da reunião entre o presidente do PT, Rui Falcão, e representantes de movimentos sociais e da juventude, hoje foi a vez do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva receber jovens no Instituto Lula. Entre os assuntos do encontro, estavam a aprovação do Marco Civil da Internet na Câmara e a tramitação da proposta no Senado.

Na semana que vem, a presidente Dilma Rousseff receberá cerca de 15 representantes desses movimentos no Palácio do Planalto. Os encontros fazem parte da ação do PT sobre setores que têm se posicionado de maneira crítica ao governo federal, alegando dificuldade de diálogo.

O deputado Alessandro Molon (PT-RJ), relator do projeto do Marco Civil, e os secretários de Cultura e Direitos Humanos de São Paulo, Juca Ferreira e Rogério Sottili, também participaram.

Leia também: Dilma vai se reunir com líderes dos movimentos sociais na semana que vem

 

 

 

 

Autor: Tags: , , , ,

Eleições | 11:00

Desfalcado em puxadores de voto, PT pode escalar Lula para pedir voto de legenda

Compartilhe: Twitter
Rui Falcão (Foto: Epitácio Pessoa/AE)

Rui Falcão (Foto: Epitácio Pessoa/AE)

Desfalcado pelas condenações do mensalão e pela indicação de quadros para o ministério e a campanha presidencial, o PT tentará investir no voto de legenda da campanha para a Câmara.

“Minha ideia, precisa ser debatida nos estados, é que a gente privilegie a legenda do PT, vote no 13, nos candidatos do PT, com o Lula pedindo voto. Isso dá mais voto do que eu aparecer na televisão ou qualquer outro candidato. Mostra um projeto partidário, que que vamos ter compromisso programático, que o deputado do PT vai ter que votar de acordo com o programa”, disse o presidente do partido, Rui Falcão.

Leia também: ‘CPI é eleitoreira e e só prejudica a Petrobras’, afirma Rui Falcão

Autor: Tags: , ,

terça-feira, 1 de abril de 2014 Governo | 15:16

‘CPI é eleitoreira e só prejudica a Petrobras’, diz Rui Falcão

Compartilhe: Twitter
O presidente do PT, Rui Falcão (Foto: Flávio Tavares/Hoje em Dia/AE)

O presidente do PT, Rui Falcão (Foto: Flávio Tavares/Hoje em Dia/AE)

Em meio à articulação da oposição para instalar a CPI da Petrobras, o presidente nacional do PT, Rui Falcão, queixou-se da ação da oposição e disse que há uma ação “eleitoreira” que só prejudica a estatal.

“É uma manobra que, indiretamente, acaba prejudicando a Petrobras. São os mesmos que que tentaram privatizar a Petrobras, mudaram o nome para Petrobrax, foram contra o regime de partilha, que se opuseram ao pré-sal”, disse Falcão.

O presidente do PT minimizou o impacto da CPI na largada da campanha da presidente Dilma Rousseff. Segundo ele, ainda é cedo para medir em pesquisas um eventual reflexo.

 

Autor: Tags: , ,

domingo, 23 de março de 2014 Congresso | 07:00

‘Nem precisa de articulação para evitar’, diz Vicentinho sobre CPI da Petrobras

Compartilhe: Twitter
Vicentinho (foto: divulgação)

Vicentinho (foto: divulgação)

Às vésperas de uma semana decisiva para o Congresso Nacional, o deputado federal Vicentinho (SP), líder do PT na Câmara, adota um discurso para lá de otimista.

Sobre a tentativa de instalar com urgência uma CPI para investigar as recentes denúncias contra a Petrobras, incluindo a compra da Refinaria de Pasadena, nos Estados Unidos, o líder petista é ousado em dizer que que “nem precisa de articulação para evitar”. “É uma tentativa eleitoreira, de desgaste. Até o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso já se posicionou contra a instalação de uma CPI, nesse momento”, diz.

A confiança do discurso de Vicentinho se estende também para a votação do Marco Civil da Internet. O petista acredita no esvaziamento do chamado Blocão e na solução da crise entre governo e base aliada. “Diria que 80% já está com a gente”, afirma ele.

Poder Online – Qual a estratégia do PT na Câmara para enfrentar a CPI da Petrobras?
Vicentinho –
Só o que existe é uma tentativa – que eu considero vã – de instalar essa CPI. Mas existe uma fila grande de CPIs para serem instaladas antes e eles não vão conseguir passar na frente. Esse pedido de urgência não tem o menor cabimento. Nem precisa de articulação para evitar. Essa história da Petrobras é um caso de oito anos atrás, que já está muito bem resolvido. É uma tentativa eleitoreira, de desgaste. Até o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso já se posicionou contra a instalação de uma CPI nesse momento. E a base também, eles já estão quase todos conosco.

A base está voltando? É o fim do blocão, então?
É a volta de quem nunca deveria ter saído, na verdade. Eu não posso te dizer quem, mas eu diria que 80% já está com a gente.

Mas essa crise ainda vai ter impacto nas eleições de 2014? A oposição vai conseguir se aproveitar disso?
Olha, eu espero que não. No Parlamento, a gente já sente que tem cada vez mais uma proximidade, prova disso é a votação do Marco Civil da Internet, na semana que vem, que já demonstra que a maioria está junta.

Como vai ser a votação de terça-feira? Tem algum artigo específico que teve de ser negociado?
A votação deve ser quase por unanimidade. Tem uma ou outra questão que ainda podem ser discutidas, como os datacenters, por exemplo. Mas da neutralidade a gente não abre mão. Existe um entendimento da importância histórica para o planeta, desse projeto, inclusive por deputados da oposição.

E com relação à Medida Provisória 627, sobre a tributação de multinacionais brasileiras no exterior, já existe algum consenso?
Ainda não. Na segunda-feira, haverá uma reunião com os técnicos das bancadas dos partidos e do Ministério da Fazenda para cristalizar bem as divergências e o entendimento do que é prioritário. A partir disso, devemos ter a votação na Comissão Especial, para depois ir ao Plenário.

A reunião da bancada do PT com o ex-presidente Lula, marcada para esta semana, pode ajudar a resolver a crise com a base aliada de uma vez por todas?
A conversa não vai mais ser nesta semana, porque o Lula terá de viajar e está muito cansado, mas pode ser na segunda-feira que vem. Será uma reunião com ele, o [Aloizio] Mercadante e o Rui Falcão. Eles acompanham melhor a conjuntura nacional e com certeza contribuirão para os posicionamentos da bancada, na Câmara. Inclusive sobre assuntos como Petrobras e as eleições de 2014, que fazem parte dessa conjuntura.

Autor: Tags: , , , , , , , , , , ,

terça-feira, 18 de fevereiro de 2014 Eleições | 07:30

Só dois deputados estaduais do PT tentarão vaga na Câmara dos Deputados

Compartilhe: Twitter
Adriano Diogo (foto: divulgação)

Adriano Diogo (foto: divulgação)

A expectativa era maior, mas no fim das contas o PT não deverá ter muitos candidatos trocando a Assembleia Legislativa de São Paulo por disputa a uma vaga na Câmara dos Deputados.

Somente dois deputados estaduais do PT resolveram levar até o fim o plano de fazer a transição rumo a Brasília: Adriano Diogo e Hamilton Pereira.

Edinho Silva, ex-presidente do PT paulista, e Rui Falcão, presidente nacional do PT, desistiram da disputa nacional.

O PT calcula que Silva, Falcão e o atual presidente do PT paulista, Emidio de Souza, que também desistiu de tentar uma vaga na Câmara, poderiam puxar, juntos, algo em torno de 600 mil votos.

Autor: Tags: , , , , , ,

quinta-feira, 13 de fevereiro de 2014 Eleições | 10:30

‘Vão me deixar chupando o dedo feito um garotinho?’, diz Garotinho sobre apoio do PT

Compartilhe: Twitter
Anthony Garotinho

Anthony Garotinho

Pré-candidato do PR ao governo fluminense, o deputado Anthony Garotinho classificou como bom o encontro que teve com o presidente do PT, deputado estadual paulista Rui Falcão.

Entretanto, falou que pouco andou na perspectiva de apoio do PT para a formação de alianças do PR no Rio de Janeiro. Garotinho tem cobrado do PT alguma ajuda na articulação de alianças e reclama que o PT pede um palanque para Dilma Rousseff (PT), mas não faz nenhum gesto.

“Eles querem o quê? Vão me deixar chupando o dedo feito um garotinho”, disse o deputado.

Autor: Tags: , , , ,

terça-feira, 11 de fevereiro de 2014 Eleições | 18:48

Garotinho terá encontro com presidente do PT para tratar de palanque de Dilma no Rio

Compartilhe: Twitter
Anthony Garotinho (Foto: Gustavo Lima/Agência Câmara)

Anthony Garotinho (Foto: Gustavo Lima/Agência Câmara)

O deputado Anthony Garotinho (PR-RJ), pré-candidato ao governo fluminense, tem encontro marcado com o presidente do PT, deputado estadual Rui Falcão (SP).

No encontro, que será realizado às 16h na sala da liderança do PR na Câmara, os dois discutirão a questão do palanque para Dilma Rousseff (PT) no Rio de Janeiro. O PR ainda não fechou questão em relação a esse tema.

Garotinho diz que o partido só definirá posição sobre o tema em maio, mas afirma que existe uma certa tendência pela neutralidade.

“O melhor é: gosto do Aécio (Neves), mas meu governador é o Garotinho, gosto da Dilma, mas meu governador é o Garotinho, gosto do Eduardo (Campos), mas meu governador é Garotinho”, disse o pré-candidato do PR.

Autor: Tags: , , , ,

segunda-feira, 27 de janeiro de 2014 Partidos | 07:30

PT estuda punir filiados que ainda não deixaram o governo de Pernambuco

Compartilhe: Twitter

Embora o PT tenha anunciado em outubro a saída do governo do socialista Eduardo Campos em Pernambuco, muitos petistas ainda continuam em seus cargos tanto no governo do estado quanto na prefeitura do Recife, comandada por Geraldo Júlio (PSB).

Leia também: PT de Pernambuco diz que não aceita imposições

O PT ainda não fez o balanço total de quantos filiados ainda não aderiram à decisão. Estima-se que cerca de 12 só no governo do estado. No Recife, o secretário municipal de Habitação, Eduardo Granja, é um dos exemplos.

No dia 3 de fevereiro, a executiva estadual do partido se reunirá para tratar do assunto. O presidente nacional do PT, Rui Falcão, já avisou que os petistas devem deixar seus cargos rapidamente ou poderão ser punidos. O estatuto petista prevê advertência, suspensão e mesmo a expulsão para casos como esse.

 

Autor: Tags: , , , , ,

quarta-feira, 22 de janeiro de 2014 Eleições | 19:00

PR do Rio adia decisão de apoio à presidente Dilma

Compartilhe: Twitter

O deputado Anthony Garotinho, presidente do diretório estadual do PR-RJ, adiou a conversa que teria com o presidente nacional do PT, Rui Falcão, para fevereiro. O encontro aconteceria neste mês.

Anthony Garotinho (Foto: Gustavo Lima/Agência Câmara)

Anthony Garotinho (Foto: Gustavo Lima/Agência Câmara)

Garotinho diz que foi procurado por interlocutores do pré-candidato do PSDB à Presidência, senador Aécio Neves (MG), nos últimos dias mas que apenas no mês de maio, durante as prévias do PR, a aliança nacional será oficializada.

No sábado, acontece a primeira reunião da executiva do partido no Rio e Garotinho promete uma revelação no evento. “Só posso dizer que o fato se parece muito com a fábula do sapo e do escorpião e que há pessoas que pela sua natureza não conseguem deixar de trair. Tenho certeza que muitos ficarão de boca aberta, estarrecidos, com a falta de caráter e vergonha de alguns políticos”, afirmou o deputado em seu blog.

Leia também: Garotinho vira bode expiatório do PT nas críticas a Cabral

Autor: Tags: , , ,

segunda-feira, 20 de janeiro de 2014 Eleições | 10:00

PT de Pernambuco diz que não aceita imposições

Compartilhe: Twitter

A presidente do PT de Pernambuco, deputada Teresa Leitão, decidiu bater de frente com o comando nacional do partido. Embora o partido já tenha deixado claro que não descarta intervenções nos estados, a dirigente diz avaliar que o diretório estadual tem autonomia para decidir sobre candidaturas e alianças regionais.

O PT nacional da sigla quer apoiar a candidatura do senador Armando Monteiro (PTB-PE), enquanto o deputado João Paulo (PT-PE) trabalha para manter-se no páreo. Teresa diz que a opinião do presidente nacional do PT, Rui Falcão, será considerada mas não será determinante para o posicionamento no estado.

Leia também: Armando Monteiro tenta unificar PT pernambucano

Autor: Tags: , , , ,

  1. Primeira
  2. 1
  3. 2
  4. 3
  5. 4
  6. 5
  7. 10
  8. Última